home

Maratona Internacional Estrada Real 2019 #3 - Itabirito - Sense Factory Racing fecha com vitórias

Fim de semana em Itabirito (MG) terminou com vitória para Jaqueline Mourão e Giugiu Morgen. Mário Couto ficou em segundo da Sub-23


23 SET, 2019     Gustavo Figueiredo    
     


No último fim de semana, a equipe Sense Factory Racing levou toda a sua estrutura e principais atletas para disputar a etapa final da Maratona Internacional Estrada Real. Em Itabirito, Minas Gerais, o time oficial da Sense Bike conquistou a vitória em diferentes categorias, com Jaqueline Mourão levando a Super Elite Feminino e Giugiu Morgen sendo a mais rápida na categoria Feminino Juvenil.

Na ausência de Rubinho Valeriano, que sofreu um tombo no começo da semana, o time ainda contou com a grande atuação de Mario Couto, atleta que fechou a prova em oitavo na Super Elite Masculino e em segundo na Sub-23.


Jaqueline Mourão

Atual líder no ranking olímpico para Tokyo 2020, Jaqueline Mourão comemorou muito sua participação e vitória na prova. A mineira tem muita história na região de Itabirito, tendo competido de downhill e de Cross Country no local 25 anos atrás. Mais do que a vitória, Jaque considerou a recuperação brasileira no ranking olímpico um dos maiores destaques do fim de semana.

Foto 73443
   Cesar Delong

“Muito feliz em voltar para Itabirito. É uma cidade que tem muita história comigo, então é sempre muito emocionante”, comentou a atleta. “Meu objetivo aqui era buscar pontos. É uma prova Classe 1 da UCI e o Brasil estava muito bem no ranking olímpico, mas acabamos caindo para vigésimo, o que nos deixou em uma situação muito difícil. Graças a Deus, hoje conquistamos 130 pontos e, com isso, subimos novamente para décimo oitavo”, complementou.

Segundo ela, a competição foi muito dura, principalmente por conta do calor e de uma largada bastante conturbada. Mais uma vez, a experiência da atleta, que já estava familiarizada com o tipo do terreno, foi fundamental para que ela subisse no lugar mais alto do pódio.

“Estou chegando do Canadá, onde competi o Mundial e a final da Copa do Mundo, e lá já está muito frio, então sabia que o calor poderia pesar bastante e fiquei feliz quando vi as nuvens. Ontem não treinei na pista para evitar ficar no sol e a largada foi muito tumultuada, então essa prova na minha cabeça foi manter a calma para completar bem. O segredo foi descer tranquila e sem me afobar, para socar nas subidas”, explicou a atleta. O próximo desafio de Jaqueline Mourão acontece no Paraguai, no dia 28 de Setembro, onde ela deve disputar a Copa Aguavista de XCO.

Giugiu Morgen

A maior revelação do mountain biking nacional dos últimos anos segue sua trajetória vencedora, fechando seu ciclo na categoria Feminino Juvenil com mais uma vitória. Em 2018, Giugiu venceu todas as etapas da Maratona Internacional Estrada Real, mas em 2019 esta é sua primeira participação, já que as outras etapas coincidiram com compromissos internacionais como o Pan-americano e o Swiss Cup.

Foto 73442
   Cesar Delong

“As expectativas para a prova são boas, porque é uma pista que conheço bem e gosto bastante. Acho que meu único obstáculo será o calor. Embora esteja praticamente no final das principais competições nacionais, venho treinando bastante para ter uma virada de categoria sólida e consistente e, para mim, será uma corrida para começar a fechar minha temporada na Juvenil”, revelou Giugiu antes da prova.

Vale destacar que ela acaba de vir de uma vitória internacional há duas semanas na Copa Quebec, disputada em Mont Saint-Anne, no Canadá. Pouco antes, Giugiu ainda conquistou os títulos de Bicampeã Pan-americana em abril e Brasileira em julho.

“A prova foi muito boa e o percurso estava muito divertido. Mais uma vez dei tudo o que eu tinha e estou fechando a temporada com gostinho de quero mais, então vou me empenhar bastante para conseguir entrar na categoria Junior com todas as forças”, explicou.

Mario Couto

A cada dia que passa, o jovem de Divinópolis vem recuperando a boa forma e a confiança depois de um primeiro semestre difícil. “A prova foi muito dura e disputada. Apesar das adversidades das últimas semanas e de ter pego uma gripe, me senti muito bem e no final fiquei bem feliz com o resultado”, explicou Mario.

Foto 73444
   Cesar Delong

“Me poupei no início por conta do calor, então estava segurando um pouco na principal subida do circuito, que era uma rampa de estradão. Andei o tempo todo perto do pódio da super elite e na quarta volta acelerei em um ritmo que estava confortável. Peguei vários atletas como o Lukas Kaufmann, o Ulan e o Zé Gabriel, mas perdi uma colocação no final e acabei em segundo na Sub-23 e em oitavo na Super Elite”, comentou. A vitória na categoria ficou com Edson Rezende.

“Agora é preparar a base para 2020 e seguir firme nos novos objetivos da temporada. Sei que ano que vem será um ótimo, então vamos com tudo”, finalizou o confiante Mario.

A Equipe Sense Factory Racing 2019 conta com patrocínios da Sense Bike, LM Bike, Sentec, ASW, Shimano, Fox Ride, Schwalbe, Pro, Lezyne, PowerPod, Fizik, Exceed e do site www.pedal.com.br.

Mais informações no site da Sense Bike.


Comentários



Relacionados