Imprimir página | Fechar Janela

Relação hibrida

De:: Pedal.com.br
Categoria: Fóruns Novos - Outras Categorias
Nome do fórum: Bicicletas Híbridas & Fitness Bikes
Descrição:: Fórum para discussão geral sobre bicicletas híbridas e assuntos afins.
URL:: https://www.pedal.com.br/forum/forum_posts.asp?TID=95910
Data:: 19 Out 2020 as 22:05
Versão do Software: Web Wiz Forums 11.06 - http://www.webwizforums.com


Tópico: Relação hibrida
Enviado por: Mohaminho
Assunto: Relação hibrida
Data: 30 Jan 2019 as 12:48
Pessoal quero montar uma hibrida, sobre quadro e garfo vocês já discorreram bem. Meinha dúvida é: qual melhor relação? A gravel dinâmica guará usa prdivela sora e k7 alivio. Desde então fico pensando se essa é a melhor relação também para as híbridas. Meu pedal é urbano e só faço trilha aos sábados com bikes alugadas que sao top, em teresina não tem mt subida mas as ruas sao de pedra e o asfalto não é mt bom.Por que penso numa hibrida? Acho que n trm sentido gastar 4k numa mtb pro dia a dia, prefiro montat uma hibrida de 2k e guardsr dinheiro para no final do ano comprar mtb de saldão.

Abraços



Respostas:
Enviado por: atsano
Data: 30 Jan 2019 as 12:53
eu colocaria um pedivela triplo (26-36-48 ou algo do tipo) com um cassete 11-36. Com isso você pode usar essa bike em retas e subidas sem problemas.


Enviado por: Ismah/Cabelo
Data: 30 Jan 2019 as 13:46
Eu sou defensor de coroa de 22. Talvez se vire bem com 22/36 apenas.
Pessoalmente, arrisquei fazer um 2x7 e é só alegria.

-------------
Sigam-me os bons
https://www.strava.com/athletes/12011746" rel="nofollow - Strava -
http://Instagram.com/ismah_cabelo" rel="nofollow - Instagram
Prost!


Enviado por: Mohaminho
Data: 30 Jan 2019 as 13:48
Valeu, mas a 2x7 estica bem no asfalto?


Enviado por: Hugobh77
Data: 30 Jan 2019 as 18:38
Acho um baita marketing das gravel e urbanas com pedivela 50/34, lá fora onde são mais populares a maioria dos lugares é bem plano, então dependendo da região do Brasil onde o sujeito mora essa configuração não dá. Para urbanas mesmo no meu conceito um 24/34/42, 20/30/40 ou 26/36/48 são os ideais desde que atrás tenha um cassete de acordo com a coroa menor.
Na minha estou usando 20/30/40 com cassete 11/32.
Moro em Manhuaçu/MG e pra resumir a cidade fica entre duas serras e o rio passa entre elas, fica tudo dentro de um buraco. Da minha casa até o pé do morro são uns 300 metros e a diferença de altitude é de 56m, nem tento subir pedalando.


Enviado por: RuanRAC
Data: 30 Jan 2019 as 19:19
11-34 ou 11-36 com pedivela tripla do tipo da Fc-m391 175mm 44-32-22 (ou com 48 - 36 - 26 mas ai já acho que a coroinha fica pesada), não inventaram relação mais adequada ao trajeto urbano. 2xN ou 1xN são bons mas pra cidade nada supera uma boa amplitude das três coroas

Não acho que as relações de speed sejam tão inadequadas pra cidade, mas as de MTB definitivamente são e o motivo é que elas são projetadas pra serem usadas com pneus grandes (tipo 2.2 ou mais) e aro 29, o que alem da alavanca maior ainda tem a questão do arrasto do pneu cravudo, por outro lado uma pedivela com 53 dentes vai ser subutilizada (talvez a de 50 sirva, mas ai são outros quinhentos) pois o cara na urbana carrega peso e não anda tão aero. 




Enviado por: Ismah/Cabelo
Data: 31 Jan 2019 as 01:33
Originalmente Postado por Mohaminho Mohaminho Escreveu:

Valeu, mas a 2x7 estica bem no asfalto?


Depende a perna do vivente e o relevo do lugar.
Estou rodando com 32/22, porque são as coroas do pedivela duplo. Assim que trocar coroas, cassete e corrente, vou para 38/22.
Nada vai bater o baixo custo que essa combinação de peças tem. Confesso que pode durar pouco essa alegria, já foi muito mais difícil achar o cassete Shimano, que a 4 anos.

Se é só alegria, porque trocar? Tirando a coroa maior, tirei cerca de 1 kg da bike,e usava poucas vezes essa coroa. Outra razão, é que falta final mesmo - um pouco da culpa é do menor ser 12.
Dentro do meu condicionamento atual, força está sobrando quase sempre na mais pesada. Na mais leve, tem um detalhe, estou aprendendo a fazer subidas longas ainda. Normalmente me acabo, tentando girar feito ventilador, para subir rápido, e pifo antes do meio. Embarrassed

Mesmo assim, é uma relação que me interessaria para uso urbano (ao menos dentro do que considero urbano). Não só pelo baixo custo, mas pelo baixo peso também. Hoje a bike inteira, pesa ali nos 12 kg.
E bem, não vejo necessidade de tanta elasticidade na cidade, e nem motivos para se preocupar com os gaps. Ao menos não me imagino precisando de mais que isso pro dia-a-dia.
Viagens é outro assunto, sei de um caso que faz 55 km por dia de bike, mas aí já não é mais uso urbano, na minha concepção.

Talvez um aumento de 10% na coroa maior (32 + 10% = 35,2 = 36), já bastaria. Mesmo assim optei por arriscar no 38, centralizando mais a marcha "de cruzeiro".
Normalmente a marcha de cruzeiro, é com a coroa grande (32T) e a 6ª marcha (14T), aka 2,29:1. Na troca por 38, passaria a ter na 4ª marcha (18T, e o meio do cassete), 2,12:1. Na 5ª (16T), terei 2,375:1. Ou seja terei uma oscilação entre estas duas marchas, com a opção de mais leve ou mais pesado.
Terei realmente um gap generoso, na troca de coroas. Isso acaba me forçando a explorar mais o cassete, como se com uma só coroa. No caso, que pode ser 22 ou 38. Diria que é o modo subida, e o modo descida. LOL

Acho justificável, pois nas subidas sem inércia, já tenho por hábito jogar primeiro para a coroinha, e depois ir reduzindo o cassete. Pra descida, vale lembrar que a última é 38:12 = 3,167:1, que se equivale a um meio termo entre 34:11 e 36:11, as mais usuais para 9/10v.

Financeiramente, está valendo, porque tudo aponta que vou derreter essa coro de 38, que é de alumínio. Aí terei noção clara dos extremos e posso ir afinando melhor para escolher o grupo de 2x10v, 2x11, ou talvez 1x11v.

Não creio que isso sirva pro teu caso. Ali, ficaria numa relação como nas speeds, com variação entre a coroa menor para a maior na faixa de 10%.


-------------
Sigam-me os bons
https://www.strava.com/athletes/12011746" rel="nofollow - Strava -
http://Instagram.com/ismah_cabelo" rel="nofollow - Instagram
Prost!


Enviado por: marp
Data: 31 Jan 2019 as 02:00
Uso na minha híbrida de garfo rígido um pedivela acera 44-32-22 com 11-34 atrás e mesmo quando comecei a pedalar, subi o pico do Jaraguá com ela sem problemas, só usei a 22 nos últimos 300m. No 44-11 dá pra desenvolver legal se precisar, sinceramente pelo peso da bike (12.x kg, pneu 700x38) uso pouco o 11 no uso urbano, só se estiver querendo correr bem forte mesmo (como tenho speed também, não faz sentido querer correr bem forte com essa) considero que acertei perfeitamente essa escolha de relação.
Pra finalizar, e meio que jogar a real: se tu achar que falta final em 44-11 numa híbrida, tu deveria estar comprando uma speed e não uma híbrida. Se quer mais leve que 22-34 pra subir sei lá, uma parede, compre uma mountain bike.


Enviado por: am.araujo
Data: 31 Jan 2019 as 10:44
Depende um pouco do pneu também. Se vc usar 700x40, um pedivela triplo 44-32-22 casa muito bem, não vai faltar marcha nem no asfalto nem na terra, dá pra usar até menor. Mas a minha híbrida eu uso só pra asfalto, tá com pneu 28 e eu uso relação 50-34 / 11-34, pro meu nível de pedal e pela velocidade desse pneu, com 50x11 fica adequado quando preciso dar algum sprint no meio do transito.


Enviado por: Mohaminho
Data: 31 Jan 2019 as 11:05
Obrigado galera, quando penso numa relação pesada não é necessariamente pra usae a hibrida como urbana. Una relação pesada seria pra treinar nas ciclovias, óbvio que uma speed faria esse papel, mas pra mim que sou do mtb ter una bike versátil pra me locomover e treinar enquanto deixo a mtb para o fds seria mais interessante até pra evitar desgaste. Speed é algo mt limitado na minha cidade, eu perderia mais tempo procurando bom asfalto do que treinando.


Enviado por: Waltinhu
Data: 28 Out 2019 as 18:38
Pessoal, gostaria de uma ajuda.

Montei minha bicicleta à partir de uma antiga que tinha. O grupo que veio é um Acera/Altus 8v com uns 10 anos de idade. O pedivela antigo deu problema e substitui por um ponta quadrada 48x36x26, relação que me atende muito bem. Onde moro é bem plano e uso todo dia para ir ao trabalho e gostaria de no fds fazer um pedal de 20... 30km, de asfalto também.

Agora chegou a hora de trocar o câmbio. E gostaria da ajuda de vocês. Mantendo essa relação, o que sugerem? Um Alívio 9v ou existe possibilidade de algo semelhante com 10 ou 11v?

Muito obrigado!


Enviado por: OverDown
Data: 29 Jan 2020 as 20:40
Desenterrando o tópico.

Será que uma híbrida com 1x11 vai ficar muito ruim?

Estou querendo pegar uma City Tour Comp e tenho uma relação 1x11 sobrando aqui. 34d com cassete 11-46.

A relação dela não é ruim, mas a possibilidade de remover o câmbio dianteiro me agrada muito.

Sei que vou perder final, mas é só pra trajeto urbano mesmo. 

[]'s
Ismael


Enviado por: luyggi
Data: 29 Jan 2020 as 21:09
Se ja tem o grupo, teste ele e veja como fica. Eu usaria 1x11 pra uso urbano com coroa de no minimo 40 dentes.

-------------
pedalar pra viver ou viver para pedalar


Enviado por: OverDown
Data: 29 Jan 2020 as 21:24
Originalmente Postado por luyggi luyggi Escreveu:

Se ja tem o grupo, teste ele e veja como fica. Eu usaria 1x11 pra uso urbano com coroa de no minimo 40 dentes.


Será o melhor a fazer. Acho que o máximo que consigo colocar é 36d, a relação que tenho é XT e ainda não vi se tem coroa 38 compatível.

Andei na mtb da patroa esses dias e não achei ruim pra trajeto urbano, ela esta com uma relação parecida: 32d 11-45 mas esta com pneu largo.

Pneu fino vai dar outra rolagem. Na speed estou andando com 48-35/10-33 e tenho usado muito a 48 pra tudo.

Vamos ver.

Obrigado!

[]'s
Ismael


Enviado por: Waltinhu
Data: 29 Jan 2020 as 21:54
Acabei ficando com a Alivio mesmo. Comprei no Ali, com o pedivela T4060 de 44 dentes. Estou bem satisfeito. Paguei 153 doletas no grupo todo (sem freios). Melhor custo benefício acho difícil.


Enviado por: gm1987
Data: 30 Jan 2020 as 13:38
Originalmente Postado por OverDown OverDown Escreveu:

Desenterrando o tópico.

Será que uma híbrida com 1x11 vai ficar muito ruim?

Estou querendo pegar uma City Tour Comp e tenho uma relação 1x11 sobrando aqui. 34d com cassete 11-46.

A relação dela não é ruim, mas a possibilidade de remover o câmbio dianteiro me agrada muito.

Sei que vou perder final, mas é só pra trajeto urbano mesmo. 

[]'s
Ismael

Meu uso urbano, 90% do tempo é coroa 32 e cog 15/13/11... Deslocamentos com velocidade média de 22km/h. 

40x11 vai te dar mais final porém vai matar a tua subida (40x46), que acredito ser forte na região de MG.

Resumindo, esse 1x11 34D vai ficar ótimo na city tour, no máximo coloque 36D se sua cidade tiver pouca subida.


Enviado por: OverDown
Data: 31 Jan 2020 as 11:47
Originalmente Postado por gm1987 gm1987 Escreveu:

Originalmente Postado por OverDown OverDown Escreveu:

Desenterrando o tópico.

Será que uma híbrida com 1x11 vai ficar muito ruim?

Estou querendo pegar uma City Tour Comp e tenho uma relação 1x11 sobrando aqui. 34d com cassete 11-46.

A relação dela não é ruim, mas a possibilidade de remover o câmbio dianteiro me agrada muito.

Sei que vou perder final, mas é só pra trajeto urbano mesmo. 

[]'s
Ismael

Meu uso urbano, 90% do tempo é coroa 32 e cog 15/13/11... Deslocamentos com velocidade média de 22km/h. 

40x11 vai te dar mais final porém vai matar a tua subida (40x46), que acredito ser forte na região de MG.

Resumindo, esse 1x11 34D vai ficar ótimo na city tour, no máximo coloque 36D se sua cidade tiver pouca subida.

Bom saber desse uso.
Vou montar e ver o que dá.

[]'s
Ismael


Enviado por: BBSantos
Data: 31 Jan 2020 as 14:32
Originalmente Postado por OverDown OverDown Escreveu:

Originalmente Postado por gm1987 gm1987 Escreveu:

Originalmente Postado por OverDown OverDown Escreveu:

Desenterrando o tópico.

Será que uma híbrida com 1x11 vai ficar muito ruim?

Estou querendo pegar uma City Tour Comp e tenho uma relação 1x11 sobrando aqui. 34d com cassete 11-46.

A relação dela não é ruim, mas a possibilidade de remover o câmbio dianteiro me agrada muito.

Sei que vou perder final, mas é só pra trajeto urbano mesmo. 

[]'s
Ismael

Meu uso urbano, 90% do tempo é coroa 32 e cog 15/13/11... Deslocamentos com velocidade média de 22km/h. 

40x11 vai te dar mais final porém vai matar a tua subida (40x46), que acredito ser forte na região de MG.

Resumindo, esse 1x11 34D vai ficar ótimo na city tour, no máximo coloque 36D se sua cidade tiver pouca subida.

Bom saber desse uso.
Vou montar e ver o que dá.

[]'s
Ismael

Não deixe de relatar o resultado.
No futuro quero mudar a minha urbana para uma coroa também.


Enviado por: Kamikaze_Zero
Data: 18 Mar 2020 as 11:13
Comecei na minha com 44-32-22 e 11-32 por um tempo foi bom mas reparei que NUNCA usava a coroa de 22, ficava lá só fazendo peso (mesmo que não muito) e enchendo o saco.
Tanto que quando precisei trocar as coroas a de 22 tava intacta assim como os 3 pinhões maiores do k7 LOL

Após um tempo pensando acabei mudando a coroa de 22 pra uma de 24 e o k7 para um 11-28 melhorou e agora consigo usar as 3 coroas mas mesmo assim raramente a coroa de 24 (e ainda acho que fica bem leve) então na próxima troca pretendo experimentar uma coroa de 26 ou 28 e ver como fica.

Ps: atualmente uso pneu 700x35 e pretendo chegar na próxima troca no 700x28


Enviado por: marcos_netto
Data: 31 Mar 2020 as 09:23
Originalmente Postado por Kamikaze_Zero Kamikaze_Zero Escreveu:

Comecei na minha com 44-32-22 e 11-32 por um tempo foi bom mas reparei que NUNCA usava a coroa de 22, ficava lá só fazendo peso (mesmo que não muito) e enchendo o saco.

Ps: atualmente uso pneu 700x35 e pretendo chegar na próxima troca no 700x28


Dê uma olhada nas specs da minha híbrida.

http://www.marcosnetto.com.br/bike/surly/lht.htm" rel="nofollow - http://www.marcosnetto.com.br/bike/surly/lht.htm

:-)


-------------
Marcos Netto

____________________________________________________________

"The less you think about the bike the more you will enjoy the ride!"

Twitter: (a)marcosnetto
Instagram: 1marcosnetto


Enviado por: GuiSc
Data: 14 Mai 2020 as 00:37
Pessoal, estou montando uma híbrida também e vou montar uma relação 1x9 coroa 36 e k7 de speed 11-30 oque acham?


Enviado por: dimas2dimas
Data: 14 Mai 2020 as 00:47
Originalmente Postado por GuiSc GuiSc Escreveu:

Pessoal, estou montando uma híbrida também e vou montar uma relação 1x9 coroa 36 e k7 de speed 11-30 oque acham?


Usei por um Tempo 36 X 11-34 e pneus 28c.

Falta final e 36x34 sobe tudo! Hoje, partiria para um 11-36 com coroa 42 ficaria com final e subindo bem!

-------------
Dimas C. Prado

https://www.pedalroom.com/members/dimas2dimas

https://www.strava.com/athletes/11470031

https://www.instagram.com/dimas2dimas/


Enviado por: GuiSc
Data: 14 Mai 2020 as 00:50
Obrigado pela dica! Haha agora estou mais confiante...achei que ficaria pesado kkkk mas vou fortalecer mais as pernas com essa relação e na próxima troca vou procurar colocar essa!




Enviado por: LeoSilva
Data: 25 Mai 2020 as 16:11
Originalmente Postado por Hugobh77 Hugobh77 Escreveu:

Acho um baita marketing das gravel e urbanas com pedivela 50/34, lá fora onde são mais populares a maioria dos lugares é bem plano, então dependendo da região do Brasil onde o sujeito mora essa configuração não dá. Para urbanas mesmo no meu conceito um 24/34/42, 20/30/40 ou 26/36/48 são os ideais desde que atrás tenha um cassete de acordo com a coroa menor.
Na minha estou usando 20/30/40 com cassete 11/32.
Moro em Manhuaçu/MG e pra resumir a cidade fica entre duas serras e o rio passa entre elas, fica tudo dentro de um buraco. Da minha casa até o pé do morro são uns 300 metros e a diferença de altitude é de 56m, nem tento subir pedalando.


Concordo que para hibrida que é para usar em estrada, cidade e estradão o melhor é 3x8 ou 3x9.

O pedivela reduzido 42/32/22 com cassete 11-34 ou 11-36 fica uma combinação muito boa.

Acho que hibrida ou mesmo gravel não é para trilha de xc.

O pneu ideal para hibrida acho que seria o 700x38 como o levorin que aceita pressão de 40 a 75.

Assim na estrada coloca mais pressão e no estradão menos.


Enviado por: dwsmartins
Data: 25 Mai 2020 as 22:01
Minha bike não é híbrida, tem aro 26”, mas acaba que meu uso se aproxima disso. Uso pedivela 48-36-26D, mas troquei a coroinha por uma 22D pra me ajudar nos morros daqui de Belo Horizonte. Pra poder usar a bike nas compras durante a pandemia, ressuscitei um cassete SunRace 11-40D que tava empenado e to usando pra ver o que dá. Ficou uns pulões entre as marchas, mas subi um morro com 20% de inclinação hoje com 8kg de compras, super de boa!

Claro que não é pra todo mundo: não tem câmbio que aceita isso na boa, então cruzar a corrente pode significar estourar o câmbio traseiro. Mas me surpreendeu o funcionamento!

-------------
Bora pedalar, senão estressa!


Enviado por: marcos_netto
Data: 25 Mai 2020 as 22:32
Cruzar corrente só quem ganha para isso e nas competições. João Povão igual nós, nem pensar.



-------------
Marcos Netto

____________________________________________________________

"The less you think about the bike the more you will enjoy the ride!"

Twitter: (a)marcosnetto
Instagram: 1marcosnetto


Enviado por: LeoSilva
Data: 26 Mai 2020 as 10:32
Originalmente Postado por dwsmartins dwsmartins Escreveu:

Minha bike não é híbrida, tem aro 26”, mas acaba que meu uso se aproxima disso. Uso pedivela 48-36-26D, mas troquei a coroinha por uma 22D pra me ajudar nos morros daqui de Belo Horizonte. Pra poder usar a bike nas compras durante a pandemia, ressuscitei um cassete SunRace 11-40D que tava empenado e to usando pra ver o que dá. Ficou uns pulões entre as marchas, mas subi um morro com 20% de inclinação hoje com 8kg de compras, super de boa!

Claro que não é pra todo mundo: não tem câmbio que aceita isso na boa, então cruzar a corrente pode significar estourar o câmbio traseiro. Mas me surpreendeu o funcionamento!


Tem que saber usar o cambio né. Coroa grande com cogs menores e coroa pequena com os cogs maiores.

Um pedivela reduzido, 42/32/22 acho que seria melhor para uma cidade com muitos morros.


Enviado por: dwsmartins
Data: 26 Mai 2020 as 13:35
Até seria, Léo. Mas a subida que eu subo indo pro trabalho vira descida na volta. E eu quero aproveitar ela tb!

Quanto ao uso, eu sou nerd até na profissão (administrador de rede), então fiz o estudo das relações e decidi as melhores combinações (dianteiro/traseiro, números menores são marchas mais leves): 1/1 até 1/4, 2/3 até 2/7 e 3/6 até 3/8. Me limitando apenas a estas, não tenho sobreposição e a evolução é a mais continua possível, apesar de ter uns baita pulos entre uma e outra. A imagem abaixo compara o setup experimental com o que seria o original (pedivela 48-36-26D e cassete 11-34D, dentro do limite do manual dos câmbios).



-------------
Bora pedalar, senão estressa!


Enviado por: LeoSilva
Data: 26 Mai 2020 as 19:15
Originalmente Postado por dwsmartins dwsmartins Escreveu:

Até seria, Léo. Mas a subida que eu subo indo pro trabalho vira descida na volta. E eu quero aproveitar ela tb!

Quanto ao uso, eu sou nerd até na profissão (administrador de rede), então fiz o estudo das relações e decidi as melhores combinações (dianteiro/traseiro, números menores são marchas mais leves): 1/1 até 1/4, 2/3 até 2/7 e 3/6 até 3/8. Me limitando apenas a estas, não tenho sobreposição e a evolução é a mais continua possível, apesar de ter uns baita pulos entre uma e outra. A imagem abaixo compara o setup experimental com o que seria o original (pedivela 48-36-26D e cassete 11-34D, dentro do limite do manual dos câmbios).



É isso aí. Normalmente se usa mais a coroa do meio e a grande na cidade/rodovia. A pequena só usa mesmo em subidas mais ingrimes.

O problema é os limites dos cambios. Senão o ideal seria uma pedivela com coroa 52/38/22 ou algo assim.

A sua adaptação ficou dahora. Qual cambio dianteiro e trazeiro vc usa?


Enviado por: dwsmartins
Data: 27 Mai 2020 as 00:59
Shimano Altus RD-M370-SGS atrás com prolongador de gancheira e FD-M371 de abraçadeira alta (down swing) na frente. Já pensei em trocar por um Alívio RD-M4000 atrás, tem um pouco a mais de capacidade de corrente. O dianteiro down swing eu acho que aguenta melhor o esforço que os top swing, mas isso é suposição minha.

Mas sobre a relação, eu costumo andar no plano com a coroa grande mesmo e só arranco com a média, a coroinha fica só pra morros BEM inclinados. O uso maior até seria a média e a grande, mas meu trajeto diário inclui quase 200m de ganho vertical distribuídos em 6,5km de ida, com uma boa parte em 15% de inclinação. Isso junto com meu peso costuma gastar bastante a coroinha...

-------------
Bora pedalar, senão estressa!


Enviado por: rafasm76
Data: 16 Jul 2020 as 15:15
Originalmente Postado por marcos_netto marcos_netto Escreveu:


Dê uma olhada nas specs da minha híbrida.

http://www.marcosnetto.com.br/bike/surly/lht.htm" rel="nofollow - http://www.marcosnetto.com.br/bike/surly/lht.htm

:-)

Lindona Marcos, parabéns ClapClap

Ela até um porta raio, é isso mesmo? LOL


Enviado por: marcos_netto
Data: 16 Jul 2020 as 15:23
Originalmente Postado por rafasm76 rafasm76 Escreveu:

Originalmente Postado por marcos_netto marcos_netto Escreveu:


Dê uma olhada nas specs da minha híbrida.

http://www.marcosnetto.com.br/bike/surly/lht.htm" rel="nofollow - http://www.marcosnetto.com.br/bike/surly/lht.htm

:-)

Lindona Marcos, parabéns ClapClap

Ela até um porta raio, é isso mesmo? LOL

Exato. Dois raios de reserva ali.

Big smile

O cara que projetou esse quadro não era muito burro. E gostava de pedalar longe!

LOL


-------------
Marcos Netto

____________________________________________________________

"The less you think about the bike the more you will enjoy the ride!"

Twitter: (a)marcosnetto
Instagram: 1marcosnetto


Enviado por: Vinícius Marçal
Data: 08 Ago 2020 as 01:31
48/38/28 e 11-32t


Enviado por: Vinícius Marçal
Data: 08 Ago 2020 as 01:36
Pedivela 48/38/28 e cassete 12/23. 


Enviado por: Vinícius Marçal
Data: 08 Ago 2020 as 01:38
48/38/28 e 11-28t 9v Sora


Enviado por: leandro1857
Data: 08 Ago 2020 as 20:54
Originalmente Postado por Vinícius Marçal Vinícius Marçal Escreveu:

48/38/28 e 11-32t



Uso essa configuração tambem. Excelente


Enviado por: dwsmartins
Data: 09 Ago 2020 as 04:07
Como eu gosto de range, optaria por um pedivela 48-36-26d e cassete 11-34d. Tá exatamente no limite da amplitude pros câmbios atuais de coroa tripla. Passando a pandemia e moendo meus atuais componentes (48-36-22d de pedivela e cassete 11-40d, estão acima do limite), devo passar pra isso. A relação acima do limite fica muito técnica pra usar e o cassete 11-40d da SunRace é muito frágil, já tive de desempenar os cogs individuais por duas vezes...

-------------
Bora pedalar, senão estressa!


Enviado por: Vandenberg simplicio
Data: 09 Ago 2020 as 08:24
Tenho um cassete SunRace 11-40T de 9 velocidades na minha bike e nunca tive problemas com ele.
Uso uma relação de 1x9 velocidades sendo uma coroa narrow wide de 36 dentes em uma pedivela shimano alívio m4050 e também cambio traseiro (sgs) e trocador shimano alívio M 4000 de 9 velocidades. Esse cassete SunRace nunca empenou e  nem houve desgaste prematuros dos cogs pois, como só há uma coroa na frente não tem como cruzar a corrente.




Enviado por: dwsmartins
Data: 09 Ago 2020 as 09:30
Originalmente Postado por Vandenberg simplicio Vandenberg simplicio Escreveu:

Tenho um cassete SunRace 11-40T de 9 velocidades na minha bike e nunca tive problemas com ele.
Uso uma relação de 1x9 velocidades sendo uma coroa narrow wide de 36 dentes em uma pedivela shimano alívio m4050 e também cambio traseiro (sgs) e trocador shimano alívio M 4000 de 9 velocidades. Esse cassete SunRace nunca empenou e  nem houve desgaste prematuros dos cogs pois, como só há uma coroa na frente não tem como cruzar a corrente.

Eu sou bastante pesado (120kg), rodo 500km/mês na cidade em rotina normal, e ainda tenho tendência a uma cadência mais lenta e pesada, o que contribui pro caso. Talvez ele aguente a galera com perfil “chassi de grilo”, mas com certeza não dá conta dos “jamantas”. Tive um Shimano CS-HG50-8 de 11-34d, que nunca empenou comigo e durou mais de 6000km, pra comparar.

Quanto a não “cruzar” a corrente, vou discordar: o importante no caso é o ângulo da corrente, independentemente do número de coroas. Com coroa tripla e cassete 9v, limitando a coroa pequena a combinar somente com o primeiro até o quinto cog, a do meio do terceiro até o sétimo e a grande do quinto ao nono, ela vai ficar menos angulada que a configuração 1x9. A coroa narrow wide é uma exigência exatamente por isso, pois não deixa a corrente escapar de lado quando está nos cogs mais extremos.

-------------
Bora pedalar, senão estressa!


Enviado por: Gutonobre
Data: 14 Ago 2020 as 19:45
Li todo o tópico e fiquei na dúvida se fiz a escolha para a minha híbrida... O grupo original era 2x10 cambio XT Shadow longo, resolvi transformar em 1x10 colocando uma coroa Ictus 36... A minha ideia era colocar uma de 40, mas acho que eu iria sofrer com algumas subidas... A minha cidade não tem tantos percursos com subida pesada... A minha ideia é usa a híbrida só no asfalto, abrindo exceção em alguns pedais com estradão, sem trechos técnicos.

-------------
[MTB] Soul Volcano Edição Limitada 10 anos
[Híbrida] Scale 750 / Carbono (garfo, canote, guidão, mesa) / Roda 29, Koozer XM490 Pro, Vittoria Trail 700x38
[Acessários] Garmin Vivosport e Edge 530


Enviado por: Vinícius Marçal
Data: 15 Ago 2020 as 06:34
Originalmente Postado por Gutonobre Gutonobre Escreveu:

Li todo o tópico e fiquei na dúvida se fiz a escolha para a minha híbrida... O grupo original era 2x10 cambio XT Shadow longo, resolvi transformar em 1x10 colocando uma coroa Ictus 36... A minha ideia era colocar uma de 40, mas acho que eu iria sofrer com algumas subidas... A minha cidade não tem tantos percursos com subida pesada... A minha ideia é usa a híbrida só no asfalto, abrindo exceção em alguns pedais com estradão, sem trechos técnicos.

Escalonamento de cassete é algo muito pessoal, sozinho você deve avaliar pontos positivos e negativos, além dos pesos individuais de cada opção.Seu peso conta, altura da mesa(aneis espaçadores e angulação), largura de guidão, marca da corrente(SHIMANO, KMC SL ou KCNC), pneus serem de arame ou kevlar.Sobre os dados técnicos pelo site shimano, lembre-se que sobre capacidade do câmbio traseiro, antes você com pedivela duplo calculava: [(maior cog do cassete - menor cog do cassete) + (maior coroa do pedivela - menor coroa do pedivela)], agora com coroa única fica sendo apenas [maior cog do cassete - menor cog do cassete], sobre cassetes acima da capacidade do câmbio, você pode instalar extensor de gancheira.
OBS: A sunrace tem muitas opções de cassete, a Kode, além da SHIMANO que tudo 10v é compatível: Deores penúltimos, 105 antigo(SS ou GS), Tiagra novo(SS ou GS), XT antigo.Os dois extremos continuam presentes: amantes de cassete reduzido, estilo 12-23, 11-25, 11-32 assim como entusiastas que importam cassetes cada vez maiores(até 509%).


Enviado por: marcelo.linox
Data: 25 Set 2020 as 12:09
Estou usando coroa 36 comum cassete 11-34 e atende super bem em todas as situações. 


Enviado por: Dragum
Data: 25 Set 2020 as 19:00
 

Estou me aventurando nas 700 depois de varias MTB. Na minha opinião, relação vai muito de vários fatores, como preparo físico, geografia, uso da bike, etc... MAS...

Pensando em bikes 700, para uso na CIDADE, se você não tem um preparo físico de super homem, acho que, em qualquer lugar você estará bem servido com um pedivela triplo super reduzido 22-30-40. Ai se você morar em lugar plano pode usar 11-32. Se mora em lugar com montanhas 11-36 que já está perto da capacidade de cambio do shimano sgs cage longo.

Nas decidas não vai ficar um foguete, com pneu 38c faz 43.1Km/h (a) 90rpm, mas é até uma questão de segurança, principalmente com garfo rígido, não passar muito dos 50, na minha opinião, principalmente no asfalto das cidades.

Levanta a mão ai quem no plano pedala a 43Km/h por meia hora sem parar... (sei que existe, mas 99% das pessoas que praticam o ciclismo não tem preparo para isso).

Se quiser uma bike FOCADA em descidas, 26-36-48, mas ai não pode exagerar no range do k7 se não passa a capacidade de cambio (acho que é 45 dentes, não lembro, se alguém lembrar posta ai). Então perde-se bastante na subida com 26/32, por exemplo, contra 22/36 do "kit montanhista básico".

Mas pode-se pensar em outras opções. Se for pra BRs e estradas em geral pedivela duplo já da conta, mas a redução de peso é pequena... Eu sinto falta de um 26/40 ou melhor, com 11-40 atrás como uma evolução do triplo para reduzida extrema, mantendo a final, n sei se existe. Se for atleta e tiver dinheiro, 1x12 com 10-52 ficaria levíssimo, mesmo que sem tanta reduzida... O que pra um atleta ou algo assim, é de boa.


Então, cada caso é um caso, mas eu sou do time que acha que com uma receitinha escaladora básica com 22-30-40 e 11-36 satisfaz o uso de 99% dos ciclistas em qualquer lugar.


-------------
1: Aro 20 Azul
2: Monark BMX 24
3: Sundown 24, 21V
4: Azonic 26, alu, 21V
5: Snake 26, alu, 21V
6: 2XS 26, alu, 21V
7: 29r e 29er, alu, 21V/24V
8: GaryFisher Marlin 26, cr-mo, 24V
9: Sense Activ 2020



Imprimir página | Fechar Janela

Forum Software by Web Wiz Forums® version 11.06 - http://www.webwizforums.com
Copyright ©2001-2016 Web Wiz Ltd. - https://www.webwiz.co.uk