home

Copa Internacional de MTB #1 - Super Elite

Fotos e resultados das categorias - Júnior / Sub 23 / Sub 30


25 ABR, 2011     Guiné    



Sediando seletivas olímpicas e pan-americanas anos atrás, a cidade de Araxá voltou a ser o centro das atenções do mountain bike sul-americano e nacional com grandes disputas. Quem esteve nesta primeira etapa da Copa Internacional Banco do Brasil, ficou com saudades. Principalmente aqueles atletas que poderiam mostrar muito mais do que são capazes.

Para o nosso MTB, alguns resultados não foram bons, já que por estar em jogo pontos valiosos rumo as Olimpíadas de Londres 2012, os estrangeiros presentes defenderam muito bem suas bandeiras com uma disputa acirrada.

Disputa das Elites: Feminino e Masculino

Os melhores pilotos do Brasil alinhados, com argentinos e chilenos. A briga estava ascendendo, quando o tradicional sinal de largada foi dado.

imagem

Edivando de Souza Cruz disparou na frente, com Rubens Donizete em sua roda. Atrás, uma imensidão de atletas com sede de ultrapassagens e melhores colocações naquele instante. Era o start loop que estava começando.

E o maquinista do start loop foi Vando, que puxou a extensa fileira de atletas num ritmo impressionante, chegando a marcar nesta volta rápida, 02:00m cravados. Algumas quedas e pneus furados foram registrados. Um pouco depois, as mulheres da Elite largavam e já entrevam no circuito, já que não teve start loop. Com uma largada borbulhante ainda no início, Julyana Machado assumia a ponta e se mantinha alí por um bom trecho do circuito.

imagem

Ao longo do percurso, ultrapassagens e bate guidões já mostravam o que teríamos pela frente. Era busca pelo banquete de pontos que Araxá servia: Ranking Internacional (Elite Masculino e Elite Feminino), Ranking Brasileiro (todas as categorias exceto Sub13) e Campeonato Mineiro / Ranking Mineiro. Pois é, todas as etapas da CIMTB de 2011 contam pontos nestes rankings, comprovando mais uma vez o prestígio e grandeza do evento.

Nas mediações da subida do ponto de apoio, um pelotão pressionou Vando e o ultrapassou. Thiago Aroeira, Ricardo Pscheidt, Rubens Donizette, Henrique Avancini e os estrangeiros, Gonzalo Arazena (CHI) e Luciano Caraciolli (ARG) formavam o primeiro pelotão da prova; com Frederico Mariano e Vando juntos. O sonho dos três países em representar sua nação em mais uma Olimpíada estava valendo a partir daquela hora.

imagem

Aroeira atacou no trecho de single track que antecedia o "Descidão Dona Beja". E quando surgiu no topo, a galera foi ao delírio. O juizforense era o primeiro atleta (veja o vídeo) a batizar – oficialmente – o temido trecho técnico. Uma iluminação artificial surgiu com dezenas de flashs. Zerando perfeitamente os quatro obstáculos, Aroeira manteve uma cadência mais consistente rumo a sua primeira volta, com 00:19:34.40. Depois de 16 segundos, apareceram Rubinho, Avancini e Pscheidt para concluírem a volta. O catarinense atacou logo após o registro da volta.

Pela disputa do feminino, Noélia Rodrigues (ARG) foi a primeira atleta a fechar a primeira volta. Érika Gramiscelli veio logo após, a mesma diferença de tempo da disputa do masculino: 16 segundos. Com muito sofrimento devido uma lesão no joelho esquerdo, Roberta Stopa concluía a volta na terceira colocação. Restavam mais três para elas.

imagem

O racha da competição masculina ficou entre Aroeira, Avancini e Rubinho. O trio registrou a segunda volta nesta ordem, porém superior a primeira no tempo, com Avancini atingindo a marca de 00:18:33.68min. Era apenas um aquecimento que do que vinha pela frente. Pressionada por Érika, que conseguia baixar a diferença para dez segundos, Noélia registrava sua volta em 00:23:38.43. Roberta Stopa era ultrapassada por Elisa Garcia (CHI). O quarteto seguia livre para terceira volta, sem receber pressão.

Com trânsito na pista, alguns atletas eram prejudicados e outros favorecidos. Nesta incerteza, a argentina abria uma vantagem considerável em cima da brasileira ao concluir a penúltima volta: 50 segundos. Um pouco atrás, a brasileira Julyana Machado e a chilena Florência Espineira faziam um racha particular. Para algumas atletas, o ritmo de prova começava a pesar com o calor escaldante.

imagem

Pelos homens, Avancini ataca no meio do percurso e dispara na frente, conseguindo colocar 23 segundos de vantagem em Aroeira e Rubinho. E de quebra, faz a melhor volta de toda prova: 00:18:33.21. O troca-troca de posições começa. Edivando, que teve problemas mecânicos e parou no ponto de apoio, voltou em seguida e recuperou posições, assumindo a quarta colocação naquela altura da prova. Pscheidt era o quinto. Frederico caía de produção por problemas mecânicos e passava a pedalar com poucas marchas. Os estrangeiros começavam a gostar da prova e ganhavam melhores posições. O giro estava rápido para todos da elite masculina.

Com 26 km de prova e um tempo de 01:33:26s, Noélia Rodrigues cruzava a linha de chegada. Érika Gramiscelli chega na segunda colocação. A chilena Elisa Garcia completou na frente de Roberta Stopa, que ficou com a quarta colocação.

Noélia comentou sua vitória:

“Esta vitória é muito importante para mim e o meu país, que disputa a vaga do ranking das nações. Eu sabia que não seria fácil. As brasileiras estão num ritmo muito bom e enfrentá-las nesta pista foi mais difícil ainda. Estava muito técnica. Voltar a competir no Brasil é sempre bom, principalmente vencer esta prova e sair na frente pela disputa do título.”

imagem

Lá na frente, a briga pelo primeiro lugar no masculino continuava, com Avancini disparado e a dupla da Merida numa perseguição implacável. Mas já no final da volta, o ritmo de Avancini caiu (segundo ele após a prova) e o trio voltou a ser o centro das atenções. E já na abertura da quarta volta, Aroeira e Rubinho disparam. Os estrangeiros encostam nos brasileiros e começam os rachas.

imagem

Entre a penúltima e última volta, Thiago Aroeira cadenciava mais consistente e demonstrava uma superioridade aos demais ao registrar volta na casa dos 18 minutos. Naquele momento, apenas um problema mecânico tiraria a sua vitória. Seu parceiro permanecia na segunda colocação, sem ser ameaçado por Avancini, que já perdia duas colocações: o argentino Caraciolli e Pscheidt.

Com um tempo de 01:54:57, o mineiro Thiago Aroeira concluía as 6 voltas do circuito e carimbava mais uma bela vitória na sua carreira. Rubens Donizete garantiu a segunda colocação e Luciano Caraciolli em terceiro.

Em uma das maiores disputas já realizadas em solos brasileiros, Edivando comentou a prova:
“Eu estava me sentindo bem na prova, mas tive problemas na bike. Fiz uma prova muito boa, pude avaliar também que foi a mais disputada dos últimos anos. Ficamos com o tempo bem próximo e o nível está bem alto. O início de temporada este bem alto e cheio de favoritos.”

Resultados

Elite Feminino

1 - Noélia Rodrigues (ARG) 01:33:26
2 - Érika Gramiscelli (BRA) 01:35:11
3 - Elisa Garcia (CHI) 01:37:18
4 - Roberta Stopa (BRA) 01:41:15
5 - Florência Espineira (CHI) 01:41:42
6 - Julyana Machado (BRA) 01:42:09
7 - Adriana Nascimento (BRA) 01:43:37
8 - Raíza Goulão (BRA) 01:45:21
9 - Luana Machado (BRA) 01:46:21
10 - Aline Lombello (BRA) 01:48:47

Elite Masculino

1 – Thiago Aroeira (BRA) 1:54:57
2 – Rubens Donizete (BRA) 1:55:36
3 – Luciano Caraciolli (ARG) 1:56:06
4 – Ricardo Pscheidt (BRA) 1:56:25
5 – Henrique Avancini (BRA) 1:56:30
6 – Edivando de Souza Cruz (BRA) 1:56:55
7 – Dario Gasco (ARG) 1:57:14
8 – Daniel Carneiro (BRA) 1:58:10
9 – Frederico Mariano (BRA) 2:00:54
10 – Josemberg Nunes Montoya (BRA) 2:01:17

Categoria Sub 23

1 - Henrique Avancini
2 - Frederico Mariano
3 - Sherman Trezza de Paiva
4 - Douglas Neto
5 - Wallison Barbosa
6 - Ricardo Hazbun
7 - Luis Visentainer
8 - Rodrigo Rosa
9 - João Paulo da Silva
10 - Bruno Aguiar Silva

Categoria Sub 30

1 - Ricardo Xavier
2 - Caio Melo
3 - Moisés Branco
4 - George Feliciano
5 - Welington Gonçalves
6 - Wesley Martins
7 - Jean Carlo
8 - Thiago Carvalho
9 - Alipio Moreira Neto
10 - Diogo Dias Leite

Categoria Junior

1 - William Alexi
2 - Nícolas Sessler
3 - Guilherem Muller
4 - Jeferson Rodrigues
5 - Michael Pereira
6 - Geraldo Augusto
7 - Leonardo Brum Carneiro Zóia
8 - João Pedro Van Der Maas
9 - Victor Oliveira Tabosa
10 - Willian Renatto


Fotos (70)

foto 0 - Thiago Aroeira foto 1 - Rubens Donizete e Henrique Avancini foto 2 - Ricardo Pscheidt Mais Fotos

Comentários



Relacionados