MENU

Dia Mundial da Fotografia e Dia Nacional do Ciclista - O que os dois têm em comum

Cesar Delong fala da importância da fotografia profissional para o mercado da bike

Dia 19 de agosto é marcado no calendário como o Dia Mundial da Fotografia e Dia Nacional do Ciclista, dois assuntos que podem ser totalmente interligados, não é mesmo ? Então decidi falar um pouco sobre a a nada fácil realidade dos fotógrafos de bike no Brasil.

Pois bem, é de vital relevância comentar sobre a importância de um para o outro em nosso meio. Todo fotógrafo que já teve uma foto publicada aqui no Pedal, ou em outro portal de notícias de bike, com certeza tem o esporte correndo em suas veias.

A grande maioria dos profissionais envolvidos em uma competição de ciclismo tem ou já teve ligação com o esporte. Temos vários organizadores de provas, proprietários de marcas de bicicleta, presidentes de associações ciclísticas que já foram atletas profissionais e é um costume do pessoal da comunicação também curtir dar um pedal ou assistir a uma copa do mundo de bike no tempo livre. Quem não teve uma magrela quando criança hoje flerta com as duas rodas de uma maneira ou outra, estar nesse âmbito profissional requer um conhecimento avançado não só das técnicas de fotografia, vídeo e escrita, mas como do próprio mercado esportivo e da sua prática.

Seja em eventos, treinos, sessões de fotos para redes sociais ou catálogos, os fotógrafos têm sua importância e deve ser evidenciada. Uma grande empresa nacional não pode ficar com fotos de baixa qualidade em suas redes sociais, nem um vídeo mal editado em seu Youtube. Redes sociais e sites, são a porta de entrada para divulgação e a imagem da marca e precisam ser a melhor possível. E para isso [e preciso ter investimento para marketing é bem feito, sabendo que haverá o retorno a médio e longo prazo, e o retorno é gigantesco.

Viajar pelo Brasil para captar as melhores cenas é o que mais fazemos, não há descanso muito longo (além de quando rola uma pandemia), não deve haver preguiça e se não estiver 100% disposto, não vai rolar. Provas de Mountain Bike começam muito cedo, duram horas, é intenso e você nunca mais terá finais de semana em família. Dormir em rodoviárias, aeroportos, de favor na casa de um conhecido de um conhecido é completamente normal, ah... onde, como e que horas irá almoçar também sempre é uma dúvida, às vezes, sei lá, não tem. Todo fotógrafo que queira viver disso deve estar disposto a uma vida mais largada de padrões e rotinas, sem vergonhas e nojos, precisa estar atento a todo momento e disponível para uma mensagem meia noite pedindo fotos para uma publicação de última hora. Mensagens como ‘’perdi as fotos, pode enviar elas novamente?’’ são comuns.

Não é a profissão mais valorizada e nem sonho que será perfeito tão em breve, é um trabalho que tem que ser feito aos poucos, a conscientização é lenta, mas vai acontecer, precisamos nos unir. Valorize seu fotógrafo, ele é responsável por mostrar seu evento para o mundo!

Fique com algumas das fotos do Cesar Delong que mais demonstram isso:



















Cesar Delong - Fotógrafo - https://www.instagram.com/cesardelongphoto/


Comentários



Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.