home

Cidades da Europa vão apoiar os protestos em apoio às ciclovias de São Paulo

Inglaterra, Itália e Alemanha são cidades confirmadas


26 MAR, 2015     Guiné    



A coisa ficou séria. Para quem pensava que ciclovia era coisa de brincadeira, agora sente nas pernas - tremedeira - o poder dos ciclistas. E não é só Brasil. Já não bastavam as nossas cidades, três grandes do velho continente confirmaram apoio aos paulistanos: Inglaterra, Itália e Alemanha. Outras já enviarem sinais de que também vão aderir ao movimento.

Entendendo o caso (Resumo rápido)

No dia 18 de março, o Ministério Público Estadual (MPE-SP) entrou com uma ação civil pública com pedido de liminar, exigindo a paralisação imediata de todas as obras cicloviárias em andamento na cidade, com multa diária de R$ 100 mil em caso de descumprimento. A ação também pede que a prefeitura “recomponha a pavimentação” nas obras que ainda não estejam terminadas, como no caso da Av. Paulista, também com multa diária no mesmo valor e prazo de 30 dias para realização.

Resposta imediata dos ciclistas de São Paulo

Na última sexta-feira (20/3), aproximadamente 300 ciclistas saíram em grupo até a sede do Mnistério Público Estadual de São Paulo (MPE/SP) onde colocaram cartazes de repúdio a atitude do órgão.

As bicicletadas espalhadas pelo Brasil não vão apenas apoiar a retomada das obras em São Paulo, mas também pedir pela melhoria da infraestrutura cicloviária nas cidades onde serão realizadas.

Até sexta-feira (27/03), o site Pedal vai expor a lista de todas as cidades que vão aderir a causa com a famosa bicicletada (Massa Crítica), - mais do que especial - que ocorre toda última sexta-feira do mês nas grandes cidades do mundo.


Comentários



Relacionados