home

Ciclistas terão de emplacar as suas bicicletas em cidade do interior de SP


21 JAN, 2011     Guiné    



Os ciclistas de Pontal (351 km de São Paulo) deverão procurar a Divisão de Trânsito da prefeitura, a partir de 10 de fevereiro, para emplacar as suas bicicletas. O serviço havia sido anunciado desde julho de 2009.

"A cidade é plana, o que estimula o uso da bicicleta. Só queremos diminuir o risco no trânsito", disse o secretário do Trânsito, Nelson Maia.

Os ciclistas terão um custo de R$ 5 para emplacar os veículos e deverão apresentar documentos pessoais, comprovante de residência e nota fiscal da bicicleta. O emplacamento será realizado na delegacia da cidade.

A fiscalização será feita pela Polícia Militar, Guarda Civil Municipal e agentes de trânsito. Durante os nove primeiros meses, os usuários que cometerem infrações serão apenas advertidos.

Depois, o descumprimento das regras, como trafegar na contramão e sem a placa, será punido com apreensão da bicicleta e multa: o valor ainda não foi definido.

O projeto de Pontal foi inspirado no emplacamento de bicicletas em Morro Agudo (380 km de SP). O responsável pelo serviço, Cleber Roberto Alves, disse que ao menos 18.183 bicicletas foram cadastradas em Morro Agudo desde 2005.

imagem

Com o emplacamento, segundo Alves, a cidade diminuiu o número de acidentes, pois os ciclistas também são punidos quando estão na contramão --o valor da multa é de R$ 13,57.

"Além disso, de cada dez bicicletas roubadas, conseguimos recuperar sete."

Ontem, o funcionário público José Antônio da Silva, 56, foi emplacar sua bicicleta. "O projeto está dando certo por causa da preocupação e da atuação contra as infrações", afirmou.

No fórum do Pedal tem um tópico em relação a esta questão.

Texto: Luiza Pellicani


Comentários



Relacionados