home

Contador diz que toma champagne com seus amigos, não com Oleg


10 JAN, 2017     Gustavo Figuereido    



Em outubro deste ano, o magnata russo Oleg Tinkov deu uma entrevista bastante polêmica. Na ocasião, o banqueiro não economizou na hora de falar mal de Alberto Contador.

imagem

Dentre acusações de corpo mole, idade avançada e falta de noção da realidade, Oleg teria afirmado que Contador não seria convidado para a festa de fim de ano da equipe por ser uma pessoa depressiva e que "nunca queria tomar um champagne". De lá para cá, o Pistoleiro confirmou sua transferência para a Trek-Segafredo, enquanto a Tinkoff, equipe de Oleg, deixou de existir.

Diferente do que acontece na estrada, a resposta de Contador demorou a acontecer. Porém, assim como nas montanhas das grandes voltas quando é atacado por seus adversários, o Pistoleiro respondeu com a costumeira agressividade. "Tomo champagne com meus amigos, não com ele", disse em entrevista para a rádio Cadena Ser.

Fim da equipe foi culpa de Oleg

Segundo Contador, o fim da Tinkoff desenhou-se quando Oleg demitiu o manager Bjarne Riis para assumir o comando total em 2015, ocasião onde as brigas entre os dois começaram. "O maior problema foi quando eu renovei meu contrato e ele demitiu o Bjarne Riis logo em seguida, o cara que fundou a equipe e o motivo de eu ter entrado nela", explicou o ciclista.

Eu sabia que com a saída de Bjarne, tudo iria mudar e foi isso que aconteceu. Não tinha líder, ninguém para gerenciar um grupo de 70 pessoas.


"Eu sabia que com a saída de Bjarne, tudo iria mudar e foi isso que aconteceu. Não tinha líder, ninguém para gerenciar um grupo de 70 pessoas. Você pode ter muito dinheiro, mas é preciso ter uma certa habilidade para gerenciar", continuou.

"Foi uma parte da minha carreira que felizmente acabou. Agora tenho novos desafios e não vou gastar minha energia respondendo para ele. Não nos vimos nunca mais e ele não é uma pessoa que me inspira nenhum sentimento. Ele é alguém com muito dinheiro que conseguiu comprar uma equipe mais não soube lidar com ela", disse o Pistoleiro.

Ele é alguém com muito dinheiro que conseguiu comprar uma equipe mais não soube lidar com ela


Alberto ainda disse não ter respondido na época porque não queria iniciar uma guerra de palavras com Oleg. "Esse tipo de coisa só incomoda quando vem de alguém que você gosta ou tem sentimentos. Então, no meu caso, isso não me afetou em nada.

"No fim, eu aprendi valores, um deles sendo o respeito, que é algo que sempre devemos para as outras pessoas. Algumas pessoas não acreditam nisso, mas eu sim", finalizou.


Comentários



Relacionados