home

Fox pode estar desenvolvendo suspensão para gravel bikes


16 FEV, 2017     Gustavo Figuereido    



As gravel bikes são bicicletas que, na aparência, lembram as de estrada. Porém, graças a pacotes diferenciados de geometria e pneus normalmente mais generosos, elas possuem capacidade de rodar também na terra.

imagem

Atualmente, algumas delas utilizam suspensão dianteira, sendo este o caso da Slate, da Cannondale. Nela, o famigerado Lefty ganha uma versão com 30mm de curso, que ajuda as rodas 650b com fartos pneus enfrentarem os obstáculos do caminho.

Outra que não chega a ser uma gravel mas com certeza possui capacidade para enfrentar terrenos bem mais complicados é a Specialized Roubaix 2017, testada recentemente por nossa equipe e que também usa um sistema de amortecimento de impactos com 20mm de curso.

Agora, parece que este mercado que não para de crescer vai ganhar um adicional, já que algumas fotos postadas no Instagram revelaram um protótipo bem interessante, curiosamente montado em uma Santa Cruz Stigmata, uma bike de cyclocross.

Embora não seja possível ver o logotipo da Fox, é possível identificar que a guia plástica é a mesma utilizada pelos garfos da marca. Além disso, o arco também lembra muito o da série 32 da marca.

Segundo informações do site BikeRadar, a Fox não quis comentar o assunto. Porém, com o grande crescimento do mercado das gravel bikes, não é de se entranhar que as grandes marcas de suspensões também estejam de olho em uma fatia deste bolo.

imagem
RockShox utilizada na Paris-Roubaix

Para quem não se lembra, a RockShox criou nos anos 1990 uma versão 700c da famigerada Mag 21. Equipada com freios de estrada e 30mm de curso, este garfo venceu por duas vezes a Paris-Roubaix, em 1992 e 1993 nas mãos de Gilbert Duclos-Lassalle, provando que o conceito é válido.


Comentários



Relacionados