A terceira etapa do Giro da Itália, nesta segunda-feira (09/05), foi marcada pela morte do ciclista belga Wouter Weylandt, após sofrer uma queda.

Weylandt, de 26 anos, acabou sofrendo a queda fatal na descida do Passo del Bocco, a 25 km do final. Com a queda o ciclista sofreu uma fratura na base do crânio e outras lesões. Após as tentativas de reanimação, o médico Giovanni Tredici declarou o belga como morto.

Na queda, o ciclista se chocou contra um muro depois de perder o controle de sua bicicleta, ainda sem motivo revelado pelas autoridades italianas.

Um helicóptero sobrevoou o local do acidente durante 40 minutos, mas não conseguiu pousar devido às condições do terreno. Com a aeronave pousando a mais de 100 m do local do acidente, a tentativa de locomoção para um hospital próximo acabou tendo a morte do ciclista durante o trajeto.

“Weylandt foi vítima de uma queda cuja reconstrução ainda não foi clara. Quando chegamos ao local do acidente ele estava inconsciente. Seu estado já era muito comprometido, tratamos de lhe reanimar durante 40 minutos, mas não havia nada a fazer”, explicou o médico Giovanni Tredici.


9 MAI, 2011      Guiné     


Compartilhe




Relacionados

Nenhuma oferta de produtos