home

Copa Internacional de MTB 2014 #1 - Avancini e Isabella vencem abertura


21 MAR, 2014     Péricles    



Campeões da Copa Internacional Levorin de MTB em 2013, Henrique Avancini e Isabella Lacerda venceram na tarde desta sexta-feira (21) o Contrarrelógio, primeiro de três estágios da abertura do principal circuito de MTB de América Latina. Além de somarem 15 pontos na CIMTB Levorin, ambos ciclistas abriram boa vantagem em relação ao segundos colocados no XCS, o Cross Country por Estágios. Avancini completou a volta (5,8 km) em 16min44s318, 29 segundos à frente do segundo colocado, Rubinho Valeriano. Isabella conseguiu uma diferença ainda maior em relação a Raiza Goulão, 48 segundos, ao completar a prova em 20min26s450 contra 21min14s638 da vice-líder.

“Representa muito para mim essa diferença de 29 segundos obtida hoje (sexta). O Contrarrelógio é uma oportunidade que você tem de consolidar uma diferença, porque apesar de ser apenas uma volta, ou seja, um tempo de duração curto, por ser individual seus concorrentes diretos não tem uma referência da sua pilotagem e seu ritmo”, avaliou Avancini. “É possível você tirar uma diferença dos rivais que você não conseguiria em Cross Country. Abre uma possibilidade de andar mais estrategicamente sábado e domingo. Posso me conservar, porque meu objetivo não é apenas a vitória, mas também me preparar para o Campeonato Pan-Americano de Barbacena, na próxima semana”, completou.

Rubinho Valeriano terminou em segundo com 17min13s506 e Frederico Mariano foi o terceiro, com 17min21s611. Completaram o pódio Mario Antonio Oliveira, Ricardo Pscheidt, Lukas Haufmann, José Gabriel de Almeida, Edivando Cruz, Nícolas Sessler e Leandro Donizete dos Santos.

Elite Feminina

A campeã Isabella Lacerda também confirmou que entrou forte logo na abertura. “Estou muito feliz com o resultado. Esta é minha terceira prova seguida neste mês, e fiquei surpresa porque não imaginaria terminar vitoriosa. Quando você é a primeira a largar, você fica sem referência de como estão as outras meninas. Vim para cá muito focada, mesmo tendo um imprevisto no Chile, nos Jogos Sul-Americanos, que me deixou chateada mas ao mesmo tempo motivada, para descontar o tempo perdido nessa última competição”, revelou Isabella, que sofreu uma queda e teve um pneu furado em Santiago (CHI). “Larguei concentrada principalmente para conquistar essa primeira prova. Ainda há chão e muitos quilômetros pela frente, então nada está definido. A CIMTB Levorin em si é muito importante, mas a etapa de Araxá mais ainda porque ela é diferente. Aqui não tem como descrever o quão especial ela é. Estou confiante em dar o meu melhor os três dias,” completou Isabella.

A equatoriana Alexandra Serrano foi a terceira, com 17min21s611. As outras sete ciclistas que completaram o pódio foram: Roberta Stopa, Erika Gramiscelli, Letícia Jaqueline Cândido, Liege Silva, Mariana Carcute, Diana Aladaz e Sofia Isabel.

O organizador do evento, Rogério Bernardes, ficou satisfeito com a primeira prova da CIMTB Levorin. “O Contrarrelógio foi muito emocionante. Superou as expectativas e foi interessante ver os atletas alternando de posições a cada passagem. Avalio como positiva a prova, porque os ciclistas gostaram da disputa. O público sentiu que o evento é diferenciado quando realizamos esse formato e, com certeza, o sábado será melhor ainda”, comemorou Rogério Bernardes.

No início da noite de hoje (sexta), o governador de Minas, Antonio Anastasia, e o prefeito de Araxá Jeová Moreira da Costa, fizeram a abertura simbólica do evento, além de homenagearem os quatro ciclistas que representaram o Brasil no MTB nos Jogos Sul-Americanos, no Chile: Henrique Avancini, Rubens Valeriano, Raiza Goulão e Isabella Lacerda.

Os ciclistas da Super Elite e Elite Feminina voltam à pista no sábado logo no início da manhã, para a segunda etapa do XCS (Cross Country Por Estágios), o Short Track (pista curta). Às 8h30 os homens se dividem em duas baterias eliminatórias, enquanto as mulheres disputam a final diretamente, a partir das 9h30. A prova será na pista de Cross Country, com a extensão de 1,5 km por volta.

“O Short Track terá largada no mesmo lugar do Contrarrelógio e Cross Country, mas o percurso não passará pelo bosque após a segunda curva, onde há um single track. Eles seguirão direto pela estrada e fazem a Descida da Dona Beja, e depois encerram o trajeto normal até a chegada. Serão 15 minutos mais duas voltas nas eliminatórias dos homens e 25 minutos e duas voltas nas duas finais, masculino e feminino”, informou Rogério.

Passeio Ciclístico Sense Bike – A Sense Bike marca presença mais uma vez na Copa Internacional Levorin de MTB ao proporcionar o Passeio Ciclístico, gratuito, a partir das 14 horas, em Araxá. O ponto de partida será o Estádio Municipal, no centro da cidade e o percurso será em direção ao Tauá Grande Hotel, no Barreiro. A população da cidade terá a chance de conhecer as vantagens de andar de bike para a mobilidade urbana em um trajeto de aproximadamente 10 km. Adultos e crianças estão convidados a conhecer os benefícios da Sense.

Pearl Izumi Night Run – A corrida noturna Pearl Izumi Night Run encerra a programação deste sábado na CIMTB Levorin, às 19h. Cerca de 250 corredores percorrerão a pista do Cross Country com 5,8 km de extensão. Realizada pela primeira vez em 2013, a competição será disputada nas cidades em que a competição tem a presença do MTB XCO (Cross Country Olímpico). Além de Araxá, São João del-Rei(MG) e São Roque (SP) receberão a prova noturna.

Resultados do Contrarrelógio

Masculino

1 Henrique Avancini (Caloi) – 16min44s318
2 Rubens Valeriano (Merida) – 17min13s506
3 Frederico Mariano (Caloi) – 17min21s611
4 Mario Antonio Oliveira (Ice) – 17min23s3403
5 Ricardo Pscheidt (Trek/Shimano) – 17min28s518
6 Lukas Kaufamann (Focus/OCE) – 17min33s154
7 José Gabriel de Almeida – 17min39s531
8 Edivando de Souza Cruz (Astro) – 17min50s129
9 Nicolas Sessler – 17min51s208
10 Leandro Donizeti dos Santos (Trek) – 17min59s886

Feminino

1 Isabella Lacerda (LM/Shimano) – 20min26s450
2 Raiza Goulão (Soul Cycles) – 21min14s638
3 Alexandra Serrano (Equador) – 21min20s290
4 Roberta Stopa (DaMatta ) – 22min08s855
5 Erika Gramiscelli (InterTrilhas) – 22min17s720
6 Letícia Cândido (Focus/OCE) – 23min34s366
7 Liege Walter (Alto Rendimento) – 23min35s521
8 Mariana Carcute (BMC) – 23min37s207
9 Diana Aldaz (Equador) – 23min46s188
10 Sofia Subtil (BMC) – 23min52s702


Comentários



Relacionados