MENU

Brasileiro de MTB 2020 - XCO - Raiza Goulão é campeã

O segundo lugar ficou com Letícia Cândido, com o pódio sendo fechado por Hercilia Najara

A segunda edição do MTB Festival, realizado no Instituto Mairiporã-SP, recebeu neste sábado (31) a decisão do Campeonato Brasileiro de Mountain Bike XCO - Cross Country Olímpico, em que foi definido o terceiro e último título nacional da competição na elite. Entre os homens, o troféu de campeão ficou com o número 1 do mundo, Henrique Avancini (Cannondale Factory Racing). Na disputa feminina, Raiza Goulão (Corinthians Audax Bike Team) sagrou-se a campeã de 2020 da modalidade olímpica.

Raiza vence no Brasileiro
Raiza vence no Brasileiro    Alemão Silva / MTB Festival

Na disputa entre as mulheres, a goiana Raiza Goulão liderou do começo ao fim para garantir seu tetracampeonato na elite em 1h25min29. Porém, durante toda a prova ela teve a perseguição da mineira Letícia Cândido (Specialized Racing BR) e da cearense radicada em Minas Gerais, Hercília Najara (TSW Racing Team), que completaram em 1h26min33 e 1h27min53, respectivamente. Se após 40 minutos de prova Raiza conseguiu sua maior diferença para a principal perseguidora, Letícia, com 24 segundos à frente, coube a campeã brasileira de 2019 tentar buscar a goiana nas últimas duas voltas, chegando a baixar para 17 segundos, porém sem ter êxito ao final.

"O Brasileiro de XCO em 2019 foi em condições totalmente diferentes para mim. Tive que brigar contra o meu próprio corpo naquele ano. Agora, estou retomando aos poucos, com a cabeça mais madura. Fiz uma corrida diferente hoje (sábado) aqui em Mairiporã, porque às vezes mesmo não estando na sua melhor performance, fazer uma boa estratégia pode ser a diferença. Estou muito feliz com meu quarto título na elite e em poder voltar a usar a camiseta de campeã nacional. Devo isso a toda minha equipe multidisciplinar que está comigo desde o ano passado me dando todo suporte", vibrou Raiza Goulão.

Mesmo não repetindo o resultado de 2019, quando venceu o Brasileiro de XCO e ainda garantiu os títulos de Short Track e Maratona, Letícia Cândido comemorou seu resultado.

"Estou muito feliz com minha medalha de prata. Depois de tudo que passei neste ano, para mim é um mérito pessoal muito grande e estou bastante contente. Quero dedicar essa prata a todas as mulheres que vieram competir no Brasileiro e se desafiaram aqui. O percurso era realmente duro e a chuva deixou ele mais desafiador. Parabéns para a mulherada que veio e enfrentou. Estamos de parabéns", enalteceu Letícia.

Em seu segundo ano disputado o Brasileiro de XCO, Hercília Najara garantiu outro lugar no pódio, evoluindo da quinta para a terceira colocação da temporada anterior para a de 2020. "Foi maravilhoso. Todos do evento tiveram muita determinação para construir essa pista, que fez a alegria de nós competidores. As condições que tivemos, com chuva aqui durante os últimos dois dias, são as que eu gosto. Quanto mais difícil, melhor. Quanto mais água, mais preciso evoluir. Quanto mais técnica ela é, mais vejo que preciso melhorar. Tem que ter paciência no processo. Estou muito feliz", disse Hercília.

Resultados parciais

1 - Raiza Goulão
2 - Letícia Cândido
3 - Hercilia Najara


Relacionados

Comentários



Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.