MENU

Família Machado faz balanço da temporada

Luana ainda não firmou os patrocínios para 2011

O ano de 2010 para Luana Machado foi fundamental para sua evolução no MTB nacional e internacional. Ela, que no final de 2009 havia vencido o MTB 12 HORAS na categoria Solo Feminino, ingressou este ano na categoria Elite Feminino e já começou com a vitória na 1ª etapa do GP Ravelli de Maratona em Itu.

Na Copa Internacional participou das duas primeiras etapas e em ambas chegou em 7º lugar. Um de seus resultados mais expressivos foi o 4º lugar no Short Track São Silvano, onde chegou somente depois dos 3 maiores ícones do MTB Feminino do Brasil (Érika Gramisceli, Roberta Stopa e Julyana Machado).

Luana também fez sua estréia no Campeonato Brasileiro de MTB Maratona e conseguiu a Medalha de Bronze numa prova que exigiu muita força e resistência devido à distância do trajeto e ao forte calor.

imagem

Competições Internaconais

Pelo quarto ano consecutivo, Luana participou do Campeonato Pan-Americano, que neste ano foi realizado na Guatemala, quando competiu na Sub 23 Feminino. Conseguiu a 12ª colocação, sendo a melhor brasileira na categoria.

Luana foi ao Canadá e competiu na Ride Velo Mag, disputada em 3 etapas, sendo a 1ª: um contar-relógio de 8 quilômetros de subida, a 2ª: 77 km em trilhas e estradas de terra e a 3ª: 57 km no mesmo tipo de terreno. Nas três etapas ela chegou em 2º lugar, sagrando-se vice-campeã.

Seu pai


Ricardo Machado, Master 45 a 49 anos, em 2010, já começou com uma medalha internacional. Foi no Pan-Americano da Guatemala, quando conquistou o Bronze.

Na Copa Internacional também subiu no pódio nas três etapas. Em Araxá chegou em 2º lugar, em São Lourenço 4º lugar e em Congonhas 3º. Na classificação final ficou com o 3º lugar.

Ricardo, que já havia participado dos Campeonatos Mundiais na Alemanha, Suíça, França e Canadá, teve o privilégio de participar no Campeonato Mundial em Balneário Camboriú, pela primeira vez no Brasil. Chegou em 12º lugar sendo o 3º melhor brasileiro na categoria em que o campeão foi a lenda Tinker Juarez.

Também competiu na Copa Internacional do Paraná sagrando-se Vice-campeão.

No Campeonato Brasileiro de MTB Maratona em Caconde conquistou mais uma medalha, desta vez de Bronze.

Situação crítica

Com tantas vitórias, o mais incrível é que Luana Machado ainda não conseguiu patrocínio para temporada 2011. Atleta já mantém seus treinos, antecipadamente, sem saber como ficará sua carreira.

É um fato lamentável, que não tem palavras. Vamos torcer para que alguma empresa do setor ou loja, tente apoiá-la para que seu sonho continue. Um talento deste não pode ficar sem pedalar.

Fotos (1)

foto 0 - Ricardo Machado Mais Fotos


Relacionados

Comentários



Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.