home

Taça Brasil de XCO 2016 - Goiania - Trezza é o campeão


14 JUN, 2016     Gustavo Figueiredo     2    



Os atletas do Shimano Sports Team mais uma vez estiveram em destaque no ciclismo nacional. Em Goiânia, Sherman Trezza (Caloi Elite Team) levou o título da Taça Brasil de XCO, seguido por José Gabriel Marques (Audax/Shimano) na segunda colocação, enquanto na júnior a vitória foi de Luiz Renato Borges (Oggi/Isapa/Shimano).

imagem

Classe 2 na UCI (União Ciclística Internacional), a Taça Brasil de XCO ofertou 30 pontos aos campeões das elites no ranking mundial. Além de Sherman e Zé Gabriel, as cinco primeiras posições do pódio da super elite contaram com Carlos Alberto Olimpio em terceiro, Erick Bruske (Specialized Racing BR) em quarto e Leonardo Botelho em quinto. Wolfgang Soares (Caloi Elite Team) foi o sexto lugar. Após uma boa largada de Zé Gabriel e Erick, Sherman teve calma para buscar os adversários e garantir a primeira colocação.

"Consegui fazer uma boa prova em Goiânia e assegurei o título na segunda etapa da Taça Brasil de XCO. Estou satisfeito com o resultado, mas ciente de que ainda preciso evoluir para tentar um bom resultado no Campeonato Nacional, em 17 de julho", comemorou Sherman. "Agora é hora de seguir trabalhando duro e ver onde posso chegar com mais quatro semanas de treinamentos até o Brasileiro", complementou o ciclista mineiro.

Para Zé Gabriel, o resultado veio em um bom momento, após ter vencido o Desafio Audax, na semana passada. "Mais uma ótima prova, desta vez na Taça Brasil. Estou feliz demais com meu desempenho. Foi uma excelente experiência para mim". vibrou Zé Gabriel. "O Sherman e eu ditamos o ritmo da prova do começo ao fim. Fui constante nas cinco voltas, em um duelo incrível. Na final da disputa, a experiência dele prevaleceu, mas pude confirmar o vice-campeonato na super elite e o título da sub-23", concluiu.

Luiz Renato, goiano de Catalão, foi superior em relação aos adversários e garantiu o título da etapa na Junior. Lucas Sírio (Specialized Racing BR) também subiu no pódio, na quarta colocação. "Estou muito feliz. Após um período doente, cheguei na corrida muito empolgado e bem fisicamente. O circuito exigiu muito porque tinha subidas e descidas técnicas e íngremes, além do sol que estava fortíssimo", relatou Luiz Renato.

Na elite feminina, Mariana Carcute e Liege Walter seguiram firmes na liderança da prova, que terminou com a vitória de Mariana, fechando o percurso em 1h17min26. Liege ficou com a prata (1h18min25) e Aline Simões foi bronze (1h26min57). Na júnior feminina, a vitória ficou com Julia Beatriz Dantas.


Comentários



Relacionados