home

Artista recria obra famosa no Strava para marcar os 30 anos da queda do Muro de Berlim

Ciclista pedalou por quase 300 quilômetros para recriar famoso graffiti dos anos 1990


6 NOV, 2019     Gustavo Figueiredo    
     


Gary Cordery é um nome relativamente conhecido quando falamos em trabalhos artísticos criados com o Strava. Tanto é que, no aniversário de 30 anos da queda do Muro de Berlin, que aconteceu no dia 9 de novembro de 1989, ele foi contratado pela empresa para criar uma arte comemorativa. Para completar sua última obra, o ciclista rodou por um total de 48 horas, 54 minutos e 32 segundos pelas ruas e avenidas da cidade de Berlim, que foi símbolo da divisão mundial criada pelo embate entre os Estados Unidos e a União Soviética, ao longo do período que ficou conhecido como Guerra Fria.

Foto 73762

O trabalho é a recriação do famoso graffiti My God, Help Me to Survive This Deadly Love, também conhecido como Bruderkus, do artista russo Dmitri Vrubel. A pintura representa Leonid Brezhnev e Erich Honecker em um beijo fraternal socialista, reproduzindo uma fotografia que capturou tal momento em 1979, durante o 30º aniversário da fundação da Alemanha Oriental. O graffiti é um dos mais conhecidos do Muro de Berlim.

Foto 73765

A imagem foi criada no Strava com o ciclista pedalando pelas ruas da cidade para criar um "rascunho", que depois aperfeiçoado com edição gráfica. Ao todo, Cordery precisou pedalar por 224.69km, totalizando quase 15 horas em movimento.

Foto 73764

Mais informações no site Strava.Art


Comentários



Relacionados