| PEDAL | HOME | ARTIGOS | BIKES | TESTES | COMUNIDADE | CLASSIFICADOS | FORUM | FOTOS | VIDEOS | NOTICIAS | TRILHAS | SERVICOS | CONTATO | + |
Fórum Início Fórum Início > Fóruns Novos - Outras Categorias > Cicloturismo e Touring - Viagens de bicicleta
  Tópicos recentes Tópicos recentes RSS Feed - Caminho de Alfenas - Aparecida # Concluído
   [REGRAS]    Ajuda Ajuda  Procurar no fórum   Registrar Registrar  Entrar Entrar

Caminho de Alfenas - Aparecida # Concluído

 Responder Responder
Autor
Mensagem
  Tópico Procurar Tópico Procurar  Opções do Tópico Opções do Tópico
João Frango Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 25 Jun 2013
Diadema/SP
Desconectado
Mensagens:1284
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (3) Obrigado!(3)   Citação de João Frango Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Tópico: Caminho de Alfenas - Aparecida # Concluído
    Enviado: 08 Set 2015 as 01:30


Bom bikers, ainda não tinha visto aqui tópicos deste Caminho de Aparecida que parte de Alfenas MG e termina na Basílica de Aparecida, quando fiz o caminho da Fé ano passado eu no final de Campos do Jordão a Aparecida decidi ir pelo Horto e Serra das Pedrinhas pra conhecer e encontrei a sinalização deste caminho e fui pesquisar. 

O Caminho de Aparecida segue a idéia do Caminho da Fé onde peregrinos (no nosso caso bicigrinos) fazem a peregrinação usando estradas rurais e evitando ao máximo estradas pavimentadas e de grande movimento ou perigo pra caminhar ou pedalar.


Eu fui saber disto conhecendo um dos idealizadores e desbravadores que fizeram o trabalho, o Rodrigo de Alfenas e outros amigos se engajaram nisto após um amigo deles de Alfenas morrer atropelado em uma das BRs quando ia a pé a Aparecida pagar uma promessa, eles sairam traçando a rota e sinalizando com as setas peixe pelo caminho com motos de trilha, jipes e cavalos, tomando o cuidado de não deixar o peregrino por mais de 20 kms sem um albergue simples, ou Pousada e hotel, quando o Rodrigo me contou a história ficou visivelmente emocionado e eu confesso que também fiquei, estava pilhado pra ''largar'' logo mas dai o papo começou a rolar e o tempo passou que nem vi.

Bom, o cara é sensacional, não ganha nada pra cuidar de tudo e tem a maior paciência e disposição em atender a quem entra em contato pra informações, ele pessoalmente foi as 6:00 da manhã do sábado dia 05 passado (05/09/2015) me encontrar e levar o kit com o "passaporte'' a ser carimbado nas cidades que passamos, os adesivos e um pingente que nos identifica junto aos moradores e estabelecimentos que passamos ou em caso de passar mal ou acidente poderem nos identificar e saber que somos peregrinos e entrar em contato com ele, na saida preenchemos um formulário com nossos dados e contatos em caso de emergência.

OBS: o kit que citei custou R$ 20,00, eu trabalho em gráfica e sei que isto é quase preço de custo deste tipo de material, tem a foto do kit no link do álbum, o livro que está na foto ele não vem no kit, baixamos o arquivo no site e fazemos a impressão se quiser, eu fiz pois trabalho na área e ele foi muito útil com os dados de distância, altimetria, como entrar e sair das cidades e informações de comércio, telefonia e contatos de apoio nas cidades.

O Rodrigo é o que está ao meio na foto e a esquerda o biker que estava pilhado e sumiiiiiiuuuuu 


Meu planejamento:
Sabendo e decidido a fazer comecei os preparativos a uns 20 dias, primeiro entrei em contato com o email que está no site e o próprio Rodrigo que respondeu e me tirou as dúvidas, de cara ja me avisou que a empresa de ônibus que faz a rota São Paulo/Tiete-Alfenas que é a Viação Santa Cruz costuma embaçar com transporte de bike, sabendo disto ja fui no site e vi o dia e hora que me serviria, optei por sexta dia 04/09 as 23:30, isto no dia 20/08, no site deles em dúvidas frequentes tem até escrito que "aqui sua bicicleta é bem vinda" mas sem maiores informações, fui no "fale conosco" e perguntei qual o procedimento pra transportar a bike, primeira resposta foi que tinha de estar em caixa de papelão e ter a nota e que se não passasse de 30 kilos não teria cobrança.

Respondi que iria até a rodoviária pedalando e que não tinha como levar uma caixa de tal tamanho, e que costumo fazer este tipo de viagem e a Cometa, Expresso Luxo, Pássaro Marrom nunca me pediram caixa e mandei a foto da bike nos bagageiros como transporto (no álbum tem a foto, eu tiro a roda dianteira e amarro no quadro, viro o guidão e apóio o alforge no bagageiro e amarro a bike em pé nas colunas, não danifica nada e ela fica bem presa), a nota tudo bem e nada contra.

Passou 3 dias e nada de retornarem este segundo e-mail, ja tava pra meter a boca no face deles e fazer barulho e eis que meu celular toca, era do atendimento ao cliente da Santa Cruz, a pessoa que me ligou me parabenizou pela educação e objetividade na questão e que se fosse da forma que coloquei que não fariam objeção em levar a bike, mas reforçaram que se fosse em grupo com mais de duas bikes que avisasse antes pra eles separarem o bagageiro pra nós, expliquei que ia sózinho e tudo beleza, pedi que me mandasse formalmente por e-mail pra eu imprimir e levar no embarque para não ter problema.

Resolvido a questão transporte de ida, pois de volta seria Cometa mesmo e nessa é tranquilo, fui cuidar de treinar forte em terreno parecido e com peso, me senti bem com pedais diários de 40 kms, a bike ja estava revisada e tinindo, só instalei o bagageiro e comprei power link de corrente, cabo de câmbio e freio e sapatas da Baradine pra levar ja que minhas shimano não podem ver agua e barro que iam derreter, revisei a suspa e treinei mais, o último teste foi nos arredores do Ármazem do Limoeiro onde zerei todas subidas sem me estourar, estava pronto, passagem comprada antecipada, estimativa de fazer em 3 dias os 265 kms, meta do primeiro dia Alfenas-Careaçu com 113 kms pois o trajeto é mais light então reservei no Hotel antecipado, segundo dia Careaçu-Itajubá com 71 kms de muita subida e no último Itajubá-Aparecida onde seria metade do dia subindo e a outra metade descendo, não esperava chegar em Aparecida antes das 17:00 hrs e voltaria outro dia pra entregar o passaporte e retirar o certificado.

Na Rodoviária ja fiquei receoso pois chegou um grupo de 5 bikers de Pirituba, fiz amizade de cara pois eram 5 senhores já, o receio era o embarque das bikes, mas o ônibus era dos mais altos e as bikes couberam mesmo montadas em um único compartimento, sem problemas no embarque, chegamos em Alfenas 4:45, eu dormi bem o caminho todo, chegando lá nos preparamos pra sair e foi ai que eles disseram que não iam pegar passaporte, foram só pra pedalar mesmo sem compromisso, então eu fui ao portal pra encontrar o Rodrigo e eles foram direto pro começo do trecho de terra.

Bikes bem acomodadas e sem problemas no ônibus da Santa Cruz


Chegando no portal tinha mais um biker de Poços de Caldas, visivelmente mais forte do que eu e mais rápido então nem cogitei de ir junto, ele estava pilhado pra fazer rápido então pegou a credencial tiramos umas fotos no portal e tchau, eu fiquei papeando com o Rodrigo e chegaram mais 15 bikers de Araras, com bikes tops, carro de apoio e tudo mais, ai foi minha vez de partir e ja eram quase 9:00 hrs.

Primeira placa indicando a distância


Parei ainda em Alfenas pra comer, encher caramanholas e tirar fotos, os caras de Araras me passaram no início do trecho de terra ainda em Alfenas, foram embora e eu fui na minha tocada, meta era 15 kmh de média pra conseguir fazer no meu plano.

Inicio do trecho de terra em Alfenas


O pedal rendeu bem, as estradas de terra eram das boas, bem batidas e o bike deslanchava, muitas subidas onde fui até bem e nas descidas e retas ganhei tempo, cheguei a estar com média de 18 kmh após 50 kms de pedal lá por volta das 13:00 hrs, parava nos vilarejos, tomava um refri e comia algo, carimbava enchia caramanhola batia um papo rápido e tacalepedal, algumas fotos e paradas pra relaxar e comer umas castanhas com nózes e amendoim, admirar a bela vista e bóra, tudo dando certo e eis que, aparece um cachorro do tamanho de um pônei do nada, ele veio em silêncio e no susto pra desclipar dei mau jeito no joelho esquerdo ao por o pé no chão, ali vi que f#deu, ja sou véiaco com cachorro, quando eles vem fazendo barulho ou dando pinta ja desço da bike e empurro pois sei que eles nem vem atrás assim, ou se vierem uso a bike de escudo, mas este saiu do nada sem latir nem dar pinta então estava desprevenido, consegui pular e usar a bike de escudo, dei no focinho dele com a roda de trás, gritei e ele recuou, empurrei por um trecho e montei de novo, ja vi que o joelho esquerdo doeu e reduzi o ritmo pois estava no meio do nada, tinha de chegar até Turvolândia que tinha uma Pousada e repensar o que fazer.

Antes de me contundir LOL aproveitava as belas paisagens




Pra ajudar o sol que rachava cafezal virou um dilúvio, ai o barrão "vermeio" formô e ficou ainda mais punk, fui levando com uma perna e meia pois a esquerda só dava pra puxar o pedal na volta e a direita ia redondo, feito isto subi o que precisava as vezes pedalando em pé, cheguei em Turvolândia as 18:30, estavam alguns ja lá, mesmo bichado cheguei antes da maioria dos caras de Araras, pararam por causa da chuva pois não queriam gastar suas relações 1x10 ou 1x11 na lama, eu não parei e rodei umas duas horas na chuva, eles chegaram eu ja estava de banho tomado e jantando.

Click feito após a chuva dar uma trégua mas logo ela voltaria a cair LOL


A noite foi de confraternização, os senhores de Pirituba estavam lá, que exemplos gente boa só risada e conversa legal, os caras de Araras também todos gente finíssima, ofereceram ajuda e eu disse que na manhã decidia o que fazer.

A noite fiz aplicação daqueles massageador e atadura e dormi muito, acordei cedo e arrumei as bagagens, coloquei meu tensor de joelho na esquerda (comecei a trip com ele na direita pois na semana dei uma topada que tava incomodando) e vi que não ia conseguir terminar a trip, mas que na macióta até Careaçu por um atalho indicado por mineirin local eu chegava, em Turvolândia não tem transporte regular em finais de semana, pra chegar a Careaçu só de carro particular e ida e volta daria 70 kms e cobram em torno de R$ 100,00 o que não é injusto ja que lá não tem opção e nem posto de gasolina, bom vi que dava pra levar e a meta passou a ser chegar em casa sem ter de empurrar a bike, tudo pronto e vamo no pedal de perna e meia.

Errei o trevo do atalho e passei e fui indo indo ... uma estrada asfaltada linda, visual top, asfalto bom mas não tinha uma alma viva e se passaram 5 carros foi muito, rodei uma hora e meia e avistei um andarilho, ele me perguntou "companheiro, quanto tempo até a próxima cidade?" olhei no ciclocomputer e disse a ele que era Turvolândia a 18 kms, perguntei se ele queria agua e comida e ele aceitou, dei uma caramanhola pra ele, barrinhas e club social e me despedi, mais 3 kms e cheguei em Silvianópolis, e valeu a pena a errada, cidadezinha linda, tirei fotos e parei pra comer um churrasco na beira do lago, ''ai sacumé né todo mundo quer saber de ondicevem paondituvai'', pedi informações e me explicaram como chegar em Careaçu, mais 14 kms só que de terra.

Parada em Silvianópolis pra descansar, comer e reabastecer, cidadezinha tipo presépio linda de ver em baixo


E por cima também, última vista que teria dela pois daqui comecei a descer o morro sentido Careaçú


No caminho trombei com uma prova de mountain bike que acontecia, o apoio deles me deu uma caramanhola cheia e geladinha, na chegada em Careaçu cruzei na linha de chegada da prova, acharam que eu competia e me parabenizaram kkkkkkkk, parei pra tirar a última foto e vieram falar comigo, perguntaram se eu fiz o de 40 ou 60 kms, respondi que fiz o 140 que foi o que deu de Alfenas a Careaçu passando por Silvianópolis, dai viram que a bike não tinha cara de competidor e com alforges, rimos um pouco me despedi e bora pra rodoviária.



Passagem comprada e bike arrumada do meu jeito pra embarcar, quando o ônibus chega o motorista ja diz (educadamente) que estavam proibidos de levar bike sem embalagem, a atendente interviu e disse que eu estava com a nota e era cicloturista, ele explicou que um desses "bike gourmet" está processando a Viação Bragança a qual faz a rota em R$ 15.000,oo pois transportou a bike jogada no bagageiro e claro que com as curvas da Fernão ela bateu pra todo lado no bagageiro, expliquei a ele que sou diferente, mostrei o e-mail da Viação Santa Cruz, mostrei as fotos e papo vai papo vem ele me fez "jurar" que ao chegar no Tiete conversaria com o fiscal, claro que pra mim sem problemas, me ajudou a amarrar a bike e embarquei, chegando no tiete agradeci e disse que vou fazer o mesmo que fiz com a Santa Cruz ja que vou voltar e terminar o caminho logo esteja reabilitado. 



Do Tiete até em casa Metrô e do Jabaquara até em casa pedal pela ciclovia, consegui terminar e sem empurrar.

Ufa, relato grande mas espero que sirva para os amigos, a rota é uma ótima opção de cicloturismo com MTB, bem sinalizada e estruturada, estradas de terra boa, pouquissímo trecho em Rodovia com 2 kms pra ir de Chico dos Santos a Matão que peguei, e outro que ia pegar de 3 kms em Careaçu pra São Sebastião da Bela Vista, subidas desafiadoras e descidas sensacionais no trecho que fiz, povo acolhedor onde em qualquer casa voce consegue uma água gelada e até pão caseiro e "pãozin di quejo" 

Religioso ou não, com Passaporte ou não, somos livres pra fazer, é só seguir as setas peixe, gostei tanto quanto o Caminho da Fé.

As fotos estão com mais de um mega, então colo o link, por causa da chuva não tirei muitas.

Percurso do Primeiro dia

Percurso do Segundo dia

Assim que der volto pra terminar, e posto as impressões, se com este livro que escrevi ainda ficar alguma dúvida é só perguntar, espero assim ajudar a animar mais pessoas a conhecer o Caminho.





Editado por João Frango - 27 Ago 2018 as 23:26
Não compre nada sem procedência, não alimente parasitas.
Voltar para o topo
guga.sjc Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 04 Mar 2015
SJC
Desconectado
Mensagens:199
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de guga.sjc Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 08 Set 2015 as 10:39
Muito legal, o pessoal de Minas é top mesmo. Só a parte do cachorro "pônei" que não entendi muito bem. Ele chegou a te atacar ?
Voltar para o topo
João Frango Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 25 Jun 2013
Diadema/SP
Desconectado
Mensagens:1284
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de João Frango Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 09 Set 2015 as 10:21
Sim Guga atacou, saiu de mansinho de dentro de uma porteira aberta e veio pra cima, como estava muito perto não tentei correr e sim pular da bike e usar ela de escudo, nesse pulo que torci o joelho, só não mordeu minha perna pois a bike tava na frente, dai bati nele com a roda de tras da bike pra ele recuar, sai empurrando até perder ele de vista e voltei a pedalar.
Não compre nada sem procedência, não alimente parasitas.
Voltar para o topo
dreluis Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 02 Fev 2014
Maringá, PR
Desconectado
Mensagens:102
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de dreluis Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 09 Set 2015 as 20:38
Que bacana a tua viagem! Quem sabe um dia eu também faça esse percurso!

Ainda bem que você não teve problemas com a Viação Santa Cruz. É uma das piores que conheço, sem nenhum respeito com o passageiro.

Abraço!
Voltar para o topo
raulino Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 16 Out 2013
SC
Desconectado
Mensagens:1214
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de raulino Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 09 Set 2015 as 22:58
parabéns pela viagem! apesar do ocorrido rendeu boas histórias hein?!

obrigado tb por compartilhar... morei alguns anos em Itajubá e nunca imaginei pedalar nessa região, mas agora ela ja entrou na minha lista 📋
"Reality is what you make it"
GT Sanction Expert 2015 | GT Force ⭐⭐⭐ 2008 | Caloi Aspen Way 1 1993
ex Cannondale Trail SL2 2012 | Giant ATX Limited 2015 | Caloi Aluminun 2012
Voltar para o topo
João Frango Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 25 Jun 2013
Diadema/SP
Desconectado
Mensagens:1284
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de João Frango Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 10 Set 2015 as 10:10
Dreluis conversando a gente se entende, como eu nas pesquisas ja vi que eles (Santa Cruz) tem muitos relatos com problema ao embarcar bike ja me adiantei, se não tivesse jeito eu encaixotava a bike, mas se der pra evitar este trabalho muito melhor, tanto as atendentes que me ligaram (foram duas) quanto o pessoal do embarque e motorista foram gente boa, não sei se pelo fato de eu ter sido claro e educado na questão ajudou, espero ter aberto um precedente e que não aconteca mais isso no grupo deles que é grande.

Quando estiver chegando o dia de eu ir pra Careacú pra continuar o Caminho ja vou comecar a fazer o mesmo com a Braganca, e em janeiro que vou pra Diamantina pra descer a Estrada Real também vou fazer o mesmo com a Gontijo, mas esta é quase certo de não deixar ir sem caixa pelo que pesquisei.

Oh Raulino se rendeu, bom demais fazer estes pedais, só quem pedala por São Paulo capital sabe o lixo que é onde ando, quando saimos pra um lugar destes é uma alegria só, estas rotas religiosas que tem muitas são boas pra pedalar, sinalizacão, estrutura, povo e lugares sensacionais, mas voce ta muito bem hoje pois Blumenau é bom demais, ja desci ai de moto, oh lugar bonito também, mais pro meio do ano que vem pretendo pedalar o Vale Europeu que é outro lugar TOP pra curtir e bike.

Abracão turma
Não compre nada sem procedência, não alimente parasitas.
Voltar para o topo
deepbluemx3 Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 25 Fev 2013
Americana SP
Desconectado
Mensagens:339
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de deepbluemx3 Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 30 Set 2015 as 16:59
-Parabéns João Frango, muito legal sua história, e sua viagem, fiquei muito contente com a ajuda que deu ao andarilho, comida e água, faz todo o sentido essa sua atitude, principalmente numa jornada de peregrinação, independente a quem ajudar, ou se é peregrino, bicigrino, andarilho, ou se está com uma bike 1X11, ou uma 26zinha véia, o importante é "se encontrar", em uma peregrinação dessas, compartilhar experiências, e ajudas, mesmo durante a jornada. Quero fazer o caminho da fé no final de ano, do seu jeito eu estava já planejando, ou seja, de ônibus até Águas da Prata(saindo de Americana -SP), e daí em diante de bike, e depois retornar até Campinas de busão, e de Campinas até Americana de busão novamente!
-Acredito que fez a viagem de forma bem econômica, tens uma idéia de quanto gastou no percurso?
-Parabéns, e que venham as próximas!
Abraço.

Deep


Editado por deepbluemx3 - 30 Set 2015 as 17:00
"No pedal, descubro meus limites, enfrento meus medos, venço desafios, assim, sigo em frente!"

STRAVA https://www.strava.com/athletes/5870268
Voltar para o topo
João Frango Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 25 Jun 2013
Diadema/SP
Desconectado
Mensagens:1284
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de João Frango Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 30 Set 2015 as 21:04
Valeu Deep,  voce assimilou bem o que eu quis passar no post, não vejo a hora de voltar lá e continuar de Careaçu até a Basílica, em novembro eu vou.

no Caminho da Fé gastei na média com hospedagem, lanches, água, refeições e nas passagens de ônibus 80,00 por dia, mas isto dividindo tudo gasto pelos dias fora de casa, a cerveja não entrou na conta LOL 

Se voce ainda não viu segue duas dicas, uma das distâncias e valores das hospedagens e refeições dos locais cadastrados e o site oficial do Caminho da Fé, tem muita informação boa neles, eu imprimi e levei pra ir consultando igual eu fiz neste do Caminho de Alfenas-Aparecida



Espero ajudar, e qualquer coisa a mais é só nos perguntar
Não compre nada sem procedência, não alimente parasitas.
Voltar para o topo
João Frango Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 25 Jun 2013
Diadema/SP
Desconectado
Mensagens:1284
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de João Frango Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 14 Out 2015 as 15:45
o Rodrigo de Alfenas postou uma foto minha e da Black/Green no Portal de Saida em Alfenas e só vi hoje.

Vou voltar no Feriado do Dia da Consciência Negra e continuar de Careacú até Aparecida, dia 19 a noite de onibus até lá e comecar o pedal dia 20 cedo, dividir o trecho em 3 dias, desta vez um amigo vai junto, alguém mais afim de passear por lá nestes dias?


0
Não compre nada sem procedência, não alimente parasitas.
Voltar para o topo
João Frango Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 25 Jun 2013
Diadema/SP
Desconectado
Mensagens:1284
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (1) Obrigado!(1)   Citação de João Frango Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 23 Nov 2015 as 17:45
Atualizando o tópico, voltei a Alfenas e iniciei o caminho na sexta feira dia 20 que foi feriado em São Paulo, desta vez um amigo foi junto pra conhecer e por isto e mais o fato da Viacão Danúbio Azul se negar a levar as bikes sem estarem encaixotadas em papelão me fez decidir em voltar a Alfenas e iniciar o pedal de lá, a Viacão Santa Cruz mais uma vez embarcou as bikes sem nenhum questionamento na Rodoviária do Tiete.

Iniciamos o pedal as 6:00 da manhã, chegamos em Alfenas as 4:30, tomamos café e nos arrumamos na Rodoviária mesmo.



Durante a semana choveu por lá o que nos lascou mas foi ótimo pra região, estava bem mais bonito que em Setembro quando fui a primeira vez, mas o piso estava uma lameira só, quebrou meu plano e tornou tudo mais complicado.


Mesmo assim foi bom demais, esta região é muito bom pra pedalar, consegui esquecer da vida aqui na cidade grande e quando vi ja eram 18:00 hrs e estávamos em Turvolândia, o plano era ir até Careacú ja na sexta e fica a mais 25 kms a frente, como iria chegar lá muito tarde e rodar muito no escuro paramos em Turvolândia mesmo e nos hospedamos na Pousada da Lua a qual eu ja conhecia e sabia que era ótima pra ficar.

Só não deu pra ir até Careacú pois furou um pneu do meu amigo e em um trecho ele meio que deu uma baqueada e paramos pra descansar e ele se recuperar, ele também se enganchou em uma cava e caiu e demos um tempo pra ele respirar, eu também cai mas quase parado em um atoleiro, foi muito cômico LOL 

trecho do primeiro dia, altimetria chata pra percorrer, não rende 

No segundo dia ja tinha botado na cabeca que iria curtir o pedal e não esquentar com horário e onde chegar chegou, saimos de Turvolândia 8:30, este trecho da outra vez eu não segui e me surpreendeu, muito bonito o visual do lugar.

Foto entre Turvolândia e Careacú


Em Careacú cruzamos a Fernão Dias pra ir sentido São Sebastião da Bela Vista


A partir dai a chuva ia e voltava mas mesmo assim estava calor, por causa da chuva tirei poucas fotos, mas o trecho entre Careacú e Santa Rita do Sapucaí é muito legal e bonito, de São Sebastião para Santa Rita tem uma Serra que foi hard pela extensão e não pela inclinacão, mas a vencemos pedalando todo trecho e a recompensa é que bem no final da subida tem um refresco, agua limpa e gelada.


Dai foi só descer o mesmo tanto que subiu e chegar em Santa Rita do Sapucaí, cidade bem legal, hotel bom e foi até barato (Crisal) quando entramos na cidade desabou um dilúvio, os locais nos aconselharam a não continuar o pedal no outro dia pois ja estava lamacento e depois daquela chuva estaria bem pior, junto com isso vi que não conseguiria chegar a Aparecida para voltar ontem (domingo) e a alternativa seria ir até Itajubá ainda pelo Caminho e voltar de lá, mas ao pesquisar a passagem só tinha da Viacão Danúbio azul pra voltar e não pretendo dar mais meu dinheiro ou gastar português com eles, dai no site da Santa Cruz achei dois lugares saindo de Santa Rita mesmo as 7:00 da manhã, comprei pelo site mesmo e deu tudo certo, chegamos em Sampa cedo e evitamos o horário de pico da volta do feriado.

Segundo dia do pedal Turvolândia-Santa Rita do Sapucaí

Rodamos 170 kms do Caminho, logo volto a Santa Rita e continuo até Aparecida, quero fazer o possível pra dormir na Pousada Santa Maria da Serra em Campos do Jordão pois achei o lugar muito legal.

Quando terminar aviso, e se animem em pedalar o caminho pois vale a pena, povo, paisagens,  altimetria e terrno compensam pra conhecer a região, eu acho que o ideal pra fazer rápido é planejar 4 dias e pra fazer de boa curtindo as cidades em 6 dias, que é o que pretendo fazer no futuro, tem muito lugar e gente legal pra conhecer por ali.

Não compre nada sem procedência, não alimente parasitas.
Voltar para o topo
odeiocriarcontas Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 23 Nov 2015
Chapecó SC
Desconectado
Mensagens:36
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (1) Obrigado!(1)   Citação de odeiocriarcontas Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 23 Nov 2015 as 22:29
Q top, eu n tenho como ir no momento.. Mas cara q massa, eu rachei rindo la no começo qnd vc entro no meio da competição de mountain bike e te perguntaram ql percurso vc fez "o de 140km" kkk
eu vou acompanhar teu topico se tu puder postar mais fotos, eu ainda to avaliando a possibilidade de ser cicloturista, esse tipo de topico anima bastante


um amigo meu me bota pilha toda hora pra começar a fazer cicloviagem mas eu to meio cabreiro, tenho q comprar as parada ainda..
só q ele é mais hardcore, leva rede ou barraca e dorme no meio da trilha, e faz rango td no meio da trilha. 
Vou esperar meu ex padrasto ir pra alemanha, ai vou dar a grana p ele compra dois alforge da ortliebe pra mim, ta 60 euros eu acho. Aí vai faltar o bagageiro q é um problema, pq o bagageiro pra 29 freio a disco custa 300 reais, mais q os alforge da ortliebe.. uma facada, se fosse bike 26 com vbrake igual do meu amigo ia custa bem menos, fico de cara =x

mas nada q atrapalhe, vai só atrasar um pouco, quero me preparar bastante pra nao passar roubada depois! ahahha


Voltar para o topo
M.CROESY Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 31 Jan 2014
salvador-ba
Desconectado
Mensagens:1611
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de M.CROESY Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 25 Nov 2015 as 09:47
Muito bom! Parabéns 😤 fiquei babando.....
M.CROESY
Voltar para o topo
João Frango Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 25 Jun 2013
Diadema/SP
Desconectado
Mensagens:1284
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de João Frango Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 23 Dez 2015 as 11:49
Esta arte foi postada pela página oficial do Caminho e achei bem legal a idéia, o Rodrigo tem todo um cuidado com o material de divulgacão do Caminho.

Em janeiro eu e meu amigo japonês estamos pretendendo entre os dias 18 e 22 voltar e refazer desde Alfenas e finalmente chegar a Aparecida LOL, depois voltar pra Sampa pois ele tem um compromisso dia 23/24 e no dia 25 ir pra Tambaú e iniciar de lá o Caminho da Fé, vai ser overdose de bike e estrada de terra e morros, muitos morros LOL, se algum amigo quiser se juntar a nós é só avisar, ritmo de cicloturismo sem stress.

a arte que mencionei no comeco


Não compre nada sem procedência, não alimente parasitas.
Voltar para o topo
João Frango Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 25 Jun 2013
Diadema/SP
Desconectado
Mensagens:1284
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de João Frango Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 23 Mar 2016 as 14:50
Tudo certo pra este feriado terminar o Caminho de Aparecida !!! 

Passagem comprada pro ponto de partida e reservas feitas para as pernoites, pelo tempo destes dias e previsão vo amassa um barro legal por lá LOL, mas é disso que eu to falando, é disto que eu gosto e depois da Estrada Real to me sentindo bem melhor no pedal, também vou mais leve, vai ser loko !!!

Quando chegar atualizo, e bóra animar e conhecer a rota, até onde fiz achei muito legal o pedal por lá.


Editado por João Frango - 23 Mar 2016 as 14:50
Não compre nada sem procedência, não alimente parasitas.
Voltar para o topo
João Frango Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 25 Jun 2013
Diadema/SP
Desconectado
Mensagens:1284
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de João Frango Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 30 Mar 2016 as 23:24
Finalmente finalizei o Caminho de Aparecida no feriado passado, foi um pedal sensacional !!!

Sai de São Paulo com destino a santa Rita do Sapucaí na quinta dia 24/03, fui trabalhar de bike e do trabalho direto para a Rodoviária do Tiete claro que tudo pedalando, fui de ônibus para santa Rita e ja tinha deixado reservado hospedagem no Hotel Crisal pra pernoite com café, custou R$ 69,00, o ônibus chegou a Santa Rita as 2:00 da manhã, a rodoviária fica a dois quarteirões do Hotel.

Planejava começar o pedal as 07:00 da manhã do dia 25/03 mas estava cansado e dormi de novo e acordei as 08:30, sem stress tomei café e comecei o pedal por volta das 09:30 debaixo de um sol legal já.

Primeira placa que vi no dia, logo na saida do hotel, 121 kms


Até o início do trecho de terra não deu km de pedal, o sol começou a rachar mas não foi problema, estava curtindo o pedal, o trecho era muito bonito com altimetria variada, mas estava bem e leve e rendia legal.

Piso de terra bem batida, neste local encontrei um jogo de ferramentas de moto caido na pista, aproveitei pra foto pois achei o cenário legal, ai ja tinha passado pela entrada de Olegário Maciel, não passei por lá pois ja tinha atrasado uma hora do meu plano.


Passando a cidadezinha de São José do Alegre começou a aumentar a diversão, entre ela e Itajubá temos duas opções, ambas por terra mais uma mais movimentada, com mais subidas, 1,5 kms maior que é o caminho normal entre uma cidade e outra, e um caminho alternativo mas também sinalizado como caminho de Aparecida que passa por uma fazenda de bois Nelóre, isso pra mim foi fácil pois ja aprendi a tocar eles do caminho quando fiz o Caminho da Fé LOL o maior empecilho no caminho alternativo que foi o que escolhi acabou sendo o piso, mesmo sem chover a uma semana por lá o barro tava muito mole, o rio tinha subido dias atrás e deixou uma meléca só, mas com força no pedal passei e cheguei a Itajubá até dentro do meu horário previsto, este trecho foi muito legal de fazer.

 
Saindo de Itajubá após carimbar o passaporte e comer e carregar as caramanholas o destino era Wenceslau Braz, o trecho também rendeu um pedal muito legal, passando por vários bairros rurais e até uma trilha de fazenda que estava sem condições de pedalar, dai foi bike nas costas e força nas pernas.

Base Militar em Itajubá 
 
Trilha pela Fazenda do Joel, pouco antes de Wenceslau Braz, ela está no roteiro pra tirar os peregrinos da rodovia que é bem sinuosa e não tem acostamento.


A parte da tarde foi quase toda subindo, um pedal muito legal, visual do lugar é muito bonito, ar puro pouco movimento, totalmente relaxado, cheguei a Wenceslau Braz por volta das 17:00 hrs, ja tinha deixado reserva feita na espetacular Pousada Castelo (Castelinho Amarelo) atendimento muito acolhedor, não serve jantar mas logo que cheguei o dono o Luciano ja perguntou se eu ia querer jantar, eu disse que sim e ele ja me deu as opções que lá são poucas e eu escolhi jantar comida mesmo e não lanche, com um telefonema tudo resolvido e depois de lavar a bike e tomar banho fui ao restaurante que abriu só pra me atender, o jantar com bebida custou R$ 20,00, um comercial com truta frita e salada que desceu muito bem após o dia de pedal muito legal e perfeito, na Pousada além de mim tinha apenas uma Peregrina chamada Viviane que por coincidência mora próxima de mim, ela estava fazendo a Rota de Frei Galvão que também passa por Wenceslau Braz, conversamos um pouco e ela ja fez tudo que é caminho do tipo que conheço, tudo caminhando, uma pessoa muito legal pra conversar, enquanto isto caia uma chuva torrencial na região, pra variar os donos da Pousada diziam que dei azar pois fazia muitos dias que não chovia, ja to acostumado a levar chuva comigo LOL

Depois de ter ficado 11 dias em janeiro na Estrada Real, ao ver esta placa lembrei de muita coisa, mas desta vez a rota era outra.
 

Magnífica Pousada Castelo, recomendadíssima !!!



Dia 26/03 - último dia Wenceslau Braz - Aparecida via Trilha dos Carneiros

De novo demorei a levantar e também fiquei batendo papo após o café, mas estava com tempo então desencanado, voce ja sai da pousada pegando uma subida por asfalto, 2 kms depois começa a terra, no total são 15,5 kms subindo sem folga, eu ja sabia pois levava comigo o mapa altimétrico impresso, então programei meu pedal pra vencer a serra em 3 etapas de 5 kms com parada para água e comer algo, tudo no pedal e com giro entre 5 e 7 kmh, no fim deu certo e a média final chegando no Charco que é o fim da serra ficou em 8 kmh no trecho que pra meu ritmo, peso da bagagem ficou bom.

A subida da serra é muito legal, visual lindo, tranquilo e com algumas casas de trecho em trecho


Chegando no Charco tem a Pousada da Dona Nair e família, pessoas muito legais, parei apenas pra carimbar mas insistiram pra que eu entrasse, me deram café, refrigerante, ofereceram petisco e encheram as caramanholas, batemos papo por um bom tempo e toquei no assunto de qual melhor caminho a fazer, do charco até a Pousada Santa Maria da Serra tem duas opções, a trilha dos carneiros que encurta o caminho em 14 kms e a estrada do horto de Campos do Jordão 14 kms mais longo e com uma subida de Serra de 10 kms ininterruptos, o Horto eu ja conhecia e fui ja disposto a ir pela trilha, mas como choveu bastante a trilha não era recomendada pelos organizadores, ainda mais estando de bike e sózinho, mas os filhos de Dona Nair me informaram que a chuva derrubou várias arvores grandes na estrada do horto e que eles tiveram de dar a volta por Wenceslau para subir ao Charco e que talvez sózinho eu não conseguiria pular as árvores pois foram árvores de grande porte.

Não mentiram sobre a trilha ser fácil mas que como era cedo e com cuidado eu venceria ela mesmo com a bike, foi o que fiz e me embrenhei na trilha, e é uma trilha mesmo, dos 6,5 kms dela 4 foram pedaláveis, e foi muito louco, mas os 2,5 kms foram teste de escalada, logo a primeira parede ja mostrou o enrosco que ia ser

 
Esta que parecia brava depois se tornou light, as outras 3 que tiveram estavam cavadas pelas chuvas e carneiros LOL mas foquei no objetivo e fui vencendo uma após outra, entre uma parede e outra tinahm trilhas e também platôs onde o visual era fóda demais, aqui é a divisa entre SP e MG, bem guardada por uma porteirinha 



Aqui a quase 2000 mtrs de altura em uma dos platôs entre uma parede e outra



Acabando os 6,5 kms chegamos a Fazenda e Matadouro doa Carneiros que pertence a Fazenda Lavrinhas, não tinha ninguém pra abrir o portão mas ele fica só encostado e temos autorização para abrir e passar



Passando dai ja foi uma vitória pois deu tudo certo e agora voltava ao caminho normal e mais movimentado e com algumas moradias próximas caso precisasse de alguma coisa, dai até a Pousada Santa Maria da Serra e começo da descida da serra das pedrinhas são 8 kms por estrada rural, acelerei pois o tempo ja tava curto e cheguei na pousada as 14:00 hrs

  Chegando ai não tem jeito, mandei dois dos lanche da casa que é um pão com maionese, ovo e salada com suco, a dona sandra que cuida da pousada adora conversar e relaxei um pouco, batemos papo tomei um café, carimbei o passaporte e comecei a descer a serra, eu adoro este trecho, lugar sensacional, é só descida mas é bem duro pois é calçado com pedras soltas, então cansa pra descer pois é bem técnico, mas com visual de encher os olhos, lá no planalto ao fundo está o vale do Paraiba e a Via Dutra.



Curti muito a descida, foi a segunda vez que desci por Pedrinhas-Gomeral-Potim, cheguei a Aparecida as 17:15, a Secretaria que entrega o Certificado fecha as 17:00 hrs e com isso não o peguei, vou outro dia a Aparecida a passeio e o retiro, o que vale é ter concluído mais este fantástico Caminho de Aparecida, sem nenhuma queda ou quebra e nem pneu furado, foi tudo muito bom.

Chegada a basílica, estava até vazio já nem tinha ninguem perto pra tirar uma foto pra mim Cry
  
strava do dia, último pedal do Caminho de Aparecida http://www.strava.com/activities/527573222 

A bike estava uma mundiça e da última vez que voltei pra casa de ônibus levei chamada na rodoviária e no Metrô, então resolvi dar um trato pra tirar o mais grosso, e lavei a bike com agua benta das torneiras da basílica com as caramanholas LOL


Depois em um dos vários banheiros tomei um banho na pia e troquei de roupa pra voltar pra casa, me lasquei pois por 10 minutos perdi o onibus das 19:00 e tive de esperar até as 21:40, cheguei em sampa as 00:20 e peguei o último metrô, lotado por causa do Show do Iron Maiden que ocorreu na mesma noite e todos me olhavam igual um alienígena com aquela bike mesmo após lavar suja e de chinelo e cara de acabado LOL nem ligo.
Do jabaquara até em casa fiz no pedal e assim as 01:30 da madrugada chegava em casa são e salvo e cheio de boas lembranças e histórias e ja pensando no próximo ...


Espero que gostem e que anime outros a faze-lo, uma opção de ciclotour ou apenas pedal muito boa, com ótima sinalização e estrutura pelo caminho, com visual fantástico da nossa Mantiqueira, pra que é religioso a chegada a Aparecida é muito emocionante. eu não sou religioso mas confesso que me senti estasiado.

album com todas as fotos desde a primeira tentativa de percorrer o Caminho de Aparecida, foram 3 tentativas http://s1144.photobucket.com/user/iporob/library/Caminho%20de%20Aparecida%20Parte%201

Qualquer coisa que puder ajudar é só perguntar, aproveitem o tópico
Não compre nada sem procedência, não alimente parasitas.
Voltar para o topo
parolfer Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 20 Mar 2013
Mogi Mirim-SP
Desconectado
Mensagens:37
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de parolfer Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 28 Jul 2016 as 17:23
Fala amigo, tudo bem?
Cara, vendo seu relato, achei muito bacana a viagem. Estou indo no Caminho em setembro e com isto, se vc puder me dar algumas dicas lhe agradeço muito.
Por favor, entre em contato
fernando.parolim(a)hotmail.com

Desde já muito obrigado
Voltar para o topo
João Frango Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 25 Jun 2013
Diadema/SP
Desconectado
Mensagens:1284
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de João Frango Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 29 Jul 2016 as 10:21
Bom dia brother, ajudo sim no que puder.

Mas pode perguntar que eu respondo por aqui mesmo, pois assim ja serve de dica pra quem interessar no futuro.
Não compre nada sem procedência, não alimente parasitas.
Voltar para o topo
João Frango Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 25 Jun 2013
Diadema/SP
Desconectado
Mensagens:1284
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de João Frango Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 17 Abr 2017 as 17:58
No fim de semana de Páscoa foi oficialmente inaugurado o Ramal de Varginha do Caminho de Aparecida, tudo sinalizado bonitinho até chegar na união com o eixo principal que sai de Alfenas, to doido pra voltar e conhecer



Não compre nada sem procedência, não alimente parasitas.
Voltar para o topo
Hugobh77 Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 03 Jul 2015
Belo Horizonte
Desconectado
Mensagens:1844
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de Hugobh77 Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 12 Nov 2018 as 20:05
Show de bola seu relato de persistência em concluir todo o caminho mesmo com todas as adversidades.
As paisagens nem se fala. Agora que você vai fazer com a Caloi, volta e conta como é essa viagem com garfo rígido. Eu me mudei recentemente para Manhuaçu na Zona da Mata Mineira, uma região muito bonita, próximo ao pico da Bandeira. Em breve farei umas incursões por aqui.


Voltar para o topo
João Frango Ver Drop Down
Avatar

Registrado: 25 Jun 2013
Diadema/SP
Desconectado
Mensagens:1284
Opções de Post Opções de Post   Obrigado! (0) Obrigado!(0)   Citação de João Frango Citação de  ResponderResposta Link direto para este Post Enviado: 13 Nov 2018 as 11:05
Originalmente Postado por Hugobh77 Hugobh77 Escreveu:

Agora que você vai fazer com a Caloi, volta e conta como é essa viagem com garfo rígido. Eu me mudei recentemente para Manhuaçu na Zona da Mata Mineira, uma região muito bonita, próximo ao pico da Bandeira. Em breve farei umas incursões por aqui. 
Valeu Hugo, Minas tem lugar bom demais pra pedalar, gosto muito de passear por ai, nessa sua região também tem muita opção mesmo, tem de aproveitarBig smile

Eu vou nesta trip com a Moab, até ontem estava terminando de revisar ela, a City Tour pra este tipo de pedal judiaria muito de mim pela rigidez e relação pesada pra encarar os morros do Caminho e da bike que pra conseguir ganhar tempo nas descidas teria de sentar a bota, vo com a MTB pra curtir mais o rolê, quando voltar farei um Tópico/relato nos moldes deste, abração bons pedais e fica de olho Wink



Não compre nada sem procedência, não alimente parasitas.
Voltar para o topo

 Responder Responder
  Compartilhar   


Ir para Permissões do Fórum Ver Drop Down

Forum Software by Web Wiz Forums® version 11.06
Copyright ©2001-2016 Web Wiz Ltd.