MENU

SRAM GX Eagle AX - Nova transmissão chega sem gancheira

Novo modelo elimina peças desnecessárias e possui montagem direta no quadro

A mais nova geração do grupo GX chegou herdando várias das tecnologias de seus irmãos maiores, XO e XX. Agora adotando o mesmo pacote tecnológico chamado de T-Type o GX ganha montagem diretamente no quadro, total compatibilidade com os demais elementos da família T-Type e ainda algumas inteligentes alternativas para torná-lo ainda mais resiliente e versátil.

Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM
Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM


Contando com as mais recentes inovações das transmissões Eagle, o GX estabelece uma conexão ainda mais rígida por contar com a montagem pelo centro da roda e o eixo. É um design que muda o jogo eliminando peças desnecessárias - como a gancheira - e permite que todos os outros recursos funcionem em harmonia.

Publicidade


A transmissão GX Eagle entrega robustez, confiabilidade ou funcionalidade sem fio AXS. O câmbio para toda trilha versátil e resistente. Rígido e preciso como os outros câmbios da família, também possui links deslizantes removíveis para melhor proteção e facilidade de manutenção e customização.
Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM
Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM


A troca de marcha durante pedaladas onde se despeja torque na corrente são possíveis devido a uma combinação de tecnologia X-SYNC e mapeamento de cassete, criando trocas mais suaves mesmo durante suas pedaladas mais fortes.

Câmbio de transmissão GX Eagle

Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM
Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM

O câmbio GX apresenta uma posição de bateria repensada, a posicionando dentro do quadro para evitar que ela fique exposta a pedras e detritos. Possui um conjunto de cage de aço estampado, firme e durável e que dispensa ferramentas, podendo ser removido com facilidade para manutenção ou para ser trocado por uma versão mais leve com a de carbono do XX. atualizável também. Contando com a montagem exclusiva para quadros equipados de fábrica com a gancheira UDH, basta removê-la e montar diretamente no quadro.

Pedivela GX Eagle


O pedivela GX T-Type Eagle DUB conta com os mesmos atributos dos irmãos maiores, porém com um design um pouco mais simples que sei descendente direito, o pedivela XO, ele exige menos horas de usinagem, assim reduzindo o volume de trabalho e seu custo final. A interface com as coroas é a mesmo, assim como a compatibilidade com medidores de potência montados na coroa.

A SRAM também pensou na versão para motores Brose e Bosch das e-bikes. Essa opção apresenta medidas mais alinhadas com esse mercado, com comprimentos de 160, 165 e 170mm e disponível com o sistema ISIS, ele pode ser usado em uma grande gama de motores combinando com o sistema “Gap Cap” para uma aparência integrada esteticamente agradável, com pernas mais curtas para cadências mais altas e maior distância para o chão, evitando as batidas do pedal em raízes e pedras em subidas e nos trechos mais técnicos.

Cassete de Transmissão GX Eagle

Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM
Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM

Compartilhando o mesmo design e funcionalidade dos cassetes XX e XO o cassete T-Type do GX Eagle AXS. O sistema X-SYNC, proporciona trocas suaves enquanto o ciclista pedala forte e despeja torque, facilitando também o seu uso em e-bikes, assim reduzindo o desgaste do conjunto, cassete, corrente e coroa. Possui revestimento de níquel para melhorar a durabilidade, o tornando uma excelente opção para ser montado como um cassete de treino das transmissões T-Types mais tops.

Possui ainda compatibilidade com a chainline de 55mm e gama de marchas de 520% de pulos de marchas otimizados, por reduzir o salto entre as três últimas marchas ao cogs de 38 e 44 dentes. O cassete utiliza a tecnoligia PinDome de pinos para unir os cogs e reduzir peso entre as marchas 1-8 e um mini-cluster de peça única para as marchas 9-12.

Corrente Flattop de Transmissão GX Eagle

Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM
Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM

O design Flattop e os pinos sólidos da corrente GX T-Type reduz custos sem reduzir o nível de durabilidade e resistência seja em bikes acústicas ou nas e-bikes.

Coleção de Freios Stealth Bronze

Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM
Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM

Os freios SRAM MTB agora apresentam alavancas Stealth. O novo design do manete aproxima a mangueira do guidão, permitindo uma condução dos conduítes mais rente ao guidão e próximo da mesa, melhorando a estética, mas também reduzindo enrosco nas trilhas ou na hora de montar as placas de número nas corridas. Disponível em uma linha simplificada de Level e Code, os freios Bronze apresentam um acabamento anodizado Polar Escuro que para ornar com a linhas GX Eagle AXS T-Type

Code Bronze Stealth

Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM
Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM

O Code Bronze apresenta o ajuste de alcance sem ferramentas. Design discreto para complementar o cockpit quando usando componentes AXS, mantendo o mesmo esquema de cores
Pastilhas metálicas vêm de fábrica para mais potência e durabilidade maior, em especial na chuva.
Outro ponto importante e o uso do SwingLink que melhora a distribuição potência de forma progressiva ao longo da alavanca, melhorando a modlação.

Level Bronze Stealth 2 e 4 pistões


Level Bronze Stealth 4-Pistões combina nossa nova alavanca Level Stealth com uma pinça de 4 pistões já conhecida dos freios G2 e Guide, assim usando as mesmas pastilhas, evitando e necessidade de mais um modelo de pastilha nas lojas e na caixa de ferramenta dos ciclistas. Focado em uso em condições de Cross Country mais intenso ou bike trails que querem ser leves e discretas.

A versão 2 pistôes e focada no cross country tradicional e surge como uma excelente alternativa de custo benefício, pena perder o Sistema de sangria bleeding edge que garantia trocas de fluídos bem mais limpas durante as manutenções.
Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM
Sram GX Eagle AX - Foto: divulgação / SRAM


Disponibilidade e preços

Podemos aguardar achegadam da primeira remessa já em julho, e preços na casa de R$11.999,0 para o grupo complete, R$4.299,00 para o câmbio traseiros e freios entre R$999,00 e R$1.599,00


Relacionados

Comentários

Outras notícias

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.