home

Shimano Fest 2017 -Short Track - Diário da Raiza


20 SET, 2017     Gustavo Figueiredo    
     


No último fim de semana, o público presente no Shimano Fest 2017 pode conferir de perto todas as emoções da prova do Short Track, que contou com a vitória de Luiz Cocuzzi e Raiza Goulão, atuais campeões brasileiros de XCO.

No texto a seguir, Raiza conta como é a prova de Short Track, da mais detalhes das mudanças que ela fez na bike e ainda comenta sobre o acidente de Karen Olímpio durante a competição e sobre seus próximos desafios. Confira!

Foto 64690
Raiza Goulão no Short Track do Shimano Fest 2017   Pedro Cury

Um evento que respira a paixão pela bike e vem crescendo a cada ano.

Gosto de prestigiar sempre e ver o contato do público com os atletas, marcas de bikes e todo leque de atrações que são realizadas. Agora, também em forma de uma Expo Fair, as maiores marcas de bikes, componentes e acessórios do país estão presentes. Assim, o público tem a oportunidade de ver lançamentos para a próxima temporada, testar bikes, programação para as crianças, sorteios, palestras, competições com grandes nomes do ciclismo nacional (de estrada, MTB e ciclocross). Fiquei muito feliz por ser convidada para este evento.

Na ocasião, pude também participar do Shimano Short Track, que é - para quem não conhece - uma prova com um tempo determinado (na elite feminina são 20 minutos + 2 voltas). Nesse modelo de competição, o público tem total visão do percurso, que é bem curto e repleto de obstáculos para tornar atrativo e com emoção extra, tanto para os atletas, quanto para a plateia. Um atleta precisa ter características de explosão, técnica e boa estratégia para brigar por uma vitória no short track.

Foto 64691
Raiza Goulão no Short Track do Shimano Fest 2017   Pedro Cury

Corri com minha Mondraker Pordium 2018, com um setup um pouco diferenciado das provas de XCO: uma coroa oval Q-ring Rotor 36 dentes em meu pedivela Rotor Rex 1.1 e 25psi de pressão. Optei por uma pressão maior devido ao terreno seco e com obstáculos que não exigiam maior grip ou aderência e Maxxis Ikon 2.2.

Infelizmente, durante a corrida, presenciamos a queda de uma atleta, acidente este que assustou muito o público e mesmo as atletas que estavam na pista. Nossa amiga Karen Olímpio, integrante da equipe Oggi, teve uma queda feia no salto duplo e precisou sair de ambulância. Mas, graças a Deus, já está melhor e não passou de um grande susto. Melhoras, Karen!

Foto 64692
Raiza Goulão no Short Track do Shimano Fest 2017   Pedro Cury

Agora, de volta aos treinos, sigo o preparo para os próximos desafios, como a CIMTB, no dia 23 de outubro na grande São Paulo, que terá sua primeira edição no Jardim Botânico. Estou curiosa para ver as surpresas dessa pista inédita em que o Rogério (organizador do evento) está trabalhando.

Depois, para encerrar a temporada, participarei, de 15 a 22 de outubro, em Porto Seguro, da Brasil Ride: uma ultramaratona de 7 dias. Vamos lá, que agora é a hora de minha Mondraker Pordium desbravar as trilhas e o calor brasileiros. Estou também muito feliz por poder representar minha família espanhola, PMRA Racing Team, aqui na minha terra natal.

Raiza Goulão



Comentários



Relacionados