MENU

Mundial de Paraciclismo de Pista 2024 - Rio de Janeiro - Dia 1 - Resultados

Oito categorias já conhecem seus novos campeões; agenda incluiu ainda cerimônia de abertura e fase classificatória da Omnium e Scratch

Foi dada a largada, nesta quarta-feira (20), para o Mundial de Paraciclismo de Pista 2024, no Velódromo do Rio. O evento mais importante do calendário da modalidade é também a última grande chance de pontuar e garantir vaga nos Jogos Paralímpicos de Paris 2024. Ao fim do primeiro dia de competição, oito categorias já conhecem seus novos campeões do mundo.

Comitiva chinesa no Mundial de Paraciclismo de Pista
Comitiva chinesa no Mundial de Paraciclismo de Pista    Allan Modesto


Durante a manhã, além das qualificatórias, ocorreu também a Cerimônia de Abertura do evento. A solenidade contou com a presença do Secretário Municipal de Esportes do Rio de Janeiro, Guilherme Schleder; do Secretário Nacional de Paradesporto do Ministério do Esporte, Fábio Augusto Lima de Araújo; do presidente do Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), Mizael Conrado de Oliveira; do presidente da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC), José Luiz Vasconcellos e do vice-presidente da União Ciclística Internacional (UCI) e presidente da Confederação Pan-Americana de Ciclismo (COPACI), José Manuel Pelaez.

Aos 23 anos, o francês Alexandre Léauté confirmou o favoritismo e conquistou o ouro da perseguição individual da Classe C2 masculina pelo terceiro ano consecutivo. Ele também é o atual campeão paralímpico desta disputa e, em Tóquio, conquistou ainda uma prata e dois bronzes. Campeão de três das quatro provas individuais da categoria no ano passado, incluindo contrarrelógio e a Omnium, ele compartilhou sua receita para o sucesso.

Publicidade


“O mais importante é o prazer que tenho de estar na pista, de andar de bicicleta com a minha equipe e de competir. A paixão pelo esporte é o que me move e é isso que espero desses próximos dias no Rio: aproveitar meu tempo na pista. Não tenho ainda certeza se me qualificarei para os Jogos de Paris, mas sei que o título mundial me ajuda bastante nessa tentativa, em junho, veremos”, disse. A prata da disputa ficou com o belga Ewoud Vromant e, o bronze, com o japonês Shota Kawamoto.

Entre as mulheres, a chinesa Xiaomei Wang é a nova campeã de contrarrelógio da Classe C3. Ela superou a canadense Mel Pemble e a holandesa Aniek Van der Aarssen para levar para casa sua primeira medalha de ouro em Mundiais. No ano passado, em Glasgow, ela conquistou a prata na categoria. O roteiro pode até ser um presságio para Paris: em Tóquio, ela levou a prata na perseguição individual. Agora, pode ter uma nova chance de subir ao lugar mais alto do pódio.

“Estou muito feliz por conquistar minha primeira medalha de ouro. Eu tinha três pratas e dois bronzes no paraciclismo, essa é a minha primeira vez no topo do pódio e isso é muito emocionante. Gostaria de agradecer à minha equipe e à organização. Será uma honra se eu tiver a oportunidade de ir aos Jogos Paralímpicos de Paris e farei o meu melhor para conquistar essa vaga”, disse.

Publicidade


Performance do Brasil
A atleta Sabrina Custodio foi o destaque do grupo conquistando a quinta colocação na prova de perseguição individual (3.000m) na categoria WC2.

A equipe brasileira ainda competiu no contrarrelógio com Fabiana Assis, 9º lugar, e Telma Bueno, 13º lugar na categoria WC5. Amanda Antunes ficou na 8ª colocação na WC3. Na prova de perseguição individual, Sabrina Custodio por muito pouco não disputou o bronze e finalizou na quinta colocação da WC2 (3.000m). Victória Barbosa e Mikaeli de Araujo, que também competem na mesma categoria, terminaram na 7ª e 9ª colocações, respectivamente.

Na categoria MC1, Carlos Alberto ficou com o 9º lugar, enquanto Vitor Oliveira foi o 10º colocado na MC2. Os atletas ainda disputaram a classificatória da prova de scratch para as categorias MC3 e MC4. Os resultados completos podem ser acessados no link: https://paraworlds2024.veloresults.com

Nesta quinta-feira, o Brasil é destaque com grandes chances de medalha com Lauro Chaman, na prova de Perseguição Individual (4.000m) da MC5, e Sabrina Custodio nos 500m contrarrelógio da WC2.

Veja fotos dos atletas brasileiros:



Resultados do primeiro dia

Classe 4 masculina - 200m Flying Start (Omnium)
Top 3: Jody Cundy (GBR), Korey Boddington (AUS) e Bryan Larsen (USA)
Brasileiros: Elielson Rodrigues (18º) e André Grizante (19º)

Tandem misto - Tandem Team Sprint (750 m)
Medalhistas: Itália (Chiara Colombo e Elena Bissolati/Stefano Meroni e Francesco Ceci), Grã-Bretanha (Lora Fachie e Corrine Hall/Neil Fachie e Matthew Rotherham) e Estados Unidos (Hannah Chadwick e Skyler Espinoza/Michael Stephens e Joe Christiansen)
Brasil: oitavo lugar (Márcia Fanhani Gonçalves Ribeiro e Maria Tereza Muller/Bruno Bonfim dos Anjos e José Eriberto Medeiros Rodrigues Filho)

Classe 5 feminina - contrarrelógio (500 m)
Medalhistas: Caroline Groot (NED), Marie Patouillet (FRA) e Nicole Murray (NZL)
Brasileiras: Fabiana Ventura de Assis (9º) e Telma Aparecida Alves Bueno (13º)

Classe 4 feminina - contrarrelógio (500 m)
Medalhistas: Kadeena Cox (GBR), Anna Grace Taylor (NZL) e Xiaouhi Li (CHN)

Classe 3 feminina - contrarrelógio (500 m)
Medalhistas: Xiaomei Wang (CHN), Mel Pemble (CAN) e Aniek Van der Aarssen (NED)
Brasileiras: Amanda Antunes de Paiva (8º)

Publicidade



Classe 2 feminina - Perseguição individual (3 km)
Medalhistas: Daphne Schrager (GBR), Flurina Rigling (SUI) e Dan Florez Munevar (COL)
Brasileiras: Sabrina Custódia da Silva (5º) e Victoria Maria de Camargo e Barbosa (7º)

Classe 1 feminina - Perseguição individual (3 km)
Medalhistas: Wangwei Qian (CHN) e Katie Toft (GBR)

Classe 1 masculina - Perseguição individual (3 km)
Medalhistas: Zhangyu Li (CHN), Weicong Liang (CHN) e Keith Aron (USA)

Classe 2 masculina - Perseguição individual (3 km)
Medalhistas: Alexandre Leaute (FRA), Ewoud Vromant (BEL) e Shota Kawamoto (JPN)
Brasileiros: Victor Luise de Oliveira Herling (10º)

Quadro de Medalhas:

China - 5 medalhas (3 ouros -1 prata -1 bronze);
Great Britain - 4 medalhas (2 ouros - 2 pratas);
França - 2 medalhas (1 ouro - 1 prata).

Com informações da CBC


Relacionados

Comentários

Outras notícias

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.