home

Parlamento Britânico conclui que Wiggins e Sky utilizaram medicamentos para melhorar desempenho


5 MAR, 2018     Gustavo Figueiredo     4    



Um relatório publicando ontem pelo Comitê Parlamentar Britânico afirma que o ciclista Bradley Wiggins, a Sky - sua equipe na época - e a British Cycling (Confederação Britânica de Ciclismo) cruzaram a linha do que é ético para utilizar medicamentos controlados com o intuito de ganhar desempenho em momentos cruciais da carreira do atleta, inclusive antes de sua vitória no Tour de France 2012.

Foto 66761

O caso de Wiggins explodiu quando um grupo de hackers chamado Fancy Bear vazou dados médicos de inúmeros atletas, revelando que Wiggins fez uso de TUEs antes de provas importantes, permitindo assim o consumo de substancias normalmente proibidas. O caso mais grave seria o uso de potentes corticoides antes do Tour de 2012, supostamente utilizados para perda de peso.

Em sua defesa, a Sky publicou uma nota afirmando "surpresa e desapontamento", ainda afirmando que o comitê fez uma afirmação maliciosa sem apresentar nenhuma evidência ou oferecer chance de resposta, sendo injusta com o ciclista e com o time em questão.

"Eu acho triste que acusações possam ser feitas e que pessoas podem ser acusadas de coisas que eles nunca fizeram. Eu refuto as acusações veementemente, já que nunca utilizei medicamentos sem necessidade médica", disse Wiggins em sua conta no Twitter.

"Baseado em evidencias, acreditamos que este poderoso o poderoso corticoide Triamcinolona foi utilizado por Wiggins e talvez por outros atletas antes do Tour de France. O objetivo não foi o tratamento de doenças e sim para melhorar sua relação peso / potência antes do Tour de 2012", afirmou o comitê em nota.

O comitê ainda concluiu que, embora isso não viole o código da WADA, os limites da ética certamenteforam cruzados por David Brailsford, General manager da Sky e também pelo Doutor Richard Freeman, além dos próprios atletas, incluindo Chris Froome, Richie Porte e Michael Rogers.


Comentários

  • avatar

    Jefferson Cabral   

    Jefferson Cabral   

    E depois querem crucificar só o Lance, todos no mundo do ciclismo sabe que: não existe ciclismo competitivo a pão e água. É fato.
    9 mes(es) atrás - Denunciar


  • avatar

    Demetrius    

    Demetrius    

    Devolvam os 7 já!
    9 mes(es) atrás - Denunciar




  • Relacionados