MENU

Tour Down Under troca Podium Girls por ciclistas da Junior

Os organizadores do Tour Down Under, competição de seis etapas que serve como início de temporadas para muitos ciclistas, apresentou uma importante mudança para sua próxima edição, que começa no dia 17 de Janeiro.

imagem
Peter Sagan e o utra-polêmico caso da Podium Girls em 2013

Em uma alteração que visa, segundo a organização, reduzir as tradições machistas e sexistas do esporte, as garotas do pódio (Podium Girls), responsáveis por entregar os troféus aos ciclistas, foram substitutivas por ciclistas de destaque da categoria Junior. Com isso, a ideia é unir o presente e o futuro do esporte no momento da comemoração.

Em 2013, o atual bi-campeão mundial de ciclismo viu-se em uma situação bastante complicada depois de apertar a bunda de uma podium girl na entrega da premiação do Tour de Flanders. Mesmo depois de explicar que eles estavam tendo um caso na época, a situação repercutiu extremamente mal, com milhares de postagens com hashtag #NoPodiumGirls.

Recentemente, o governo australiano retirou o apoio financeiro que oferecia para a contratação de podium girls da Clipsal 500, uma das corridas de automobilismo mais importantes do país. Por isso, mesmo que a grande maioria das provas de ciclismo ainda utilizem as garotas do pódio, a tendência é que, no futuro, o formato perca popularidade.





Relacionados

Comentários

Poderia ser pior,a mulherada poderia pedir direitos iguais,ai as medalhas do Women Elite ia ser entregue por GoGoBoy,camiseta regata,calça colada,o cara ia dar beijinho no ladin da bochecha da (poe aqui qq nome do Leste Europeu)

O velho politicamente correto de sempre... esses SJW não tem mais o que fazer mesmo.

Qualquer brincadeira ou demonstração de irreverência se torna polêmica atualmente. Mas vâo rachar uma lenha!



Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.