home

Copa Internacional de MTB 2016 #1 - Araxá - Atletas Shimano Sports Team ficam no top 5


4 MAR, 2016     Gustavo Figueiredo    



O ano é de Jogos Olímpicos e a cidade de Araxá, em Minas Gerais, vivência neste fim de semana o clima de uma prova de alto nível do mountain bike internacional. Na tarde desta sexta-feira (4), foi realizado a primeiro das três provas que abrem a Copa Internacional de MTB de 2016. Enquanto Raiza Goulão e Isabella Lacerda foram os destaques femininos do Shimano Sports Team, com a quarta e quinta colocações, respectivamente, entre os homens os atletas Frederico Mariano, em terceiro lugar, e Luiz Cocuzzi, em sexto, conquistaram as melhores colocações entre os representantes da marca japonesa. Ricardo Pscheidt, Sherman Trezza e Guilherme Muller, classificados entre oitavo e décimo, também estiveram presentes no top 10 da competição de contrarrelógio (XCT).

imagem
Frederico Mariano. Foto: Thiago Lemos


Entre as mulheres, a vencedora foi a polonesa Maja Wloszczowska, medalha de prata da Olimpíadas de Londres 2012, com o tempo de 20min01seg361. Daniela Campuzano, do México, Agustina Apaza, da Argentina, Raiza Goulão (Specialized Racing BR) e Isabella Lacerda (LM/Sense), completaram as cinco primeiras colocações. "Essa primeira disputa foi boa para mim. Contei com muita sorte porque larguei antes do início da chuva. Por ser uma prova individual, larguei concentrada apenas em fazer meu melhor, sem me preocupar ou pensar nas adversárias. Consegui manter um ritmo forte na primeira metade, o que me agradou. Me surpreendi com o resultado da Agustina Apaza, que esteve oito segundos na minha frente. Agora é descansar, porque sábado tem mais", avaliou a goiana Raiza, que fez o tempo de 20min51seg747.

imagem
Isabella Lacerda. Foto: Thiago Lemos


Já na super elite masculina o domínio foi do Brasil, com sete brasileiros entre os dez primeiros colocados. Apenas o vencedor Henrique Avancini (17min37seg368) e o eslovaco Michal Lami (17min53seg401) estiveram abaixo da casa dos 18 minutos. Melhor entre os atletas do Shimano Sports Team, Frederico Mariano (Caloi Elite Team) ficou em terceiro lugar ao finalizar o contrarrelógio em 18min01seg314. Luiz Cocuuzzi (Lar/Shimano/Scott), vencedor do XCT em 2015, completou o circuito em 18min08seg013, na sexta colocação.

Mesmo sofrendo uma queda durante sua volta, o mineiro Frederico Mariano mostrou-se satisfeito com seu resultado. "Nas últimas semanas competi em duas provas e me senti bem. Meu psicológico está muito bom para a disputa aqui em Araxá. O tempo mudou durante o dia. Após amanhecer aberto, choveu durante a competição. Fiz a largada quando caía muita chuva, levei um tombo simples, que me tirou algum tempo, mas consegui ir bem", relatou Fred Mariano. "Meu equipamento me ajudou demais e espero ter um bom resultado nos próximos dois dias", completou o mineiro de Uberaba.

Mais tempos e resultados - Presentes no top 10 da primeira disputa, Ricardo Pscheidt (Trek/Shimano), Sherman Trezza (Caloi Elite Team) e Guilhreme Muller (LM/Sense) também concluíram a prova na casa dos 18 minutos. Enquanto Pscheidt marcou 18min10seg779, Sherman encerrou sua volta com 18min21seg929, e Muller, em 18min32seg118. Ainda do Shimano Sports Team, Daniel Grossi (Groove/Shimano) terminou o contrarrelógio em 18min42seg996, na 13ª colocação, e José Gabriel Marques (Audax/Shimano) foi o 18º, com a marca de 18min47seg461. Entre as mulheres, Sofia Subtil (Audax/Shimano) concluiu na 13ª posição, com o tempo de 22min55seg364.

imagem
Raiza Goulão. Foto: Fabio Piva/ pivaphoto.com


Formato de disputa - Classificada como Hors Class (SHC), a etapa de Araxá da Copa Internacional de MTB tem a maior pontuação do mountain bike nacional, ao ofertar 160 pontos aos campeões. No primeiro estágio, o XCT, os ciclistas tiveram pela frente um circuito de 5,4 km, o mesmo que será utilizado no domingo (6) durante o cross country olímpico (XCO), a partir das 14h. Neste sábado (5), os atletas das super elites voltam a competir, a partir das 8h30, durante o short track (pista curta). Os vencedores da competição serão conhecidos após a somatória dos tempos das três provas.

Super elite masculina

1- Henrique Avancini (Brasil) - 17min37seg368
2- Michal Lami (Eslováquia) - 17min53seg401
3- Frederico Nascimento (Caloi Elite Team) - 18min01seg314
4- Catriel Andrés Soto (Argentina) - 18min03seg024
5- Rubens Valeriano (Brasil) - 18min05seg287
6- Luiz Cocuzzi (Lar/Shimano/Scott) - 18min08seg013
7- Lukas Kaufmann (Suiça) - 18min08seg930
8- Ricardo Pscheidt (Trek Brasil Racing) - 18min10seg779
9- Sherman Trezza (Caloi Elite Team) - 18min21seg929
10- Guilherme Muller (LM/Sense) - 18min32seg118

Super elite feminina

1 - Maja Wloszczowska (Polônia) - 20min01seg361
2 - Daniela Campuzano (México) - 20min13seg775
3 - Agustina Apaza (Argentina) - 20min40seg974
4 - Raiza Goulão (Specialized Racing BR) - 20min51seg747
5 - Isabella Lacerda (LM/Sense) - 21min07seg592
6 - Nathalie Schneitter (Suíça) - 21min12seg061
7 - Mary McConneloug (EUA) - 21min21seg399
8 - Jovana Crnogorac (Sérvia) - 21min26seg370
9 - Erika Gramiscelli (Brasil) - 22min41seg949
10 - Evelyn Muñoz (Chile) - 22min42seg739


Fotos (1)

foto 0 -  Mais Fotos

Comentários



Relacionados