MENU

Tour de France 2020 - Egan Bernal abandona

Jovem colombiano falha na defesa da amarela com dores nas costas e no joelho

Egan Bernal (Ineos Grenadiers), não largou hoje na décima sétima etapa do Tour de France 2020. O atleta de 23 anos que estava em defesa de sua camisa amarela do ano passado agora deve focar em sua recuperação e em outros objetivos da temporada.

Foto 76327
    Pauline Ballet / ASO

Os problemas para o atleta começaram ainda na quarta etapa do Critérium du Dauphiné, há cerca de um mês. Ele abandonou a competição queixando-se de dores nas costas. No Tour, ele manteve uma boa colocação na classificação geral e também a camisa branca de melhor atleta jovem, mas na etapa 15 Bernal quebrou de maneira espetacular.

Na etapa 16, ainda nas montanhas, o ciclista perdeu mais tempo. Ao todo, ele precisou de quase 20 minutos a mais do que Primoz Roglic para cruzar a linha de chegada.

"Egan é um verdadeiro campeão e ama correr, mas ele também é um ciclista jovem com muitas grandes voltas pela frente, e esse é o ponto. Achamos que a decisão mais sábia foi ele parar de correr", comentou Dave Brailsford, diretor da Ineos.

Antes de hoje, Brailsford havia afirmado que Bernal deveria continuar até Paris. Por conta disso, muitos acreditaram que a perda de tempo ontem havia sito proposital. Com tempo nas costas e um pouco mais de descanso, era de se imaginar que Bernal poderia tentar sair em alguma fuga para tentar uma vitória de etapa - claramente este não foi o caso.

"Com certeza não era assim que eu queria terminar o meu Tour, mas concordo que foi a decisão correta dadas as circunstâncias. Tenho muito respeito pela prova e já estou me planejando para voltar aqui nos anos futuros", afirmou o atleta.

"Estava sofrendo com dores nas costas todos os dias e ela estava aumentando. Na última subida meu joelho também começou a doer. Estou machucado de todos os lados", disse.

Em teoria, a Ineos Grenadiers havia se planejado para levar Geraint Thomas como líder para o Giro, e Froome deveria focar suas atenções na Vuelta. Porém, o abandono de Bernal pode mudar tudo isso. Até porque, Froome tem sua saída da equipa confirmada há alguns meses.


Conteúdo Relacionado

Comentários