MENU

Desafio de ciclismo Pajuçara FM - Confirmada participações internacionais

A mais tradicional competição do estado de Alagoas

No dia 06 de dezembro de 2009 acontecerá a 6ª Edição do Desafio de Ciclismo Pajuçara FM Arapiraca, uma prova de longa distância que atravessará o agreste e o sertão de Alagoas. Com um percurso de 160 km, para a competição principal, o trajeto envolverá as cidades de Arapiraca, Craíbas, Major Isidoro, Batalha e Jaramataia. A prova é considerada a mais longa e dura competição de ciclismo do Nordeste.

A principal característica da prova é sua variedade de terreno. Os ciclistas irão passar por estradas asfaltadas, em paralelepípedos e também em terra batida. Além disso, irão percorrer uma grande distancia sob um sol escaldante, pois a largada se dará ao meio dia. E como se não bastasse, o vento será frontal na ultima metade da prova, no percurso entre as cidades de Batalha e Arapiraca.

A data da prova foi mudada, de setembro para dezembro, para fugir do calendário oficial de ciclismo dos hemisférios norte e sul, facilitando tanto a participação dos melhores ciclistas nacionais quanto dos internacionais. Este ano, a prova contara com a participação de pelo menos três atletas internacionais, são eles: Mário Roma de Lisboa, Portugal, Sidoti Gasparini, de Como, na Itália e do Atleta de Aracaju Gideoni Monteiro, que atualmente mora na Itália e corre pela equipe Marchiol Liquigás. Alem disso, espera-se a participação de pelo menos 100 ciclistas de todo o Brasil, sem falar da presença de José Alberto Nunes, de Santa Cruz do Capibaribe - Pe, detentor do título de 2008.

Segundo Egberto Pedro da Silva, idealizador do evento, “a prova é uma adaptação da competição centenária francesa ‘Paris-Roubaix’. Neste evento, conhecido também pelo nome de Inferno do Norte, os atletas percorrem 260 km, passando por estradas asfaltadas e também 60 trechos em paralelepípedos. Na versão tupiniquim, os atletas também correm em estradas de terra batida, o que dificulta ainda mais a competição, sem falar do sol escaldante do nordeste, bem diferente do clima encontrado na primavera européia, quando a “Paris-Roubaix” acontece”. “Enquanto na Europa os atletas correm em levíssimas bicicletas de estrada, aqui, devido a grande variedade de terreno, os atletas podem correr com qualquer tipo de bicicleta”, disse Egberto.

Para os ciclistas estreantes, haverá uma competição de 10 km em cada cidade por onde a grande competição passa. Estas corridas acontecerão simultaneamente, no dia 6 de dezembro, as 8:00 horas da manhã, nas cidades de Arapiraca, Craíbas, Major Isidoro, Batalha e Jaramataia. Cada cidade poderá inscrever gratuitamente até 50 atletas estreantes, que receberão cada um dos 250 ciclistas, uma camisa de competição e uma medalha de participação, além de premiação em dinheiro para os três primeiros colocados de cada cidade.

A Associação Arapiraquense de Ciclismo, promotora do evento, vai distribuir R$ 10.000,00 em prêmios para as duas competições. O evento deste ano tem a parceria do Governo do Estado e do Sistema Pajuçara de Rádio e Televisão e o apoio de todas as cinco prefeituras que fazem parte do percurso.


Relacionados

Comentários



Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.