MENU

Tour de France 2016 - Froome fala sobre o percurso

     

Há alguns dias a ASO, organizadora do Tour de France, divulgou o percurso da prova para 2016. Com foco na competição e nos Jogos Olímpicos Rio 2016, o atual campeão Chris Froome (Sky), já deu sua opinião sobre o trajeto.

Na verdade, embora tenha um contra-relógio forte e uma equipe competente, Froome diz ter gostado bastante das etapas do Tour de France 2016, que segundo ele atendem muito bem suas características como ciclista.

"É um percurso que testa todos os aspectos do ciclismo profissional. Nós teremos que fazer contra-relógio, subir e descer muito bem. Na primeira semana, suponho que o vento cruzado vá se fazer presente. Vamos precisar de proteção", disse.

Os polêmicos paralelepípedo que marcaram presença em 2014 e 2015 foram excluídos, assim como o contra-relógio do Prólogo e o contra-relógio por equipes. Ao invés disso, a primeira semana será marcada por duras etapas de estrada que vão do norte ao sul da França, com a primeira chegada ao alto no estágio 9.

O contra-relógio de 37 km acontecerá no estágio 13, apenas um dia depois de uma das chegadas mais esperadas do Tour 2016 - o Mont Ventoux. Além disso, na etapa 18, os ciclistas enfrentarão uma dura cronoescalada que pode virar o jogo para os escaladores.

"Estou em uma fase da minha carreira que acredito ainda ter muito para dar. Eu venci dois Tours, mas ainda acredito que posso vencer mais. O trajeto me caiu bem e nós temos importantes reforços no time. Vamos ver, mas eu acho que teremos um bom ano", completo Froome.

A caminho do Rio

Os Jogos Olímpicos Rio 2016 certamente estão na mira de Froome, que já conquistou um bronze no contra-relógio dos jogos de Londres, há três anos. Com subidas duras tanto na prova de estrada quanto no contra-relógio, escaladores como ele podem conseguir bons resultados aqui no Brasil.

"O Tour é meu grande foco, mas se minha condição for boa, não existe nenhum motivo para que eu não mire as Olimpíadas também. O circuito é bastante duro e apropriado para escaladores, então nós vamos ver. Faz tempo que não me dedico à provas de um dia, mas é algo que posso trabalhar para a próxima temporada", disse o líder da Sky.

"Vencer a medalha de bronze vou surreal e inacreditável, então eu só posso imaginar como seria conquistar um ouro olímpico. Seria muito especial, mas eu sei que isso vai dar bastante trabalho", finalizou.



Conteúdo Relacionado

Comentários