home

Mountain Bike Intercity Onça de Pitangui - Tudo sobre a competição


11 FEV, 2011     Guiné    



O que dizer de uma competição que consegue reunir 307 atletas inscritos logo no início do ano ? A resposta é: SUCESSO! Alguns dizem que este sucesso se deve a premiação no valor de R$8.000,00 reais, outros pelo mega almoço servido aos atletas após a prova e uns dizem ser pelos mais desafiadores e exigentes trajetos para mountain bike com uma distância mínima de 35,6km nesta edição. Pois é, para quem pensou que seria fácil, estava enganado.

Mas o sucesso do Mountain Bike Intercity de Onça de Pitangui deve-se aos 16 anos de tradição da prova, que organizada por Marcelo de Oliveira desde a 1° Edição, leva o mesmo nome da cidade. Além de abrir o calendário de provas importantes no país.

imagem

Participaram atletas de todos os níveis, desde o iniciante-amador ao profissional, chegando a reunir grandes nomes do mountain bike nacional.

Neste ano, a prova não contou com o maior vitorioso, Uirá Ribeiro de Castro (4 títulos) e Hugo Prado Neto, que também é outro grande campeão que desfalcou nesta edição. Mas estes desfalques não tiraram o brilho da prova. Foi um sofrimento para subir a serra da Santa Cruz com 2,7km. Depois dela, mais duas serras pela frente com mais subidas intermináveis.

Parece brincadeira, mas não foi. A serra da Caulin tinha a maior distância x subida da prova. Subir estas serras compensava e muito, pois o visual era de tirar o que restou do fôlego dos atletas. E como tudo que sobe, um dia desce! Os atletas pegaram descidas com registros de até 79km/h.

Competição

Tudo ocorreu dentro do planejado pela organização. A largada foi por volta das 10:15min. Logo de cara, os atletas tiveram que encarar a temida serra da Santa Cruz, citada acima. Com uma média de calor de aproximadamente 32°C e um trajeto fortíssimo, com grande variação na altimetria, alguns atletas abandonaram a prova. Mas no geral, um espetáculo de competitividade com destaque para os rachas.

Na categoria mais disputada, a Sub-23, apenas 1 segundo separaram os atletas Rodrigo Silva Rosa (Divi Bike / Itauna-MG) e Miguel Wutkowisky (LM Bike/ Tripp / Pedal / Specialized), que duelaram guidão a guidão até a linha de chegada com os tempos de 1:30:18s e 1:30:19s; respectivamente.

E quem pensava que o melhor tempo da prova seria da categoria Elite Masculino, estava enganado. Um atleta que correu na categoria Sub-35, César Gonçalves Moura (OCE-IronHorseotg) foi o destaque com o tempo de 1:24:35s.

Na categoria Elite Masculina, outro duelo. Geraldo Rodrigues, não teve sossego com Gustavo Ricardo dos Santos. Os dois andaram juntos o tempo todo até que nos instantes finais, Geraldo emplacou a vitória. O terceiro colocado foi Junio Alves Vieira, seguido de Leandro Alves do Carmo e Edicarlos Oliveira “Rosinha”; quarto e quinto respectivamente.

imagem

Já no feminino, o destaque foi a mineira Isabella Lacerda. A itaunense venceu a prova de ponta a ponta, com uma vantagem considerável para segunda colocada, Aline Lombello, que mesmo não se sentindo bem, conseguiu segurar o resultado. Na terceira colocação e quarta, vieram Márcia Helena e Letícia Jaqueline. Glaidiany de Cássia terminou a prova na quinta posição, após sofrer com o calor e ser atendida pela equipe de apoio durante a prova.

A campeã da prova relatou como foi a sua participação:

“A competição foi muito bem organizada e sinalizada. Atletas de muitas cidades compareceram em massa. Mas acho que o calor foi o principal inimigo de todos, tão quanto que alguns atletas não se sentiram bem e tiveram que abandonar. Infelizmente. Quando iniciou a prova, eu fiz uma largada forte e administrei o ritmo por um bom tempo. Mas não descansei até cruzar a linha de chegada. O circuito foi excelente, descidas técnicas e subidas íngremes e longas, como de costume. Estou muito feliz com o resultado desta primeira prova do ano, que serviu como um forte treino e uma grande motivação para a temporada que apenas se inicia."

Atletas paraolímpicos

A competição contou com atletas Paraolímpicos. Destaque para Athos Martins Costa “Neguinho”, que mora em Belo Horizonte-MG. Athos foi um guerreiro, subiu bravamente a serra da Santa Cruz entre os primeiros colocados da categoria Sub-30, deixando muita gente para traz e muitos outros empurrando as bikes. Infelizmente, "Neguinho" abandonou a prova por problema mecânico, após uma queda, causada por outro competidor que tinha caído na sua frente.

A presença de muitos atletas especiais fez com que a organização anunciasse, antecipadamente, uma categoria exclusiva na próxima edição. Mais do que pessoas especiais, estes atletas mostraram que também estão dispostos a competir e abrilhantar ainda mais a competição.

Considerações finais

A prova também contou com a presença de dois italianos que residem no Brasil há muitos anos e competiram pela primeira vez em Onça de Pitangui: Leonardi Bruno (70 anos) participou na categoria Duplas com seu filho. A dupla elogiou a boa organização, o excelente nível dos atletas e duro circuito.

Como nada é perfeito... a maior reclamação por parte dos atletas foi à falta de água nos pontos de apoio. A organização explicou que como fazia muito calor, a água acabou rápido. Os atletas que passavam primeiro bebiam mais água e algumas vezes não se educavam ao desperdiçar a mesma. Neste propósito, os atletas que passavam por último nestes pontos, ficaram sem água. Com certeza este agravante será corrigido e não manchará a décima sétima edição da prova, que já promete.

imagem

Resultados

Elite Masculino

1- Geraldo Rodrigues da Silva (Brou Aventura / Tripp) 01:25:42s
2– Gustavo Ricardo (LM Bike / Tripp / Pedal.com.br / Specialized) 01:26:01.89
3– Junio Alves Vieira (CEMIL / Patos de Minas, MG) 01:29:34.39
4– Leandro Alves do Carmo (Alto Rendimento Assessoria / Itabirito, MG) 01:31:20.25
5– Edicarlos Oliveira – Rosinha (Brou Aventura / Tripp) 01:31:23.84

Elite Feminino

1– Isabella Lacerda (Scott / Fórmula Bike / Pedal.com.br / Optic Nerve)01:53:52.56
2– Aline Lombello (Ophicina Bike Shop / São João del Rey) 02:03:18.77
3– Márcia Helena (Greem Max / Lagoa Santa, MG) 02:05:16.76
4– Letícia Jaqueline (IkenfixBike / BH) 02:07:48.86
5– Glaidiany de Cássia (LM Bike / Tripp / Pedal.com.br / Specialized) 02:12:27.76


Fotos (67)

foto 0 -  foto 1 -  foto 2 -  Mais Fotos

Comentários



Relacionados