home

Froome pede fim de abuso de TUEs

Ciclista britânico afirma que existe abuso e pede providencias da UCI e da WADA


27 SET, 2016     Gustavo Figueiredo    
     


Depois de ter seus dados vazados por um grupo de Hackers Russos, o ciclista britânico Chris Froome, três vezes vencedor do Tour de France, escreveu uma postagem em sua conta do Twitter onde pediu que a UCI e a WADA fechassem o cerco contra o que ele chamou de "abuso" no sistema de TUEs, exceções para uso médico de substâncias normalmente proibidas.

imagem

O uso das TUEs está sob os holofotes desde que o grupo Fancy Bears passou a expor dados médicos de diversos ciclistas, inclusive de Bradley Wiggins, ex-companheiro de Froome na Sky que teria consumido uma substância capaz de melhorar o desempenho e ao mesmo tempo que reduz o peso do atleta. Em sua defesa, Wiggins afirma que seu interesse era apenas tratar uma condição médica.

Segundo o vazamento, Froome teria duas TUEs ao longo de toda a sua carreira, uma em maio de 2013 e outra em Abril de 2014, ambas para prednisolona, um medicamento indicado para o tratamento de inflamações e problemas auto-imunes.

"Assumo minha posição de levar o esporte à sério e sei que devo não somente seguir as regras mas também ir além para dar um bom exemplo moral e ético. Está claro que o sistema de TUEs é aberto para abusos e acredito que UCI e WADA devem tomar providências com urgência", escreveu Froome.

Embora nenhum dos vazamentos demonstre de forma clara que os atletas cometeram fraudes, fica bem claro que o sistema realmente abre muitas brechas para uso indevido de medicamentos. O caso de Wiggins realmente é o que mais chama a atenção, já que osremédios foram consumidos sistematicamente antes de grandes competições como o Tour em 2011 e 2013 além do Giro em 2013.

Oleg Tinkoff em defesa da Sky

Hoje, Oleg Tinkov, milionário russo e dono da equipe Tinkoff, equipe que fechará as portar no fim deste ano, saiu em defesa da Sky ao postar uma foto sua com Dave Brailsford, chefe da equipe rival. "Não entendo o motivo de tanta inveja das pessoas hoje em dia", disse em sua conta no Twitter.

"Não acredito que a Sky tenha organizado um esquema de doping sistemático. É impossível no ciclismo atual. Acredito em Brailsford, Froome e Wiggins e eu nem deveria, já que provavelmente nunca mais nos encontraremos na vida", completou Oleg.



Comentários



Relacionados