MENU

Mundial de MTB 2018 - Lenzerheide - Convocação da seleção gera polêmica

Atletas questionam critério escolhido pela Confederação Brasileira de Ciclismo para selecionar atletas que vão representar o Brasil na Suíça

No dia 6 de de agosto deste ano, a Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) divulgou os atletas brasileiros que representarão o pais no Campeonato Mundial de MTB 2018, prova que será realizada em Lenzerheide, na Suíça, entre os dias 05 e 09 de setembro.

Foto 69044
    Michele Mondini / Divulgação

Os atletas convocados foram Luiz Henrique Cocuzzi (Scott/Lar/Shimano), Henrique Avancini (Cannondale Factory Racing), José Gabriel (Groove/Chaoyang/Shimano/ASW) e Raiza Goulão (Primaflor-Mondraker-Rotor). A escolha dos representantes, porém, gerou alguma confusão e insatisfação entre atletas e técnicos, já que o critério utilizado pela CBC não leva em conta somente os pontos no ranking olímpico da UCI e sim outros critérios justificáveis. Com isso, Henrique Avancini, atual número 2 do mundo, foi um dos primeiros a relatar sua insatisfação.

Foto 69042
    Maximiliano Blanco / CBC

"Já me posicionei algumas vezes em relação aos pontos que eu considero falhos, dentre eles: - Critérios justificáveis ao invés de critérios concretos prévios: Como exemplo na Elite Masculina os atletas convocados foram Luiz Cocuzzi e José Gabriel. O primeiro atual campeão Panamericano e 2º brasileiro no ranking UCI (Justificável!). O Zé é atual vice-campeão brasileiro Elite em seu primeiro ano na categoria (Justificável também)! Aí entra a falha! Quase sempre há uma justificativa. Mas eu me pergunto se a prioridade não deveria ser o Gotardelo, já que ele atualmente é o 2º colocado no ranking olímpico UCI", afirmou Avancini em sua conta do Instagram.

Foto 69045
    Groove / Divulgação

Segundo colocado entre os brasieliros no Ranking Olímpico da UCI, Guilherme Gotardelo Muller (Sense Factory Racing) também não ficou satisfeito com a decisão CBC.

"Mais uma vez fico sem entender as escolhas da CBC. Sou o segundo atleta de maior pontuação no ranking olímpico da UCI, fui top 3 entre os brasileiros em todas as provas que participei desde o início do ano, além de ser 4º colocado no campeonato Pan-americando de MTB na Colômbia esse ano. Todos que foram convocados tem seu mérito e merecem muito estar lá. Mas não faria sentido levar todos os pontuadores do ranking Olímpico? Já que o Brasil está na busca de vagas?", desabafou o ciclista em sua conta do Instagram.

Foto 69046
    Pedro Cury

Critérios de seleção

Segundo a CBC a convocação tem como objetivo exclusivo o Campeonato Mundial. Para selecionar os atletas convocados, foram adotados critérios objetivos, fundamentados em resultados esportivos (Campeonato Brasileiro, eventos nacionais, internacionais, e demais resultados de competições recentes), e também critérios subjetivos, como fator idade, renovação da base, surgimento de novos atletas com alto índice técnico e atletas que tenham apresentado resultados crescentes significativos ao longo da última temporada.

Foto 69043
    Maximiliano Blanco / CBC

"Antes de criticar minha convocação busque no site da CBC o critério que está no site a semanas e entenda melhor o porque fui convocado. Fui segundo colocado na Campeonato Brasileiro e no RANKING UCI me encontro em terceiro, atrás de Cocuzzi e Guilherme e foi no qual foi usado como critério! E acima de tudo esta no site da CBC para todos os atletas criarem suas estratégias para conquista a vaga! Eu fiquei atento a isso e tracei estrategia em cima", afirmou José Gabriel em resposta à Avancini.

Além da confusão com os atletas, a convocação também gerou um certo desconforto na equipe Técnica, com o treinador Helio Souza deixando seu posto por não concordar com o atual formato. Em seu lugar, Cadu Polazzo foi selecionado para auxilar a equipe. A falta de mais atletas mulheres também incomodou, já que existe uma busca pela segunda vaga olímpica para as mulheres e somente uma atleta está sendo levada.


Relacionados

Comentários

cbc so vai acabar com os esporte era so povo parar de torce ir nas corrida.pq eles nao lanca tipo 2 meses antes o que vai levar pras olimpíadas,ja aconteceu isso bem
Antes com Marcio Ravelli

Essa comédia de CBC acontece desde os anos 80/90. Na época um ciclista de nome Gabriel Sabbião estava no topo do ranking, pedalando demais. Por problemas de apadrinhados dentro da CBC, acabou ficando fora das Olimpíadas. Esse Cocuzzi não anda Nada.

Infelizmente essas pessoas da CBC e de outras entidades voltada ao esporte que involva Governos e dinheiro público , só pensam em grana, nada mais do que isso, essas pessoas deixam nossas atletas frustrados e doentes.

Infelizmente o que vejo é um lado torcendo por um bem maior O esporte e outro somente os interesses próprios.
Não julgo a condição do atleta mas sim a postura diante da situação, pois quem está sendo beneficiado agora, poderá sofrer com a mesma injustiça no futuro.
Mesmo caso entre os treinadores, Hélio se posicionou, e infelizmente Cadu não teve a mesma visão, gerando uma grande desunião da classe.
E olha que isso foi falado exaustivamente na live do canal MTB90 com a participação do presidente da CBC e do Henrique Avancini.

Desta vez, a CBC divulgou o critério antecipadamente, e usou exatamente o critério divulgado, que com certeza é o mais coerente. Como o próprio nome diz, o ranking olímpico será o critério para os convocados para as Olímpiadas. Parabéns a CBC. http://www.cbc.esp.br/noticias/busca/id/10865

Como sempre nada a ver com a coerência e ética no com o ciclismo bem fez o Avancini de ir embora e ter uma visão maior sobre o ciclismo como sempre essas federações está cheio de pessoas sem noções do esporte nesse caso o ciclismo mentes medíocres.

olá boa noite temos grandes mineiros como Jefferson Batista da cidade de mariana que vem crescendo muito tb deveria da oportunidades

Falta de respeito teria que parar de representar o Brasil em várias modalidades tudo e em torno de valores comercial .
O esporte brasileiro só funciona a onde a algum interesse comercial vergonha

Isso não é novidade. Já passamos por isso na categoria feminina. A Cbc sempre usou como quis o critério de convocação e, tem o respaldo em seu estatuto para isso. Na minha época, fui prejudicada e nada foi feito.

Brasil, sempre Brasil ??????

O Brasil é o país da piada pronta, não poderia ser diferente com as confederações desportivas do país e que os critérios fossem feitos de qualquer jeito. Todos os atletas citados são de altíssimo nível e merecem estar lá, mas sempre existirá a dúvida dos que ficaram de fora.



Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.