home

Conheça mais detalhes das bikes da Sense Factory Racing

Peças, configurações e principais modificações das bicicletas utilizadas pela equipe oficial da Sense Bike


6 MAR, 2019          4    



Para o atleta do ciclismo, uma bicicleta é mais do que uma ferramenta de trabalho. Isso porque, seja em treinos ou competições, ele precisa confiar 100% em seu equipamento para conseguir um bom desempenho - e isso costuma envolver uma boa dose de customizações. Por isso, confira abaixo os detalhes que fazem das bikes da Sense as melhores amigas dos atletas da Sense Factory Racing.

Foto 71155
Equipe de MTB Sense Factory Racing 2019   Pedro Cury
Foto 71157
Equipe de triatletas Sense Factory Racing 2019   Pedro Cury

Quadros

Jaque Mourão, Giugiu Morgen, Rubinho Valeriano e Mario Couto, os quatro nomes da Sense para competições de mountain bike XC, apostam nos quadros mais avançados da marca para a modalidade, a hardtail Impact Carbon e a full-suspension Invictus, ambas com componentes customizados. Os mesmos modelos são utilizados por Dino e Rafael Juriti em corridas de aventura e provas de triathlon off-road.

Foto 71160
Invictus Sense Factory Racing   Pedro Cury
Foto 71171
Sense Vortex

Thiago Vinhal, Clara Carvalho e Diogo Sclebin, atletas de Triathlon, correm com a Vortex no caso do Triathlon Olímpico e com a Stream no caso do Ironman. Feitos em fibra de carbono em parceria com Swift Carbon, marca recentemente adquirida pela Sense, os quadros da equipe apostam em materiais de última geração e utilizam moldes exclusivos, desenvolvidos pelo fabricante Sul-Africano.

Pneus

Responsável pelo contato da bike com o terreno, os pneus são um dos componentes mais importantes para o desempenho de um ciclista. Afinal, além do baixo peso, os modelos escolhidos precisam ser resistentes contra furos, oferecer boa aderência e ótima rolagem.

Foto 71170
Schwalbe Thuder Burt Addix
Foto 71169
Rocket Ron ADDIX

“No geral utilizamos três pneus da linha da Schwalbe”, explicou Mario Couto. “O pneu que mais uso ao longo do ano é o Thunder Burt, que têm excelente rolagem e uma aderência muito boa. Ele se adapta em muitas condições e, quando novo, vai bem até em terrenos com bastante cascalho”, afirmou.

“Para lama, se ela não estiver grudando muito ou for mais batida, opto pelo Racing Ralph 2.1. Já se a lama está muito grudenta e as subidas são íngremes, acabo correndo com o Rocket Ron”, continuou.

Foto 71168
Racing Ralph e Racing Ray ADDIX
Foto 71167
Pro One

“Para a temporada 2019, vamos utilizar os novos pneus com composto Addix. Os modelos marcados com a faixa vermelha oferecem mais aderência, enquanto os com a faixa azul apresentam uma melhor rolagem. Estou ansioso para testar a novidade e passar minhas impressões para vocês”, finalizou o jovem atleta.

Além disso, em 2019, a equipe também utilizará os Racing Ralph e Racing Ray com desenhos exclusivos para a traseira e para a dianteira respectivamente - uma das últimas novidades da linha da Schwalbe. Já os atletas do Triathlon utilizam o Pro One, modelo que oferece excelente resistência contra furos e é considerado um dos pneus mais rápidos do mercado em testes independentes realizados pela mídia internacional especializada.

Cockpit

Ciclistas profissionais costumam ter preferências de mesa e guidão diferente da maioria dos amadores. Em busca da posição ideal para obter o melhor desempenho, os atletas de MTB da Sense Factory Racing utilizam componentes Pro da linha Tharsis, com o ciclista podendo optar por diferentes modelos.

Foto 71159
Guidão Pro Tharsis XC   Pedro Cury

“Sempre usei mesas muito curtas e retas. Tenho um tronco pequeno e acabo usando o banco todo para a frente. Este ano optamos por uma mesa da Pro super leve, a Tharsis Trail de 35mm. Com ela consegui mais controle da bike e um alinhamento melhor”, explicou Jaqueline Mourão.

Foto 71162
Mesa Tharsis Trail   Pedro Cury
Foto 71163
Mesa Tharsis XC   Pedro Cury

Além de variadas mesas, a equipe pode utilizar guidões como o Tharsis Pro XC Di2, que pesa apenas 160g. Construído com carbono unidirecional, ele é completamente compatível com as baterias e cabos dos sistemas eletrônicos de trocas de marcha Shimano Di2.

O canote Tharsis XC, que pesa apenas 199g, utiliza um sistema de carrinho especial que reúne baixo peso, precisão e facilidade no ajuste, além de também ser 100% compatível com os sistemas eletrônicos da gigante japonesa de componentes de bicicleta.

Suspensões

A partir de 2019, a Sense Factory Racing passa a utilizar suspensões dianteiras e traseiras da Fox. Com isso, todos os atletas agora correm e treinam com o garfo Fox 32 Step Cast Factory, modelo indicado para XC mais avançado da marca. Além disso, as bikes com suspensão integral Sense Invictus da equipe utilizam amortecedores Fox.

Foto 71158
Fox 32 Factory Step Cast   Pedro Cury

A novidade faz parte da nova parceria da equipe com a marca internacional de componentes e suspensões, que agora é responsável pela regulagem e manutenção dos amortecedores e garfos das bikes do time em provas dentro e fora do Brasil.

Transmissão e freios

As bicicletas utilizadas pelos atletas da Sense Factory Racing apostam em uma configuração de transmissão exclusiva, com o time de MTB utilizando componentes Shimano XTR M9100 de 12 velocidades e os de Triathlon o Shimano Dura Ace R9100, ambos pertencentes ao topo da gama da Shimano.

Foto 71165
Novo grupo XTR M9100

Atualmente, a linha XTR de 12 velocidades pode ser considerada uma das mais avançadas do mercado, com tecnologias exclusivas como o sistema de troca de marchas Hyperglide +, que permite mudanças em apenas ? do tempo mesmo sob pressão.

Os freios, também Shimano XTR, ficaram ainda mais leves e potentes nesta última versão, com os manetes recebendo um ponto extra de apoio para aumentar a rigidez e o conjunto trabalhando com temperaturas até 20% menores do que na versão anterior.

Foto 71164
Novas pinças XTR

Já os atletas de Triathlon utilizam bikes equipadas com grupos Dura-Ace R9100, com a Stream de Thiago Vinhal sendo equipada com a versão eletrônica com medidor de potência e a Vortex de Clara Carvalho e Diogo Sclebin com a versão mecânica.

Sistemas eletrônicos

A partir de 2019, os atletas da Sense Factory Racing passaram a utilizar os computadores de bordo com GPS da Lezyne, marca que fechou uma parceria de fornecimento de equipamentos com a equipe no fim de 2018. Além disso, todos passam a treinar e competir com os medidores de potência da PowerPod.

Foto 71161
Lezyne Mega   Pedro Cury

Para quem não conhece, o PowerPod é um equipamento de última geração, que utiliza acelerômetros e outros sensores que alimentam um algoritmo extremamente complexo, capaz de calcular com precisão a potência gerada pelos atletas.

Foto 71166
PowerPod

A Equipe Sense Factory Racing 2019 conta com patrocínios da Sense Bike, LM Bike, Sentec, ASW, Shimano, Fox Ride, Schwalbe, Pro, Lezyne, PowerPod, Fizik, Exceed e do site www.pedal.com.br.


Comentários

  • avatar

    Glaidson   

    Glaidson   

    Sense Bike, LM Bike, Sentec, ASW, Shimano, Fox Ride, Schwalbe, Pro, Lezyne, PowerPod, Fizik, Exceed e do site www.pedal.com.br PARABÉNS!!! Muito bom ver bradileiros apoiando os nossos talentos brasileiros!!!
    17 dias atrás - Denunciar


  • avatar

    Wesdrey   

    Wesdrey   

    Grupo muito top se eu competice escolheria a Sense conserteza bakis lindas
    17 dias atrás - Denunciar


  • avatar

    Adilson martins   

    Adilson martins   

    boa noite em vitoria ES tem fornecedor ?
    qual o valor?

    18 dias atrás - Denunciar


  • avatar

    Edson   

    Edson   

    Inclusive está bike tô doido para saber o preço espero para quem gosta de andar de bike ver esta oportunidade desta empresa para com nos seja sensível.
    18 dias atrás - Denunciar




  • Relacionados