home

Interbike 2010 - Bike Expo


9 OUT, 2010     Guiné    
     


Chegado o grande dia, o imenso salão do centro de convenções do Sands Expo começou a receber o público. Como sempre, os estandes fizeram de tudo para fisgar os visitantes com as suas surpresas.

Por parte da organização que fica responsável pela feira, uma das novidades deste ano foi o retorno do "Bicycle Retailer, com as novidades da indústria", os Top 100 Dealer Awards. Grande iniciativa que poderia ser aplicada aqui no Brasil. Competições de BMX e desfile de moda com produtos femininos implementaram os dias do evento.

Mas o que iniciou com a roda dianteira foi a inclusão da feira de Negócios de Saúde e Fitness (HFB). Segundo os organizadores, a feira paralela supriu perfeitamente as necessidades dos visitantes a tal ponto de dar continuidade em 2011.

imagem

Destaques da feira

Uma das grandes novidades foram os inúmeros estandes de "Fixed Gear", que vem se expandindo e movimentando os mercados do mundo inteiro. Ignorado e desacreditado por muitos no começo, esse novo conceito já fixou de vez a cabeça de muitos americanos, canadenses, australianos e alguns bikers da Ásia, especial Japão e Tailândia.

Abrangendo o público alternativo inicialmente, que usava a bike como forma de locomoção, as “Fixas” já exploram outros rumos e novos consumidores como do Polo Bike (disputa similar ao famoso Polo com cavalos, porém de bicicletas) e o 700cmx (uma espécie de urban assault das Fixas). A primeira “modalidade”, se é que podemos relatar desta forma, por exemplo, já existe até uma liga nos Estados Unidos e Japão, onde campeonatos com seleções independentes começam a surgir. Aqui no Brasil, já surgem os primeiros adeptos. E o “tal urban” deles? Só vendo os vídeos para acreditar no que a galera vem fazendo.

Mas não pensem que montar e sair pedalando numa “Fixa” é tão fácil assim. Você precisa ter os equipamentos específicos como as famosas peças fixas que dão nome ao conceito: cubo e catraca; além de perna para travar (freiar) e arrastar a relação; equilíbrio e, principalmente, experiência no trânsito. Se é que você vai querer montar uma bike desta só para passear.

imagem

Brasileiros na feira

Vestuário

Em um dos mercados mais concorridos do planeta, uma empresa brasileira se destaca: Barbedo Sports. Baseada na capital fluminense com a fabricação de roupas de ciclismo, ela vem atuando no mercado americano há três anos, e no Interbike também.

Depois de grande persistência, o grupo brasileiro se destacou no final do ano passado, diante uma concorrência acirrada ao entrar no USA Cycling. Hoje, os empresários Sérgio Cunha e Fernando Barcellos têm o prazer de estampar o famoso selo em suas roupas, ao vestir a seleção americana de BMX e Downhill, um feito que orgulha qualquer brasileiro. Parabéns!

imagem

Conceito diferente

Outro brasileiro que também está no mercado do “Tio Sam” há muito tempo é a Trikke Tech. Porém de uma inovando o conceito, esta idéia de Trikke foi do próprio Gildo Beleski. Este curitibano inovou mais uma vez com o seu produto motorizado, onde o foco principal é deixar o usuário bem à vontade com

Hoje, além da diversão e lazer, os principais clientes são idosos, empresas de energia elétrica e água com os funcionários fazendo registros e controles de consumos; empresas de segurança; locadoras de carros; e até sistema de entregas de correspondências – o famoso correios.

imagem

Bikes 29

Não tem jeito, as “rodas gigantes” vieram para ficar. Quem apostou no conceito em 2010, se deu bem. As vendas de bikes 29 no mercado americano estouraram a tal ponto de lojistas ficarem sem estoque. Outro exemplo ficou com os fabricantes que produziram poucas unidades, fazendo com que o estoque terminasse antes do previsto, tendo que se virar com produção fora de época.

O mercado 29 está em ascensão em boa parte do mundo, com destaque aos atletas que vem subindo nos pódios e até mesmo ganhando provas. Aqui no Brasil as rodas gigantes estão chegando, com alguns importadores trazendo alguns modelos dos seus catálogos.

O mito da bicicleta pesada já é ignorado e exterminado nesta categoria, uma vez em que a própria indústria foca na fabricação de produtos mais leves como suspensões, pneus e rodas. Enfim, as bikes 29 vieram para brigar não só nas pistas, mas fora também.

imagem

Produtos gerais

Das três grandes feiras que existem, muitas das grandes novidades surgem no Interbike. É uma tradição do próprio mercado, já que os Estados Unidos é a vitrine experimental do ciclismo global. Sim, muitos dos fabricantes fazem questão de apresentar seus produtos lá. Seria uma espécie de termômetro, mesmo sendo pequeno ou grande o lançamento.

Falar e descrever tudo que foi visto e apreciado seria impossível. Neste caso, apresentamos as fotos, que expressam por si só o quanto o mercado está crescendo. O público também presenciou a valorização das bicicletas perante a mobilidade urbana nos grandes centros com os modelos elétricos, que está cada mais vez mais forte. Além dos temas de ecologia - preservação ambiental.


Fotos (122)

foto 0 -  foto 1 -  foto 2 -  Mais Fotos

Comentários



Relacionados