MENU

Desafio Marajó Adventure Bike - Segunda edição

Cavalo X Bicicleta originou a competição

Competição no Pará originou através da corrida de resistência de cavalo, quando seis bravos ciclistas enfrentaram o desafio. Confira o histórico para entender a ideia da corrida de bike, que hoje é um dos maiores sucessos na região.

A competição acontecerá nos dias 18 e 19 de setembro, na cidade de Ponta de Pedras - Ilha do Marajó - PA.

:: Origem da prova

No norte do Brasil, estado do Pará, na ilha de Marajó, acontece uma das provas de resistência mais difíceis do País, a Corrida de Resistência do Cavalo Marajoara, Cel. Bertino Lobato de Miranda, que foi criada no ano de 1982, por iniciativa da ABCCRM (Associação Brasileira de Criadores de Cavalo da Raça Marajoara), com um percurso estimado em 180 km em 2 dias de prova, passando por três municípios da ilha, Cachoeira do Arari, salvaterra e Soure.

O objetivo da prova era divulgar o cavalo marajoara nacional e internacionalmente, apesar do pequeno porte o diferencial do cavalo marajoara é justamente a resistência física, pois a dificuldade da prova não está nos 180 km de percurso e sim no terreno por onde passa a competição.

No Marajó existem duas estações bem definidas, o inverno (período chuvoso) que vai de janeiro a Junho e o verão (período da seca), que vai de Julho a Dezembro, no período chuvoso os campos alagam chegando a mais de 4 metros de profundidade, em certos locais o Marajó chega a estar 2 metros a baixo do nível do mar, no período da seca quando a prova é realizada no mês de Outubro. O solo rachado e pisoteado pelos búfalos que habitam a região, a ausência de trilhas, o sol forte com temperatura na média de 40° dão a noção perfeita do que é esta competição.

:: Bicicletas X Cavalos = Resultado surpresa

No ano de 2008, seis bravos ciclistas resolveram desafiar os cavalos e as dificuldades do percurso, Nando Martins, Marcelo Rodrigues, Ediney Siqueira, Rosinaldo Leal (Timão), Ronivaldo Leal (Honório) e João Batista, largaram de Cachoeira do Arari uma hora antes dos cavalos às 06:00hs do Sábado.

No primeiro dia se cumpre a maior parte do percurso cerca de 120 Km, com pernoite na localidade de Mangueiras, onde ciclistas só conseguiram chegar as 07:00hs do Domingo e foram recebidos por uma verdadeira festa na comunidade, até aquele momento todos pensavam que os aventureiros tinham desistido frente as dificuldades encontradas no caminho até ali.

O percurso do Domingo já apresentava um terreno com menor dificuldade, onde a média de velocidade das bicicletas já superava os 30 Km/h. Às 11:00hs nossos heróis eram recebidos com surpresa pela imprensa na fazenda Bom Jesus, com uma hora de vantagem sobre os cavalos. Ali na fazenda Bom Jesus os ciclistas fizeram uma parada para esperar os primeiros cavalos que chegarão por volta das 12:00hs.

No Posto de Fomento em Soure, local da chegada da prova, cerca de 10 mil pessoas presenciaram a história se fazendo acontecer naquele dia 26 de Outubro de 2008, o dia em que os seis primeiros homens da história provarão ser possível fazer de bicicleta aquele percurso, que até então se pensava só o cavalo marajoara ser capaz de fazer.


Comentários