home

Sagan pode usar freios a disco e suspensão na Paris-Roubaix 2017


18 DEZ, 2016     Gustavo Figueiredo     1    
     


Quando o assunto é freio a disco em bicicletas de estrada, a polêmica é sempre garantida. De um lado, os mais tradicionalistas preferem manter as eternas ferraduras. Do outro, aqueles que acreditam que os discos são o futuro e, no meio, uma grande discussão que envolve, entre outros aspectos, a segurança, a compatibilidade entre rodas e as diferentes capacidades de frenagem dos sistemas.

Depois de iniciar os testes no ano passado, a UCI viu-se obrigada a voltar a proibir os discos no pelotão profissional pouco depois da Paris-Roubaix, onde o ciclista Fran Ventoso da Movistar alegou ter sofrido um sério corte depois de colidir contra um disco de freio.

imagem
Peter Sagan, Tinkoff © ASO/E.Garnier

Com os testes marcados para começar novamente no início da próxima temporada, o bi-campeão Mundial Peter Sagan foi visto testando uma Specialized Roubaix 2017, equipada não só com freios a disco mas também com o Future Shock, sistema de amortecimento exclusivo da Specialized que fica abaixo da mesa e possui 20mm de curso.

Na última quinta-feira (15), os principais ciclistas da Bora-Hansgrohe, incluindo Sagan, conheceram seus novos uniformes e bicicletas para a próxima temporada em um campo de treinamento em Valência, na Espanha. Além da Roubaix, Sagan também terá mais uma opção se resolver usar discos, a Venge ViAS. Em ambos os casos, a vantagem é poder utilizar pneus maiores e encontrar mais potência e precisão de frenagem nas tão comuns chuvas da prova.

"Peter fez um pedal ontem com a bike e acho que ele precisa de mais do que isso para decidir", disse Lars Teutenberg, diretor técnico da equipe. "Ele queria testar estes freios e tinha alguns pedidos para que o sistema fosse calibrado para sua preferência. Vamos ver. Você não consegue decidir este tipo de coisa sentado na mesa. É preciso encontrar condições mais técnicas para sentir a diferença", explicou.





Comentários

  • avatar

    LUIS B.   

    LUIS B.   

    Cá está um, que apesar do esforço e sacrifício como muitos outros fazem, se diverte com o que faz. E como se diverte! E como nos diverte!
    3 ano(s) atrás - Denunciar




  • Relacionados