MENU

Cicloturista brasileiro é encontrado morto no México

Valdecir Vieira, conhecido como Valdo, foi encontrado morto em sua tenda

Como todos na vida tem o seu dia de partir, o cicloturista brasileiro Valdo deixou os pedais na terra e evoluiu de categoria, passou para a elite daqueles que eternizam seus nomes pedalando, sejam eles famosos ou apenas pessoas que pedalam por amor a bike e a sua própria vida!

imagem

Valdo foi encontrado morto em sua tenda no México entre os dias 22 e 24 de fevereiro em um local chamado Juarez nas proximidades da cidade Punta Prieta - Baja California - Mexico.

Seu corpo foi encontrado em sua tenda sem marcas de violência e com todos os seus pertences, o que indica uma morte natural. A sua família está informada e a embaixada brasileira está tomando as medidas necessárias para o translado do corpo para o Brasil.

Segundo depoimento de Rogério Serrano, na sexta-feira 19 de fevereiro, Valdo pedalou para o norte de Vizcaino, dormindo uma noite nesta cidade. No sábado pela manhã, 20 de fevereiro, ele pedalou aproximadamente 116km para o norte a Punta Prieta, onde dormiu até domingo. Na manhã do dia 21, continou pedalando 65km para o norte, chegando ao Restaurante Rancho Chapala, onde montou acampamento, dormiu e descançou para sempre.

:: Perfil

Confira sua auto-descrição no perfil do orkut:

"Meu sonho: Fazer a Volta ao Mundo de Bicicleta.

A minha casa é o mundo. De março de 2009 a maio de 2013 estou viajando pelo mundo de bicicleta.

Gosto muito de viajar. Antes de iniciar a volta ao mundo já conhecia 30 países. Falo Português, Italiano, Espanhol e Inglês. Leio francês e latim. Conheço a língua indígena Tukano e duas línguas africanas, de Moçambique, Chinhungue e Ronga.

Já fiz o Caminho da Fé a pé, 415 Km e mais uma caminhada de 400 Km de Goiânia a Uberlândia. Pedalei do Oiapqoue ao Chuí e por todo o Uruguai. De 27 de dezembro de 2004 a 25 de janeiro de 2005 pedalei pela Carretera Austral, no Chile, desde Puerto Montt até Chochrane junto com 5 amigos que conheci na Internet. Já fiz o Audax 200 km em Blumenau SC
e o Audax 300 km em Caxias do Sul RS.

Em janeiro de 2006 participei da Expedição Ushuaia - Bariloche de bicicleta. Em fevereiro e março, fiz uma peregrinação de 800 km a pé desde São Francisco do Sul até Aparecida do Norte em 25 dias de caminhada. Em maio e junho pedalei 2.106 km desde Campo Grande, Bonito, Ponta Porã, atravessei o Paraguai efui até Caacupe e saí por Ciudad del Este e pedalei até Curitiba.

Em dezembro de 2006 e janeiro de 2007 fiz o Pedal nas Nuvens, atravessando o Deserto de Siloli, na Bolívia acima de 4.500 metros de altitude.

Em novembro de 2007 fiz a primeira viagem de teste de 480 km com a Cruzbike em Santa Catarina. E janeiro e fevereiro de 2008 fiz 1.700 km na segunda viagem de teste da Cruzbike pedalando pelo RS, Uruguai e Argentina até Buenos Aires.

Em julho de 2008 fiz a terceira viagem de teste da Cruzbike. Foram 778 km. Serras gaúchas e catarinenses passando pelos Aparados da Serra e Rio do Rastro

O grande sonho, porém, é dar a Volta ao Mundo de Bicicleta em 3 anos, percorrendo os 5 continentes."

Valdo morreu realizando o maior sonho de sua vida! Esperamos que sua trajetória sirva de inspiração para muitos outros ciclistas.


:: Links

Diário de Bordo:

http://sites.google.com/site/diariodovaldo/
http://valdonabike.com


Relacionados

Comentários

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.