MENU

Presidente da UCI pede para que Sky suspenda Froome

     

Em uma recente entrevista concedida ao jornal francês Le Telegramme, David Lappartient, presidente da UCI, teceu duras críticas contra a Sky e Froome, alegando que a equipe deveria suspender o atleta durante a investigação sobre um exame de urina que flagrou o atleta com o dobro da concentração permitida de Salbutamol, um medicamento para asma.

Foto 66392
    ASO/Alex BROADWAY

"A Sky deveria suspender Froome. Sem comentar a culpa do ciclista, seria mais fácil para todos. É o que os outros ciclistas querem. Eles estão cansados da imagem do esporte. Aos olhos do público Froome já é culpado", afirmou Lappartient.

Para o presidente da entidade máxima do ciclismo, outra possibilidade seria o próprio atleta se suspender, até porque o caso de Froome não deve ser rapidamente resolvido como muitos pedem. "Este caso não vai se solucionar de uma hora para outra. Pode demorar um ano!", afirmou.

O dirigente ainda acredita que Froome poderia recorrer de qualquer tentativa de suspensão no CAS, mantendo assim seu direito de correr até que o julgamento termine. Vale lembrar que o Salbutamol é uma substância permitida mas que tem uma dosagem máxima controlada, por isso Froome não foi imediatamente suspenso.

Agora, cabe a Froome, que alega não ter excedido a dosagem máxima, defender-se. "Estamos nas mão de especialistas. Cabe a Froome demostrar as razoes desta concentração tão alta de Salbutamol. É ele que precisa provas sua inocência", complementou.

     


Comentários