MENU

Abraciclo Patrocina Evento Sobre o Desenvolvimento Sustentável da Amazônia

Reuniões virtuais promovidas pela Fundação Getúlio Vargas acontecem nos dias 8 e 22 de fevereiro

Release de Imprensa
O desenvolvimento socioeconômico sustentável da Amazônia Brasileira é tema da reunião virtual "Diálogos Amazônicos", promovida pela Fundação Getúlio Vargas e patrocinada pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – Abraciclo, em parceria com o CIEAM (Centro da Indústria do Estado do Amazonas), FIEAM (Federação das Indústrias do Estado do Amazonas e ELETROS (Associação Nacional dos Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos).

Aberto a toda a sociedade, o evento contará com apresentações nos dias 8 e 22 de fevereiro, sempre às 19 horas (horário de Brasília).

"Ações como esta são importantes para discutir e levar à opinião pública a importância do Polo Industrial de Manaus não apenas para o desenvolvimento da região e do País, mas para a preservação da floresta", afirma Paulo Takeuchi, diretor executivo da Abraciclo.

Evento Abraciclo
Evento Abraciclo

O primeiro encontro discutirá "Potenciais da Bioeconomia na Amazônia" e contará com as participações de Roberto Rodrigues (ex-ministro da Agricultura e das mais importantes personalidades do mundo do agronegócio), Izabella Teixeira (ex-ministra do Meio Ambiente e co-presidente do Painel de Recursos Naturais da ONU) e Daniela Chiaretti (repórter especial da editoria de Ambiente, do jornal Valor Econômico).

Já a segunda reunião falará sobre a "Reforma Tributária e Desenvolvimento na Amazônia", e tem como convidados Vanessa Canado (assessora especial no ministério da Economia e professora no Insper), Everardo Maciel (ex-secretário da Receita Federal) e Adriana Fernandes (jornalista e colunista do jornal O Estado de S. Paulo).

"É preciso que a Reforma Tributária mantenha os incentivos na Zona Franca de Manaus, uma vez que as empresas investiram em suas unidades fabris, geraram postos de trabalho e garantiram o desenvolvimento sustentável da região", comenta Takeuchi.

Presente desde a década de 1970 no PIM, o Setor de Duas Rodas produz quase 2 milhões de veículos por ano, entre motocicletas e bicicletas. Ali estão instaladas as fábricas das 14 associadas da Abraciclo, além de 39 componentistas ligados ao setor, que geram cerca de 12,8 mil empregos diretos para a região.

Para saber mais e se inscrever, acesse os links:
Dia 8 - Potenciais da Bioeconomia na Amazônia - https://bit.ly/DA_0802
Dia 22 - Reforma Tributária e Desenvolvimento na Amazônia - https://bit.ly/DA_2202


Relacionados

Comentários

Utilizamos cookies para melhorar a sua experiência no site. Ao continuar navegando você concorda com a nossa política de privacidade.