home

Freios a disco são utilizados pela primeira vez no pelotão profissional

Com autorização da UCI, o Team Roompot equipou alguns ciclistas com a novidade


12 AGO, 2015     Gustavo Figueiredo    
     


Para os próximos dois meses, a UCI abriu uma janela de testes de utilização de discos no pelotão profissional. Porém, até agora, apenas uma jovem equipe Pro-Continental, o Team Roompot aderiu ao equipamento, oferecendo bikes equipadas com freios da SRAM para alguns de seus ciclistas correrem o Eneco Tour, realizado na Holanda.

No início do ano, a UCI havia anunciado a liberação para o uso de freio a disco para todos os times em Agosto e Setembro, período que compreende a realização da Volta da Espanha, mas a maioria das grandes equipes não mostraram interesse em utilizar a tecnologia em 2015.

As maiores dificuldades são a falta de compatibilidade com o suporte neutro e o fato de muitos fabricantes só contarem com bikes de endurance equipadas com disco. A única a fugir da regra é a Tarmac da Specialized. Porém, embora ela tenha a mesma geometria de sua irmã equipada com ferraduras, o cubo traseiro possui um espaçamento próprio, o que complicaria as coisas em caso de furos ou outros problemas mecânicos. Além disso, a Campagnolo, patrocinadora de diversas equipes do Pro Tour, ainda não possui um sistema de freios a disco disponível para o mercado.

A Katusha provavelmente testara os discos na Eurometrópole Tour, assim como a Trek Factory Race utilizará bikes equipadas com discos na Volta da Espanha.


Comentários



Relacionados