home

Cebo no Pedal #5 - Preparação final para correr a CIMTB em São Paulo

Como foi minha preparação na semana que antecedeu a Copa Internacional de MTB


25 AGO, 2018     Gustavo Figuereido     2    



Há uma semana, entre os dias 13 e 17 de agosto, estive em Minas Gerais para o lançamento da linha Sense 2019. O evento aconteceu na Lapinha da Serra, em Santana do Riacho - um belo lugar encravado na Serra do Cipó, repleto de trilhas, cachoeiras e belezas naturais. Apesar de ter pedalado bastante, sai completamente da rotina proposta pelo Cadu, já que não fiz musculação, alongamentos ou treinos intervalados - por isso, a semana que começou no dia 19 está sendo fundamental em minha preparação.

Foto 69205
   Thiago Lemos

Com a largada marcada para acontecer no sábado às 15h30, tentei seguir a risca tudo o que foi proposto pelo Cadu. Contra mim joga uma estranha alergia à cidade de São Paulo que sempre me ataca quando volto de viagem, me deixando ao menos três dias completamente entupido - mas, que tipo de homem eu seria se perdesse uma disputa com meu próprio nariz?

Confira a seguir alguns detalhes de como foi minha preparação nesta última semana antes da prova e aproveita para entender mais ou menos como tem sido minha rotina de treino nas últimas semanas desde que iniciei o Cebo no Pedal.

Preparação Final



No geral, a maior diferença entre os treinos "normais" e o que antecedeu a da prova foi a retirada de uma seção de musculação - provavelmente existem mudanças mais detalhadas que eu não percebi, então prometo perguntar isso para o Cadu.

A bike escolhida

A bike escolhida para correr a CIMTB na categoria Master da Copa Sense é uma Impact Race, bike que conheci há alguns dias e que será alvo de um teste de longa duração do Pedal. Durante um mês, ela será usada e abusada nas trilhas em que eu costumo pedalar - depois, ela será desmontada totalmente e pesada.

Foto 69206
   Thiago Lemos

O modelo vem equipado com grupo SRAM GX Eagle 12 velocidades, suspensão Judy Gold e espaçamento boost. Mais do que isso, ela estreia uma nova geometria da Sense com caixa de direção de 68.5 graus - obviamente prometo aquela análise extra mega ultra duper detalhada.

Abraços!

Gustavo "Cebo" Figueiredo - Strava

Parcerias

Cadu Polazzo - Facebook
Care Clube - Site Oficial
Copa Internacional de MTB - Site Oficial
Seppia Geração de Conteúdo - Site Oficial
Copa Internacional de MTB - Site Oficial - Inscrições São Paulo
Sense Bike - Site Oficial
La Magrlia uniformes - Site Oficial

Dúvidas, observações ou sugestões? Deixe o Cebo no Pedal mais legal usando os comentários abaixo.


Comentários

  • avatar

    Cebo    São Paulo - SP

    Cebo    São Paulo - SP

    Arsen, próximo episódio promete! Então, eu uso o powermeter mas dá pra usar potência virtual para treinar sim, desde que você seja extremamente consistente na regulagem do seu rolo.

    Nessa matéria do Pedal tem umas dicas para conseguir manter a regulagem legal: https://www.pedal.com.br/zwift-como-jogar-gastando-menos_texto10970.html

    Na verdade o tempo de treino não muda no rolo ou na rua, já que o objetivo é sempre gerar um estímulo determinado pelo treinador. Os treinos intervalados são bem precisos - é sempre X minutos em X intensidade.

    23 dias atrás - Denunciar


  • avatar

    Arsen    São Paulo - SP

    Arsen    São Paulo - SP

    Tá chegando, tá chegando!!!
    Cara, vc usa power meter. Será que uma série de treinos assim pelo Zwift tem efeito se for feita com virtual power?
    E quanto aos tempos dos treinos, se for no rolo ou na pista, respeita-se exatamente o mesmo tempo? Já vi recomendação pra fazer menos tempo se for indoor.

    23 dias atrás - Denunciar




  • Relacionados