MENU

Nova York vai multar ciclistas e comerciantes que usarem bikes elétricas

As e-bikes, ou bicicletas com pedal assistido, são uma excelente opção de meio de transporte, já que o auxilio elétrico ajuda muito em subidas e nas acelerações rápidas ao lado dos carros quando o faro fica verde. Tanto é que este tipo de bicicleta é cada vez mais comum no panorama de diferentes cidades do mundo.

Foto 65705

Porém, as e-bikes acabam de ganhar um adversário de peso na política: Bill de Blasio, prefeito da cidade norte-americana de Nova York. Depois de uma grande operação de apreensão de bicicletas elétricas nas ruas da cidade no começo deste ano, o prefeito promete uma nova etapa em sua estratégia para desestimular o uso de elétricas - multar empresas que usem este tipo de bicicleta para fazer entregas.

Segundo ele, as bicicletas elétricas são ilegais na cidade e, graças a reclamações de grupos de moradores, as ações contra o que ele classificou como "scooters motorizadas" devem aumentar. Atualmente, quem for pego transitando com uma e-bike pela cidade paga uma multa de até U$ 500,00. A partir de agora, estabelecimentos comerciais que usarem bicicletas elétricas pagarão uma multa que começa em 100 e sobe para 200 dólares a cada infração.



Relacionados

Comentários

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.