home

Pista de Mountain Bike - Polêmica em Rio Claro-SP


11 NOV, 2011     Guiné    



Nas últimas semanas o Mountain Bike se tornou manchete no Jornal Cidade de Rio Claro, não pelas conquistas do esporte para o município, mas sim pela polêmica devido a construção de pista de Dirt Jump e Pump Track para a implantação de projetos sociais e competições no local.

A Federação Paulista de Mountain Bike se manifestou dia 27 de Setembro na rede social Facebook, no grupo Rio Claro (que pode ser acompanhado no link, uma vez em que o assunto voltou a ser noticiado pelo referido jornal com manchetes intitulando o Mountain Bike como polêmico na cidade.

As matérias podem ser vistas nos links:

Pista de Mountain Bike gera polêmica na cidade
Câmara vota contra Termo de Cooperação Técnica entre a FPMTB e a Prefeitura
Pista de Mountain Bike Segue Polêmica

O presidente da entidade, Clayton Palomares, se pronunciou ao jornal, enviando texto como direito de resposta (como reza a constituição), uma vez em que a FPMTB é citada nas matérias do referido jornal, porém, sua resposta não foi publicada pelo jornal, mas pode ser vista na íntegra, no link.

Desta maneira, a FPMTB gostaria de enfatizar que aguarda pela convocação oficial da Câmara Municipal de Rio Claro, para participar de “audiência pública devido à pista de mountain bike” (como noticiado no referido jornal), para que possa, assim, prestar esclarecimentos sobre os atrasos no cronograma da obra por parte da executante (Prefeitura Municipal de Rio Claro) e, também, informar TODA a sociedade sobre os benefícios da obra para a cidade, a população e para o local em questão.

O “Termo de Cooperação Técnica” citado na matéria do referido jornal, que foi votado contrário pelo vereador Sivaldo Faísca em primeira discussão e por unanimidade em segunda discussão, garantia que a FPMTB fornecesse filantrópica e legalmente o auxílio técnico necessário à Prefeitura para a construção da pista, uma prestação de serviço que, se cobrada, esta orçada em R$ 15.800,00. Agora, com a rejeição da proposta pelo legislativo resta esperar a reunião com o executivo, que acontecerá nesta semana, para sabermos o futuro da obra.

Os vereadores parecem desconsiderar a importância da implantação de projetos sociais naquela região, podendo atender facilmente 10 bairros periféricos, como o que a FPMTB tinha planejado para o local de escola de bicicleta, projeto que busca fundos do governo federal por intermédio de leis de incentivo fiscal e atenderia facilmente mais de 3.000 crianças, jovens e adolescentes de 06 a 17 anos anualmente, retirando-os das ruas e da criminalidade e destinando-os a um ambiente saudável de fruição, prática esportiva, recreacional e de lazer em seu tempo ocioso.

A área institucional pertence a Prefeitura Municipal de Rio Claro e sempre esteve abandonada a toda sorte com mato crescendo e atraindo ratos, baratas, lixo, assaltos, marginais e uso de drogas no local. Agora a Prefeitura iniciou a construção de um Complexo Esportivo que vai da Av. 50 à Av. 80, com diversas praças de esportes e que irão atender mais de 10 bairros do entorno, além de boa parte da população rio clarense que irá se deslocar até o local para realizar atividades e praticar exercícios diariamente.

Para a Federação Paulista de Mountain Bike (FPMTB) o local escolhido pela Prefeitura Municipal de Rio Claro para a construção da pista é condizente com os quesitos técnicos necessários para a implantação do esporte e dos projetos sociais e desportivos, inclusive, situando-se em local de acesso da cidade, de fácil localização e de destaque na malha urbana, fomentando o reconhecimento, desenvolvimento e grande repercussão do esporte na sociedade local e regional.

A pista é fruto de uma assessoria técnica prestada filantropicamente pela FPMTB à Prefeitura, que pretende ser uma das mais modernas e melhores pistas de ambas as modalidades no país, atendendo todo tipo de ciclista.

Para fins de apresentação ao Ministério Público e a possível audiência pública da Câmara Municipal de Rio Claro, um abaixo assinado começou a ser veiculado na internet em favor a construção da pista no local, os interessados em contribuir com a implantação deste espaço desportivo, educacional de lazer e fruição à população podem assinar no link: http://www.peticaopublica.com.br/?pi=fpmtb1

Breve maiores informações sobre o andamento das obras.


Comentários



Relacionados