home

Milan-San Remo 2018 - Nibali conquista vitória eletrizante


17 MAR, 2018     Gustavo Figueiredo    
     


A "La Classicissima" terminou como um conto de fadas para o italiano Vincenzo Nibali (Bahrain-Merida). Depois de 294km de prova, o ciclista venceu a competição empurrado pela torcida pela torcida local, com um ataque típico do "Tubarão de Messina" nas subidas do Poggio.

Foto 66978
   Eurosport / Reprodução

A vitória veio depois de um dia lento de corrida, com a fuga sendo controlada pouco antes da subida do Cipressa, a 27 km da meta. Com os escapados capturados, o ritmo aumentou um pouco, mas só o suficiente para as principais equipes controlarem o pelotão.

Desta forma, o bloco veio cheio até o Poggio, onde uma série de pequenos ataques terminou com a Bahrain-Merida na frente, armando o bote do Tubarão. A aceleração do atleta aconteceu a cerca de 7.6km da chegada, quando o italiano partiu em busca de Krists Nielands.

Em uma excelente estratégia, a Bahrain-Merida reduziu rápidamente o ritmo nas estreitas subidas, fazendo o pelotão embolar e perder tempo. Pareceu pouco, mas foi o suficiente para Nibali deixar Nielands para trás e cruzar o topo com 7 segundos de vantagem.

Durante a descida do Poggio, ele usou sua habilidade para controlar a distância do pelotão. Antes de vencer, o italiano ainda pedalou cerca de 2km no plano com o bloco em franca perseguição. No fim, Nibali conseguiu cruzar a meta com uma vantagem mínima sobre Caleb Ewan (Mitchelton-Scott), conquistando uma das vitórias mais espetaculares de sua carreira.

Resultados

1 Vincenzo Nibali (Ita) Bahrain-Merida 7:18:43
2 Caleb Ewan (Aus) Mitchelton-Scott
3 Arnaud Demare (Fra) Groupama-FDJ
4 Alexander Kristoff (Nor) UAE Team Emirates
5 Jurgen Roelandts (Bel) BMC Racing Team
6 Peter Sagan (Svk) Bora-Hansgrohe
7 Michael Matthews (Aus) Team Sunweb
8 Magnus Cort (Den) Astana Pro Team
9 Sonny Colbrelli (Ita) Bahrain-Merida
10 Jasper Stuyven (Bel) Trek-Segafredo


Comentários



Relacionados